Grande Recife: Motoristas da Itamaracá Transportes trocaram o ônibus por bicicletas

quinta-feira, 26 de setembro de 2013

O lobo virou ovelha, pelo menos por um dia. Sentiu na pele o perigo que representa, o medo que impõe e a força que possui quando quer fazer uso dela. Numa iniciativa inédita e merecedora de elogios, a Empresa Itamaracá, uma das maiores do Sistema de Transporte Público de Passageiros da Região Metropolitana do Recife, colocou 60 motoristas de coletivos para se passarem por ciclistas, pedalando em meio aos ônibus. 

A experiência foi única, penetrante e, com certeza, fez todos os alunos refletirem sobre o papel que possui quando estão ao volante dos coletivos e têm um ciclista à sua frente.


Os motoristas ficaram em bicicletas fixas, pedalando como se fossem ciclistas, enquanto dois ônibus passavam por eles. Um dos veículos passava tão próximo que colocava em risco a vida dos profissionais, a uma distância de apenas meio metro e buzinando para aumentar a realidade da simulação, algo que nas ruas é super comum – quem é ciclista sabe disso. 

Já o segundo coletivo passava da forma correta, a 1,5 metro, distância regulamentada pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB). A simulação foi coordenada pela Associação Metropolitana de Ciclistas do Grande Recife (AMECiclo), contratada pela Itamaracá para o trabalho, e servirá como projeto piloto para vir a ser usado como treinamento em outras empresas do setor.

Por Roberta Soares
Informações: JC Online
READ MORE - Grande Recife: Motoristas da Itamaracá Transportes trocaram o ônibus por bicicletas

Prefeitos da Grande Florianópolis se únem para melhorar a mobilidade urbana

A sintonia presente entre os quatro prefeitos da Grande Florianópolis marcou a apresentação do Plano Diretor de Capital na sede do Instituto de Planejamento Urbano de Florianópolis (Ipuf) na manhã desta quinta-feira. O Plano será entregue à Câmara de Vereadores no dia 18 de outubro. Mas o prefeito, Cesar Souza Júnior, e o superintendente do Instituto, Dalmo Vieira Filho, deixaram claro que o futuro da cidade depende de ações conjuntas entre as prefeituras daquela que, em breve, será novamente chamada de Região Metropolitana: Florianópolis, São José, Biguaçu e Palhoça. O discurso agradou as lideranças presentes.

Mobilidade urbana foi o ponto central das discussões em torno do Plano Diretor.  Dalmo falou sobre as quatro premissas e onze diretrizes que resumem o projeto. Explicou sobre a preservação do meio ambiente e das paisagens da cidade, criação de centros em todo o município, valorização do entorno da Ponte Hercílio Luz, vocação marítima da cidade e criação de parques urbanos. Mas, todas as falas se concentraram no Sistema Integrado de Mobilidade (SIM), também apresentado na ocasião.


Todos os quatro municípios passam ou devem passar — no caso de Palhoça em 2016 — por uma licitação do transporte público. O modelo instituído com a nova licitação na Capital e com as obras prevista para curto, médio e longo prazo, chamaram a atenção dos presentes. De acordo com José Natal Pereira, vice-prefeito e secretário de infraestrutura de São José, há vontade de melhorar a integração dos ônibus entre os municípios. Camilo Martins, prefeito de Palhoça, conta que hoje os moradores têm que vir a Florianópolis para poder parar no Estreito, por exemplo.

— A prioridade hoje é a mobilidade. No Plano há várias questões a serem discutidas, mas o sistema viário é o que interessa aos quatro municípios — revela José Castelo Deschamps, prefeito de Biguaçu.

Nesse sentido, a grande dúvida levantada foi a funcionalidade do Terminal de Capoeiras, atualmente desativado, mas com planos de reativação dentro do SIM. Martins acredita que é válido reabrir o terminal, mas teme que a população de Palhoça tenha que fazer nova baldiação para chegar à Ilha. Sobre esse assunto, nada ficou decidido. No entanto, os quatro administradores assinaram um termo de cooperação técnica e acordaram em fazer uma reunião mensal com pautas pré-estabelecidas.

