Ônibus Mercedes-Benz entram em operação no primeiro BRT da região Norte do País

segunda-feira, 22 de agosto de 2016

A Mercedes-Benz do Brasil participa, mais uma vez, do desenvolvimento do transporte coletivo nas grandes capitais do País. A Empresa comercializou 15 unidades do chassi articulado O 500 MA para o primeiro sistema BRT (Bus Rapid Transit) da Região Norte do Brasil, em Belém, estado do Pará. Os ônibus Mercedes-Benz são os primeiros a entrar em operação no trecho recém-inaugurado de 19 km, que interliga o Terminal Mangueirão à estação Antonio Baena.

“A presença de nossa marca no BRT de Belém, o mais novo do País, é fruto de parceria com as empresas operadoras e os gestores de mobilidade urbana da cidade”, diz Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Com base em sua ampla experiência e conhecimento, a equipe de assessoria em sistemas de transporte da nossa Empresa apresentou vários estudos aos planejadores locais, fornecendo informações para que fosse desenhada a melhor solução frente às características e às demandas locais. Esse apoio foi essencial por se tratar da implantação de um novo conceito de transporte urbano em Belém”.

Com base nas características do sistema de transporte adotado na cidade, o modelo indicado foi o chassi articulado O 500 MA da Mercedes-Benz, equipado com carroçaria para transportar até 140 passageiros. Todos os ônibus são equipados com ar condicionado. Como o sistema implantado utiliza estações elevadas, este veículo de piso alto foi o mais adequado para facilitar e otimizar o embarque e desembarque de passageiros com conforto e segurança. A expectativa dos gestores e operadores é reduzir o tempo das viagens em até 70%.

Mercedes-Benz treinou os motoristas para o BRT Belém

De acordo com Walter Barbosa, o trabalho de parceria foi ainda mais amplo nesse atendimento aos clientes da capital do Pará, em especial ao operador Belém Rio, que já vem de uma longa história de relacionamento com a marca na Região Metropolitana de Belém. “Disponibilizamos às empresas operadoras um     O 500 MA de nossa frota de demonstração durante um mês, para que elas pudessem comprovar, na prática, os atributos do nosso veículo, como força, excelente desempenho, robustez e resistência na severa aplicação do transporte coletivo”, diz o executivo. “Os técnicos de demonstração fizeram um primeiro treinamento aos motoristas locais, instruindo-os a extrair o máximo de conhecimento do nosso ônibus articulado”.

A área de Peças e Serviços ao Cliente da Mercedes-Benz também ofereceu treinamento aos motoristas que operam os ônibus em Belém, focando em dirigibilidade, segurança e economia, aspectos fundamentais para quem passou a operar um ônibus articulado de 28 toneladas e 18 metros de comprimento.

Articulados O 500 são sucesso em sistemas de transporte

Os ônibus Mercedes-Benz circulam hoje, de forma intensa, nos principais sistemas de transporte coletivo urbano de grandes regiões metropolitanas do País, como Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba e agora Belém. “Tanto no BRT, como em sistemas por corredores ou faixas exclusivas, nossa participação é extremamente expressiva. São cerca de 70% de participação da marca no segmento urbano no País”, informa Walter Barbosa.

A Mercedes-Benz também tem aumentado sua participação nas vendas de ônibus como um todo. Apesar da atual retração do mercado no País, no acumulado de janeiro a julho, a Empresa manteve sua liderança no segmento acima de 8 toneladas, com cerca de 60% de market share.

Assessoria especializada para BRT e outros sistemas de transporte

Além da mais completa linha de ônibus, a Mercedes-Benz  oferece ao mercado assessoria especializada em transporte de passageiros, por meio de uma equipe totalmente focada em sistemas como o BRT, apoiando clientes, órgãos gestores e consultorias. Como exemplo, os profissionais da área deram importante contribuição às etapas de construção e operação do BRT do Rio de Janeiro.

A Empresa tem conhecimento e experiência mundial e local para a implantação desse tipo de sistema. A marca está presente hoje nos principais BRTs no mundo, como os do Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília e Curitiba no Brasil, Bogotá na Colômbia, Santiago do Chile, México, Turquia e África do Sul. Os sistemas destes países estão entre os que mais transportam passageiros por ônibus urbanos no mundo.