— Já conversei com o governador para que seja recriada a Região Metropolitana e assim que for inaugurado o novo prédio da Associação dos Municípios devemos ter um espaço reservado para as discuções — garante Cesar.

Principais pontos do Plano Diretor

— Preservação do meio ambiente com fiscalização efetiva
— Proteção das encostas
— Valorização de conjuntos urbanos de valor cultural
— Preservação das paisagens
— Criar centros no município para evitar conflitos de vizinhança
— Construção de núcleos urbanos planejados
— Equilíbrio na ocupação do solo
— Soluções integradas de mobilidade urbana
— Desenvolvimento da SC-401
— Uso da Ponte Hercílio Luz para o transporte coletivo e criação de parques e decks no seu entorno
— Recuperação das conexões marítimas
— Criação de parques urbanos centrais, como no Aterro da Baía Sul e no Aterro Continental Sul
— Requalificação Urbana do Centro Histórico
— Vivências nas Vias Expressas

Principais ponto do Sistema Integrado de Mobilidade (SIM)

— Nova licitação do transporte coletivo de Florianópolis
— Construção do Anel viário Volta ao Morro e Teleférico
— Colocação de faixa preferencial para ônibus e ciclovia na Avenida Ivo Silveira
— Duplicação da SC-403
— Novo acesso ao Sul da Ilha
— Nova Zona Azul
— Novo Plano Diretor com priorização do transporte coletivo
— Restrição de veículos pesados no horário de pico
— Novo sistema de táxi
— Rede cicloviária
— Terminal de Capoeiras como alimentador Continental
— Elevado Canasvieiras
— Integração à Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) para propostas de mobilidade urbana da Grande Florianópolis
— Quadruplicação da Via Expressa
— Duplicação da Admar Gonzaga
— Nova ponte da Lagoa da Conceição
— Corredor BRT Sul e Norte

Próximas ações do Plano Diretor

— 25 de setembro a 08 de outubro: Oficinas técnicas em 21 localidades de Florianópolis para discussão do Plano Diretor
— 09 a 15 de outubro: Reuniões preparatórias com regiões Norte, Sul, Leste, Central e Continental
— 17 de outubro: II Conferência da Cidade - Audiência Pública (19h às 22h – sem local definido)
— 18 de outubro: Encaminhamento das quase 90 páginas do Plano Diretor para tramitação na Câmara de Vereadores
Calendário completo disponível no site www.pmf.sc.gov.br/entidades/ipuf

Informações: Diário Catarinense
READ MORE - Prefeitos da Grande Florianópolis se únem para melhorar a mobilidade urbana

Prefeitura de Catanduva disponibiliza itinerários e horários do transporte coletivo

A Prefeitura de Catanduva passa a disponibilizar em seu site oficial os trajetos integrais e os horários de funcionamento dos ônibus do transporte coletivo do município, que é realizado pela Empresa Jundiá. O serviço de utilidade pública pode ser acessado no endereço: www.catanduva.sp.gov.br.


A lista traz todas as ruas onde há circulação de ônibus, intervalos e a citação nominal de cada bairro. O cidadão pode acessar os documentos, em formato PDF,. na sessão “Serviços”, por meio do link “Horários de Ônibus”. O link direto pode ser acessado pelo endereço: http://www.catanduva.sp.gov.br/conteudo/link/3336.
  
Imprensa Oficial

Semanalmente, o Imprensa Oficial do Município de Catanduva também publicará os horários e o itinerário dos ônibus da Jundiá. O objetivo é oferecer mais um serviço aos usuários do transporte público no município.

Informações: Notícias da Manhã


Leia também sobre:
·         Metrô São Paulo
·         SPTrans
·         EMTU-SP
READ MORE - Prefeitura de Catanduva disponibiliza itinerários e horários do transporte coletivo

Em Brasília, Ônibus desrespeitam faixa exclusiva na W3 Sul

Quase 15 dias depois do retorno da obrigatoriedade da faixa exclusiva para ônibus na avenida W3 Sul, motoristas do transporte coletivo continuam a desrespeitar a medida.  

Não é difícil encontrar os flagrantes. Imagens gravadas pela TV Record Brasília mostram que um ônibus sai da faixa para fazer uma ultrapassagem.   

O motorista de um microônibus segue pela faixa da esquerda, oposta a que é destinada aos ônibus que circulam pela região.  

Quem for flagrado desrespeitando o uso das faixas exclusivas no DF pode ser multado.  

O motorista de carro particular que for pego leva multa de R$ 53, mais três pontos na carteira.   

Já o motorista de ônibus recebe multa de R$ 85 e quatro pontos na carteira.

Informações: R7.com

READ MORE - Em Brasília, Ônibus desrespeitam faixa exclusiva na W3 Sul

Aplicativo permite monitorar localização de ônibus em Uberlândia

Os usuários do transporte coletivo de Uberlândia terão mais uma ferramenta para auxiliá-los no deslocamento. A Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (Settran) lançou o aplicativo “GeoSIT – Encontre seu ônibus”. O projeto pioneiro de monitoramento on-line do Sistema Integrado de Transporte (SIT) disponibilizará informações em tempo real dos horários e a localização exata do ônibus do transporte urbano. As pessoas que têm aparelho smartphone já podem baixar o aplicativo.

O “Geo-SIT – encontre seu ônibus” monitora todos os veículos das 115 linhas do Sistema Integrado de Transporte. As transmissões ocorrem em cada um dos mais de 2.000 pontos de parada em toda a cidade.

Segundo o secretário de Trânsito e Transportes, Alexandre Andrade, o aplicativo “Geo-SIT – encontre seu ônibus” é um dos mais modernos de todo o país. “Esta ferramenta vai facilitar muito o dia a dia dos usuários do transporte coletivo que saberão os minutos que faltam para o ônibus passar no seu ponto. O intuito é aumentar a qualidade do transporte urbano de Uberlândia,” disse.

Secom PMU

READ MORE - Aplicativo permite monitorar localização de ônibus em Uberlândia

Ônibus serão envelopado de rosa para campanha contra câncer em Manaus

O ‘Outubro Rosa’ está chegando. E para levar informações aos usuários do transporte coletivo sobre os principais tipos de câncer que atingem as mulheres, a empresa Eucatur cederá um ônibus da linha 640, que circulará em Manaus com o lema ‘Uma viagem contra o câncer de mama’. Envelopado na cor rosa, o Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Amazonas (Sinetram) espera que a população se conscientize sobre os males que atingem as mulheres.

Além do ônibus envelopado, que ganha as ruas já a partir do dia 1o de outubro, os demais carros da empresa estarão circulando pelas ruas de Manaus com uma fita de cor de rosa presa ao retrovisor, representando o laço da referida cor, símbolo da campanha.


A linha 640 foi escolhida para fazer parte da campanha pelo fato de ter um percurso mais extenso de viagem. Pelo itinerário, o ônibus  sai do Terminal 4 (T4), no bairro Jorge Teixeira, na zona Leste de Manaus, passa pela Cidade Nova, na zona Norte, e por todo o corredor da avenida Torquato Tapajós em direção ao Centro da cidade.

“Devido ser um ônibus "diferente" do que todos estão acostumados ver nas ruas, ele chama a atenção por onde passa pela sua cor e decoração, fazendo as pessoas que estão no trânsito se interessem pelo assunto e passem a buscar informações, abrangendo assim um número bem maior de pessoas. Os colaboradores do grupo Eucatur também são os multiplicadores desta causa”, informa a coordenadora da campanha, Nara Picanço.

Em 2012, o ônibus rosa surpreendeu os usuários do transporte coletivo da cidade, que elogiaram a iniciativa da empresa. Isso porque, assim como no ano passado, em 2013 também será distribuído entre os passageiros da linha um material informativo sobre a importância dos exames e da prevenção ao câncer de mama – cedido pela Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon).

Nos horários normais a linha circula com uma media de 100 passageiros e nos momentos de pico em torno de 200 usuários são atendidos pela linha 640.

Além dos usuários do sistema de transporte coletivo, as funcionárias da empresa, participarão de palestras e atividades relacionadas ao tema.