Mercedes-Benz oferece quatro modelos de ônibus articulados

A linha de chassis Mercedes-Benz para ônibus urbanos articulados conta, atualmente, com quatro modelos: superarticulados O 500 UDA Low Entry (piso baixo) e O 500 MDA (piso alto) e também os articulados O 500 UA Low Entry (piso baixo) e O 500 MA (piso alto).

Os modelos Low Entry são indicados para pontos de embarque ao nível da calçada. Já os de piso alto são mais adequados a corredores que utilizam plataformas de embarque elevadas. Todos estes chassis da marca são indicados para corredores, faixas exclusivas e BRT, ficando a cargo dos gestores e operadores a escolha do modelo que melhor atenda ao perfil e ao dimensionamento da capacidade do seu sistema de transporte.

Os clientes da Mercedes-Benz têm à disposição a mais completa linha de chassis de ônibus. São mais de 90 versões para atender todas as demandas dos clientes, com modelos para transporte urbano, rodoviário, fretamento, turismo e escolar – do microônibus para 19 passageiros ao superarticulado para mais de 200 pessoas.

Informações: Mercez Benz
READ MORE - Ônibus Mercedes-Benz entram em operação no primeiro BRT da região Norte do País

VLT recebe novos Sistemas de Porta de Plataformas na Baixada Santista

A Baixada Santista terá novos Sistemas de Porta de Plataformas (PSD - Plataform Screen Doors) em seus VLT's entre Barreiros (São Vicente) e a Estação Porto. Eles já começaram a ser instalados.

O Consórcio Bosung-Arquitrave foi o vencedor da licitação pública realizada pela EMTU /SP e fornecerá 15 PSD's. A instalação começou com a colocação das colunas e vigas de suporte em aço galvanizado, que é fabricada no Brasil. Os sistemas eletromecânicos e vidros laminados, de 8mm de espessura e película que filtra os raios UV, foram fabricados na Coréia do Sul.

Esse equipamento tem a função de organizar os embarques, assim como ocorre na Linha 4-Amarela do Metrô de São Paulo. A Estação Bernardino de Campos, em Santos, é a primeira a contar com o sistema. Esse investimento representa cerca de R$ 35,5 milhões. A próxima a receber a tecnologia será a estação Mascarenhas de Moraes, em São Vicente.

Por ser um sistema novo no Brasil, ainda está sendo analisado o tempo que levará a montagem na estação Bernardino de Campos.

Atualmente, o Sistema Integrado Metropolitano da Baixada Santista conta com seis VLT's que atendem nove estações no trecho entre Barreiro e a Estação Porto.

Do Portal do Governo do Estado
READ MORE - VLT recebe novos Sistemas de Porta de Plataformas na Baixada Santista

Em Curitiba, Tecnologia facilita a vida de usuários do transporte, táxi e rodoviária

Aplicativos desenvolvidos pela Urbs permitem que o cidadão tenha à mão, no computador ou no celular, informações em tempo real sobre horários e localização dos ônibus do transporte coletivo e chegadas e saídas de ônibus rodoviários, tabelas de horários e informações de identificação de táxis e taxistas.

São seis mobiles, disponíveis no site da Urbs (www.urbs.curitiba.pr.gov.br) e que não precisam ser baixados, o que permite oferecer informações em tempo real, sem necessidade de atualização no celular. Um sétimo mobile, destinado a oferecer informações a pessoas com deficiência visual, se encontra em desenvolvimento e pode ser localizado no site, ainda em fase de testes.

Para acessar pelo celular basta contar com serviço de internet – via operadora ou wi-fi. A partir deste mês, terminais de transporte receberão rede de wi-fi, que também deve ser um dos acessórios de ônibus que venham a ser adquiridos para renovação de frota.

No sítio Mobiles, o usuário encontrará o Itibus 3, que oferece informações do transporte coletivo em tempo real. O Boletim do Transporte informa todas as alterações que são feitas nas linhas. Na Tabela Horário é possível conferir os horários de todas as linhas do transporte coletivo. Em Cartão Transporte aparece o extrato simplificado das últimas 12 utilizações do cartão transporte e o saldo de créditos disponível, para cartões que tiveram movimentação há menos de seis meses.