Informações: d24am.com
READ MORE - Ônibus serão envelopado de rosa para campanha contra câncer em Manaus

Em Curitiba, Reforma da cobertura acaba com goteiras no Terminal Pinheirinho

Uma das obras mais solicitadas pelos usuários do terminal Pinheirinho ficou pronta nesta terça-feira (24). Reivindicada há mais de 10 anos, a revitalização da cobertura exigiu quatro meses de trabalho. Foram recuperados 1.600 metros lineares de calhas e trocados outros 600 metros, além da readequação de 104 pontos de esgotamento de água e implantação de outras 104 saídas de água.

“Assumimos este compromisso com a população, obedecendo a uma determinação do prefeito Gustavo Fruet, e estamos entregando a obra uma semana antes do prazo previsto”, afirma a diretora de Urbanização da Urbs, Denise Sella. “A obra foi feita no prazo, apesar do inverno rigoroso e do volume de chuva observado neste período”, conta Denise.


A revitalização da cobertura foi feita sem custos para o Município ou para a Urbs, a partir de negociação com a empresa responsável pela manutenção dos terminais. Pelo novo acordo, este tipo de conserto passa a fazer parte das atribuições da empresa sem qualquer custo adicional ao contrato. Embora extremamente necessária, a obra não estava prevista no contrato inicial, feito pela gestão anterior. A preço de mercado, a recuperação da cobertura do terminal Pinheirinho custaria em torno de R$ 1,8 milhão.

Usuários e comerciantes que atuam no terminal já perceberam a diferença. “Foi a obra mais acertada que se fez no terminal”, diz , Marcelo Roberto da Silva, proprietário de uma loja no terminal.

Ele conta que abriu a loja há oito anos e desde então enfrentava problemas sérios com as goteiras e umidade. “Chovia mais dentro do que fora do terminal e isso molhava o teto da loja, umedecia as paredes e comprometia os produtos na prateleira, principalmente as roupas”, relata. A situação chegou a tal ponto que no ano passado ele próprio fez uma segunda forração com placas de fibrocimento e plástico.

Maria Santinha, que todos os dias pega ônibus no Terminal Pinheirinho, também afirma que este era um problema sério. “Tinha lugar que não dava para ficar esperando o ônibus porque chovia bem em cima da gente”.

O aposentado Renato Ribeiro Lemos também aprovou a reforma. “Diziam até que aqui dentro chovia e lá fora pingava. Era sério mesmo, você via pessoas idosas, mulheres com criança tendo que esperar o ônibus e desviar das goteiras”.

Inaugurado em março de 1980, o Pinheirinho é o maior terminal de transporte da cidade, com uma área operacional de 27,3 mil metros quadrados, 33 linhas de ônibus e 140 mil usuários por dia. O reparo na cobertura representou uma obra em 21 mil metros quadrados, feita com o terminal em funcionamento. O segundo maior terminal é em extensão é o Boqueirão, com área operacional de 16,4 mil metros quadrados.

Vistoria

Em 27 de maio, quando iniciou a obra na cobertura do Pinheirinho, a Urbs deu início também a uma vistoria na cobertura de todos os terminais de transporte, estabelecendo um cronograma de reparos de acordo com a gravidade encontrada.

Em junho foi feito um conserto de emergência na cobertura do terminal Hauer. Em agosto, começou a serem feitos os reparos na cobertura do terminal Campo Comprido, com término previsto para a primeira quinzena de outubro. Em outubro, será iniciada a revitalização da cobertura do terminal Capão Raso, com previsão de entrega na primeira quinzena de dezembro.

“Vamos manter um trabalho de manutenção constante para que os problemas sejam solucionados quando aparecerem, sem criar situações como a do Pinheirinho, que exigiu uma obra de grande porte”, explica Denise. “Estamos dando uma atenção muito especial aos terminais, buscando resolver problemas antigos e garantir uma manutenção permanente para que eles não voltem a acontecer”.

A Urbs administra 22 terminais de transporte em Curitiba. São 21 terminais urbanos e o do Guadalupe, onde param as linhas metropolitanas. Por dia, cerca de um milhão de pessoas passam pelos terminais em Curitiba. Os outros nove terminais que fazem parte da Rede Integrada de Transporte ficam na Região Metropolitana e são administrados pelas prefeituras locais.