Outros dois mobiles também prestam importante serviço ao cidadão. O Táxi Legal permite identificar o motorista do táxi e ter informações como a marca e a placa do veículo, o número do cadastro na Urbs e o nome, com foto, do proprietário do táxi e dos motoristas auxiliares.

O outro aplicativo, também desenvolvido pela área de TI da Urbs, é o Monitor Rod, com informação, em tempo real, de chegadas e saídas de ônibus rodoviários, horário previsto e horário real de chegada na plataforma, empresa operadora, além do portão e da plataforma de embarque.

O desenvolvimento destes aplicativos tem como objetivo facilitar a vida do cidadão que se desloca pela cidade usando o transporte coletivo ou táxi, ou que vai viajar e precisa saber se o ônibus vai sair na hora certa.

Veja o que cada móbile oferece:

Itibus 3 – Utiliza a plataforma do Google Transit o que permite ter as informações no mapa. Informa sobre linhas, rotas de ônibus e posição de pontos e veículos em tempo real. O cidadão pode, por exemplo, verificar em que ponto do trajeto está o ônibus que ele está aguardando. Também permite verificar locais de interesse (escolas, feiras, unidades de saúde, parques, etc) que estejam na rota do ônibus. Basta colocar o número ou nome da linha ou da região. Por exemplo, se digitar Santa Cândida, o visor vai trazer as várias linhas que passam por ali. Clicando na linha de interesse, o trajeto será mostrado no mapa com a localização dos ônibus.

Boletim do Transporte – Atualizado de forma permanente, informa alterações que estão sendo implantadas na linha, como adequações de trajeto, de horário, identificação, etc. Basta clicar no mobile que dispõe, também, de serviço de busca.

Táxi Legal – Esqueceu algum pertence e que localizar o taxista? Tem uma denúncia ou reclamação para fazer? Quer ter mais segurança e conferir quem é o motorista? Basta abrir o Táxi Legal e digitar o número do táxi disponível no painel e nas laterais do veículo. Na tela vão aparecer a foto do proprietário e dos taxistas autorizados, com o número do táxi, veículo, placa e número de cadastro de cada taxista na Urbs.

Monitor Rod – Basta clicar no mobile para ter informações das linhas de ônibus rodoviário, disponíveis por horário de saída ou de chegada. Cidades de destino ou de origem, empresa, horário previsto e horário real de embarque ou desembarque, além dos números de portão e plataforma. Por exemplo, se você precisar buscar alguém que está chegando de ônibus na Rodoviária, poderá controlar pelo mobile o horário em que a pessoa vai chegar.

Tabela Horário – Lista todas as linhas do transporte coletivo. Clicando no ícone do ônibus aparecem informações sobre forma de pagamento, categoria (convencional, expresso, ligeirinho, etc) e horários de tabela nos terminais ou principais pontos.

Cartão Transporte – Informa postos e horários de atendimento. Digitando o CPF e o número do cartão, o cidadão terá em mãos o extrato das últimas movimentações - em que linha, dia e horário utilizou seu cartão – e o saldo de créditos disponível.

Informações: Bem Paraná
READ MORE - Em Curitiba, Tecnologia facilita a vida de usuários do transporte, táxi e rodoviária

Mais de 9 milhões de passageiros utilizaram o BRT nas Olimpíadas

Entre os dias 05 e 18, aproximadamente 9,6 milhões de passageiros foram transportados no sistema de BRT. Desses, cerca de 1,9 milhão usaram os serviços especiais olímpicos, que atendem o público que vai para o Parque Olímpico, na Barra da Tijuca, e ao Complexo Esportivo de Deodoro.
Guito Moreto / Agência O Globo

O número total leva em conta entradas em todo o sistema BRT Rio, neste período, por cartão RioCard Jogos Rio 2016, Bilhete Único e gratuidades. A atualização dos dados, no entanto, não alterou o dia de maior recorde de embarques e desembarques. No dia 12, sexta-feira da semana passada, 855 mil pessoas utilizaram os serviços convencionais e os implantados para as Olimpíadas. Isso representa um acréscimo de 31% em relação a um dia de operação sem evento.

A diretora de Relações Institucionais do BRT Rio, Suzy Balloussier, destacou que pode acontecer uma possível queda nos números nos próximos dias, por causa do término das competições. Mas o saldo geral, até o momento, é extremamente positivo.