Informações: Urbs
READ MORE - Em Curitiba, Reforma da cobertura acaba com goteiras no Terminal Pinheirinho

No Recife, Terminal Integrado de Afogados será reformado

A segunda etapa da obra de revitalização do Terminal Integrado de Afogados começa neste sábado (28). A reforma contemplará a substituição da pavimentação do terminal, bem como a construção de banheiros públicos e a reforma da plataforma norte. 

Devido às reformas, a linha 914 - PE-15/Afogados entrará no TI pela Estrada dos Remédios, enquanto a linha 115 - TI Aeroporto/TI Afogados terá acesso às plataformas pela Rua Nicolau Pereira. O desembarque dos passageiros será realizado próximo ao portão de saída do terminal. 

Durante o período de obras a linha 115 - TI Aeroporto/TI Afogados deixará de atender à parada nº 180455, localizada em frente à pracinha de Afogados, próxima ao Banco Itaú. Para ter acesso à praça, os usuários terão duas opções: utilizar a parada anterior, localizada na Rua da Paz próxima à loja da Microlins, ou utilizar a parada nº 180458, localizada em frente à Igreja Católica, no lado oposto a pracinha de Afogados. 
O Consórcio irá disponibilizar divulgadores para orientar os passageiros nos primeiros dias da obra. Em caso de dúvidas, os usuários podem entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente, no 0800.081.0158. 

Informações: GRCT

READ MORE - No Recife, Terminal Integrado de Afogados será reformado

Em Fortaleza, BRTs vão alterar linhas e paradas de ônibus

Com a implantação dos novos corredores expressos para a circulação de ônibus em Fortaleza, os chamados BRTs (Bus Rapid Transit), a estrutura de transporte sofrerá diversas alterações nos próximos dois anos, quando os trechos exclusivos passarão a funcionar. A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) revelou, ontem, que está elaborando um estudo sobre possíveis alterações de itinerários em algumas linhas que percorrem o mesmo trajeto dos corredores a serem estabelecidos. Além disso, o novo sistema vai exigir ônibus e paradas diferenciados para otimizar o deslocamento.

Segundo Miguel Ferreira, chefe da Divisão de Planejamento do órgão, para que não haja sobreposição de linhas nas avenidas que receberão os BRTs, algumas delas precisarão ser reordenadas ou, se necessário, extintas. "As linhas que já existem irão rodar muito próximo aos corredores, então teremos que modificá-las. A ideia é que elas façam integração nos terminais ou no próprio corredor", explica.


Ferreira afirma que a Etufor ainda não fez o levantamento de quantos nem quais percursos sofrerão mudanças, mas aponta que as alterações já se iniciam com a instalação do BRT Copa, o primeiro dos novos corredores a ficar pronto, previsto para junho de 2014.

Conforme o chefe da divisão de Planejamento, os técnicos do órgão estão analisando os percursos das aproximadamente 11 linhas que trafegam nas proximidades das avenidas Alberto Craveiro, Dedé Brasil, Raul Barbosa e Paulino Rocha, que terão as faixas exclusivas para ônibus. Segundo ele, cerca de cinco mil usuários do transporte público somente na região deverão ser afetados pelas alterações.

Por conta da grande quantidade de pessoas que utilizarão o sistema em toda a cidade, Ferreira ressalta que a Etufor fará as mudanças aos poucos, com ações de divulgação e orientação. "Se fizermos uma transformação muito brusca, como foi na época da construção dos terminais, a população não tem como ser preparada", destaca.

Mudanças

O BRT exigirá, ainda, modificações nos modelos de veículos e paradas de coletivos. Segundo Ferreira, a Prefeitura está definindo a possibilidade de utilizar nos BRTs ônibus articulados e equipados com piso baixo e duas portas laterais. A necessidade de ambas as saídas se dá devido ao corredor da Av. Alberto Craveiro, que será instalado no canteiro central.

As paradas também serão diferenciadas. A ideia da Etufor é que o pagamento da passagem seja feito no ponto de espera e não dentro do veículo, como acontece hoje. Os locais deverão abrigar aparelhos para validar o Bilhete Único e estruturas para os usuários que precisem repassar o valor em dinheiro. Dessa maneira, a expectativa do órgão é que o embarque de passageiros seja mais rápido.

Conforme o titular da Secretaria Extraordinária da Copa (Secopafor), Domingos Neto, o início da implantação dos corredores exclusivos depende do estudo e das análises feitas pela Etufor. Ele afirma que as formas de circulação nos corredores, precisam ser mais discutidas, pois algumas propostas, como a do tráfego na Alberto Craveiro por meio do canteiro central, podem não ser a melhor alternativa para conferir velocidade ao trânsito. "Nós estamos discutindo isso, avaliando com os técnicos para que, na Alberto Craveiro, os ônibus também fiquem do lado direito. Porque, senão, teríamos que ter ônibus com portas dos dois lados e, aumentando o número de portas, diminuiria a capacidade de passageiros", diz.

Visita

Na manhã de ontem, representantes do Instituto Internacional de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP) estiveram em Fortaleza para visitar os BRTs e discutir, juntamente à Secretaria Extraordinária da Copa (Secopafor), sugestões de melhorias e características relevantes dos corredores exclusivos.

Ulisses Navarro, diretor técnico de transporte público da organização, afirmou que as primeiras impressões sobre o sistema foram boas. Segundo ele, um dos aspectos de maior destaque é o plano de construir ciclovias ao longo das faixas.

No entanto, o diretor técnico afirmou que o ideal seria o tráfego das bicicletas pelo lado direito da pista e não nos canteiros centrais, como prevê o projeto inicial.

Por Vanessa Andrade
Informações: Diário do Nordeste
READ MORE - Em Fortaleza, BRTs vão alterar linhas e paradas de ônibus

GDF anuncia faixa exclusiva para ônibus no Eixo Monumental

O governo do Distrito Federal anuncicou nesta quarta-feira (25) que vai implementar uma faixa exclusiva para ônibus no Eixo Monumental. O corredor exclusivo terá 25 quilômetros de extensão e passará pela via Estrutural, Eixo Monumental e seguirá até o fim da Esplanada dos Ministérios. A faixa será a maior do DF.

A fiscalização será feita por radares eletrônicos que serão instalados ao longo do corredor. Os aparelhos serão usados para multar motoristas que não respeitarem a proibição de trafegar na faixa exclusiva.

Na Estrutural, o corredor só será exclusivo para ônibus nos horários de pico. No Eixo Monumental e na Esplanada a faixa funcionará durante todo o dia. Nessas vias, serão construídas baias e áreas de recuo para os coletivos. Segundo o GDF, as obras vão começar ainda em 2013.

A criação dos corredores exclusivos tem como objetivo desafogar o trânsito dos ônibus e encurtar as viagens nos coletivos nas principais vias do DF, especialmente nos horários de pico. Atualmente, as passagens estão implantadas na EPTG, EPNB, W3 Sul, W3 Norte e Setor Policial Sul.

Informações: G1 DF

READ MORE - GDF anuncia faixa exclusiva para ônibus no Eixo Monumental

Sistema de semáforos é instalado para implantação do BRT em Uberaba

O projeto da implantação do sistema Bus Rapid(BRT) em Uberaba, que tem o objetivo de agilizar as viagens e dar mais conforto, só deve ser concluído em abril de 2013. Neste período, algumas ações estão em andamento, como o projeto de instalação dos semáforos inteligentes na região central nos próximos 45 dias. O sistema pretende melhorar o tráfego dos ônibus do transporte coletivo.

Para o corredor de ônibus funcionar, é preciso que o sistema semafórico trabalhe de forma integrada. Quando o ônibus passar por um semáforo, o sistema precisa calcular quanto tempo o veículo vai gastar até o próximo, para que ele também esteja aberto.


O novo sistema vai garantir que o usuário espere no máximo três minutos em cada estação. Porém, a novidade, segundo secretário de Planejamento, Cláudio Junqueira, deve causar mais mudanças no trânsito. “Diminuição de conversão à esquerda o que vai evitar a quantidade de paradas dos ônibus em semáforos. Equipamentos serão colocados nos cruzamentos para verificar a necessidade ou não da retirada dessas conversões", explicou.

Obras
No terminal Leste, no Bairro de Lourdes, as obras avançaram nas últimas semanas. A estrutura do telhado foi colocada e o solo também é preparado para receber o asfalto. Já no terminal Oeste, na entrada da Univerdecidade, o cenário é de uma obra abandonada. Máquinas estão paradas e não há funcionários. O secretário garantiu que o trabalho continua, mas está atrasado. "Tivemos que fazer readequação de projeto e o Centro de Operacional de Desenvolvimento e Saneamento de Uberaba (Codau) teve que fazer as redes de água pluvial", alegou.

Projeto
Os novos ônibus foram apresentados à população em dezembro do ano passado. As doze estações que fazem parte do corredor também foram instaladas, mas na maioria delas falta as catracas e assentos, sem falar nos estragos. Ainda de acordo o secretário, tudo deve estar pronto no começo do ano que vem.
“É bem razoável, de acordo com o que os fornecedores têm nos dito. As secretarias envolvidas no processo disseram que em abril o projeto estará entregue”, acrescentou.

Informações: G1 Triângulo Mineiro
READ MORE - Sistema de semáforos é instalado para implantação do BRT em Uberaba

São Paulo estuda proibir táxis em corredores de ônibus

Os táxis poderão ser proibidos de circular nos corredores de ônibus de São Paulo. É uma possibilidade que está sob avaliação da gestão Fernando Haddad (PT). O secretário municipal dos Transportes, Jilmar Tatto, afirmou nesta quarta-feira, 25, que realizará um levantamento para identificar as atuais interferências nas vias exclusivas, entre elas a entrada de táxis que reduzem a velocidade média dos coletivos.

"Estamos no momento de uma profunda reflexão, só isso. Tem um estudo de 2011 feito pela SPTrans (São Paulo Transporte, empresa que gerencia o sistema de ônibus) que já apontava que realmente atrapalha o operação dos ônibus a entrada dos táxis nos corredores", disse Tatto.


De acordo com ele, a velocidade dos ônibus nos corredores hoje é de 14 km/h, em média, o que ele considera "muito baixo". Com a lentidão, agravam-se os problemas da demora da passagem dos coletivos e da superlotação nos pontos e dentro dos veículos.

Outras interferências que serão analisadas pela Secretaria Municipal dos Transportes são o excesso de linhas de ônibus e o uso excessivo dos corredores por ônibus da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU), que pertence ao governo do Estado. Além disso, o tempo dos semáforos em grandes cruzamentos poderia ser alterado para priorizar o transporte público.

"Tudo isso estamos levantando para tomar medidas mais para a frente, mas não há decisão com relação à retirada dos táxis dos corredores neste momento", afirmou o secretário. A permissão para a circulação dos táxis nos corredores de ônibus da cidade é concedida anualmente por meio de portaria da Secretaria Municipal dos Transportes. A próxima vence em setembro do ano que vem. Mas a portaria pode ser revogada a qualquer momento.

Entidades sindicais ligadas aos taxistas são contrárias. Elas pedem que a Prefeitura amplie a permissão para os táxis circularem também nas faixas exclusivas à direita. (Com Caio do Valle)

Informações: Diário do Grande ABC

Leia também sobre:
·         Metrô São Paulo
·         SPTrans
·         EMTU-SP
READ MORE - São Paulo estuda proibir táxis em corredores de ônibus

Prefeitura de Florianópolis prevê iniciar 8 obras de mobilidade em 2014

Até o final do primeiro semestre do ano que vem, oito obras de mobilidade urbana devem começar em Florianópolis. Pelo menos é o que prevê a prefeitura, dentro do Sistema Integrado de Mobilidade (SIM), apresentado na terça-feira.

Segundo o secretário-adjunto de Obras, Domingos Zancanaro, a prefeitura tem até março para apresentar à Caixa Econômica Federal os projetos concluídos - para garantir recursos do PAC 2 - de duas obras que vão impactar diretamente no trânsito da região central: o anel viário do Morro da Cruz e o teleférico até a Trindade.

A primeira é a implantação de um anel viário de 14,9 quilômetros, de contorno ao Morro da Cruz, com corredores exclusivos para ônibus em alguns trechos e faixas compartilhadas preferenciais ao transporte coletivo nos horários de pico. O teleférico levará passageiros do Centro até a Praça Santos Dumont, próximo à UFSC, passando sobre o Morro da Cruz.
Juntas, as obras custarão R$ 149 milhões e devem ser concluídas em 2016. Até outubro deste ano, também vence o prazo para a prefeitura apresentar à Caixa os projetos da implantação de vias marginais em dois trechos da Avenida Beira-Mar Norte e pavimentação das ruas Pastor William Richard Schisler Filho e Padre Rohr.

E devem ser licitadas até o fim do ano a recuperação da Avenida Ivo Silveira, com implantação de ciclovia e corredor exclusivo de ônibus, e o Elevado do Rio Tavares. O pacote de obras do SIM foi apresentado pelo prefeito na tarde desta terça-feira, em entrevista coletiva.

Também compõe o SIM o lançamento do edital de concessão do transporte coletivo, que deve ser publicado no diário oficial na segunda-feira, propondo melhorias tecnológicas no sistema de transporte e tarifa de R$ 2,60.
"Se as empresas vão ter que fazer esforço com investimentos, o poder público também. É a única maneira de tirar a cidade do engessamento", avalia o prefeito Cesar Souza Junior.

As medidas pretendem atrair passageiros ao sistema público de transporte e melhorar a mobilidade na capital. O SIM agrega ações e obras de infraestrutura que devem ser executadas em etapas de curto a longo prazo, pelos próximos 30 anos, em parceria com o Estado e a União, como o uso da Ponte Hercílio Luz pelo transporte coletivo, 5,4 mil vagas da nova Zona Azul e parquímetros, duplicação da SC-403 e quadriplicação com corredor de ônibus da Via Expressa.

Informações: Revista Grandes Construções
READ MORE - Prefeitura de Florianópolis prevê iniciar 8 obras de mobilidade em 2014

Aprovado projeto de bilhetagem única para ônibus e alternativos em Natal

A Câmara Municipal de Natal aprovou, à unanimidade, o projeto de bilhetagem única para o transporte coletivo na capital potiguar. Com a aprovação do projeto, que ocorreu em regime de urgência na sessão ordinária da tarde desta quarta-feira (25), o bilhete eletrônico utilizado como passagem nos ônibus de Natal também poderá ser utilizado em transportes alternativos.

Com as galerias da Câmara Municipal lotadas por permissionários e funcionários do setor de transporte alternativo, os vereadores votaram favoravelmente à matéria, que era uma reivindicação antiga por parte dos permissionários. Segundo eles, desde que a bilhetagem eletrônica foi estabelecida, a categoria acumulou significativas perdas. O fato, inclusive, foi motivo para a ocupação da Prefeitura do Natal recentemente.


Após a aprovação do projeto, a matéria segue para a sanção do prefeito Carlos Eduardo, que definirá o prazo para a implantação da bilhetagem. A tendência é que a nova norma passe a vigorar logo após a adequação dos transportes alternativos à nova tecnologia.

Mudanças

Além da bilhetagem unificada, os vereadores também cogitam novas mudanças nos transportes públicos antes mesmo da licitação, prevista para o fim do ano. O vereador George Câmara (PCdoB) informou que vai apresentar emenda à lei orgânica do município tratando sobre a venda dos cartões de passagem. O parlamentar quer que a venda saia do controle do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos do estado (Seturn) e passe a ser responsabilidade do Poder Público.

Informações: Tribuna do Norte
READ MORE - Aprovado projeto de bilhetagem única para ônibus e alternativos em Natal

Veja a integra do edital da licitação do transporte coletivo de Florianópolis e todos seus anexos

A prefeitura de Florianópolis acabou de publicar o edital de concorrência pública da licitação do sistema de transporte coletivo. Para acessar a íntegra do documento e os anexos é necessário ir ao site da prefeitura, clicar em 
“editais” e depois em “licitações”.


Para baixar os arquivos é necessário se cadastrar no site.
O texto do edital pode ser diretamente aqui no blog:
Seguem os anexos do edital. Eles estão todos no site da prefeitura, onde é necessário cadastro para o download.


Informações: Diário Catarinense
READ MORE - Veja a integra do edital da licitação do transporte coletivo de Florianópolis e todos seus anexos

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960