- É um quantitativo expressivo e que mostra nossa capacidade de transporte de massa. Se for fazer um comparativo, carregamos em 14 dias o equivalente à população da Suécia. É realmente uma marca que entrou para nossa história.-, afirmou.

INTEGRAÇÕES

Nos dez primeiros dias de competições dos jogos olímpicos, 781.523 passageiros fizeram integração do BRT Rio, pelo Terminal Jardim Oceânico, na Barra da Tijuca, com a Linha 4 do metrô. O levantamento, que foi feito entre os dias 5 e 14 de agosto, considera o uso do cartão RioCard Jogos Rio 2016 e do Bilhete Único (usado por quem está trabalhando nos equipamentos olímpicos).

Informações: O Globo
READ MORE - Mais de 9 milhões de passageiros utilizaram o BRT nas Olimpíadas

Faixa azul da Avenida Recife aumenta velocidade dos coletivos em 56%

Com um mês de funcionamento, a Faixa Azul da Avenida Recife promoveu um ganho de 56% na velocidade média dos ônibus, que passou de 14,8 km/h para 23,1 km/h, no horário de pico, que vai das 6h às 9h. Já no período entre 17h e 19h, o ganho foi de 47%, passando de 14,1 km/h para 20,7 km/h.

Pelo corredor passam 29 linhas de ônibus, diariamente, totalizando 1.660 viagens. São 82 mil passageiros utilizando os 3,6 km de faixa exclusiva por dia, que já sentem a melhora na mobilidade no percurso. A ação é uma iniciativa da Prefeitura do Recife, que já implantou 32 kms de Faixas Azuis desde 2013.

O balanço foi divulgado na manhã desta sexta-feira pela Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano do Recife. "A Avenida Recife é a sétima via a receber a Faixa Azul na cidade, e ao todo, os corredores beneficiam mais de 635 mil passageiros. Agora, as pessoas que utilizam o transporte público chegam mais rápido aos seus destinos, o que é muito bom", destaca o secretário João Braga.

A Faixa Azul funciona de segunda a sexta-feira, das 6h às 22h. Além dos ônibus, os táxis do município do Recife também têm acesso aos corredores. Os demais veículos só podem entrar no corredor quando precisarem realizar conversões e acessar os lotes à direita. A sinalização horizontal mostra aos condutores, quando a linha for pontilhada, que é possível entrar na faixa. A fiscalização já está valendo, e os motoristas que forem flagrados utilizando a faixa irregularmente estarão passíveis a multa gravíssima, no valor de R$ 191,54 e 7 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Com a implantação da Faixa Azul da Avenida Recife, Prefeitura do Recife alcançou a marca de 32 kms de Faixa Azul implantados. Atualmente, a ação está também nas avenidas Marechal Mascarenhas de Moraes, Domingos Ferreira e Conselheiro Aguiar, além das ruas Cosme Viana e  Real da Torre. No total, Recife passou a ter cerca de 54 quilômetros de corredor exclusivo para ônibus, contando com os corredores que já existiam na cidade antes da Faixa Azul. Isso representa um aumento de cerca de mais de 155% no número de quilômetros de prioridade para o transporte público no Recife desde  2013, quando a cidade possuía pouco mais de 20 kms de faixas exclusivas.

A implantação dos corredores exclusivos garantiu um aumento significativo na velocidade média dos coletivos. Na Faixa Azul da Avenida Mascarenhas de Moraes, os ônibus passaram de 21 km/h para 35,4 km/h, o que representa um ganho total de 66,6% na via. Já na Avenida Herculano Bandeira, onde a implantação da Faixa Azul aconteceu em junho de 2014, a velocidade saiu de 11 km/h para 24 km/h - um aumento de 118%. Já na Rua Cosme Viana e na Avenida Conselheiro Aguiar, houve um ganho de 38,8% (de 18 km/h para 25 km/h) e 49% (de 13.1 km/h para 19.5 km/h) na velocidade média dos ônibus, respectivamente.

Informações: Diário de Pernambuco
READ MORE - Faixa azul da Avenida Recife aumenta velocidade dos coletivos em 56%

Em BH, Caixa aprova verba para implantação do Move na avenida Amazonas

O prefeito Marcio Lacerda (PSB) anunciou, na noite desta quinta-feira (18), que o contrato para a construção do BRT Move na avenida Amazonas está sendo revalidado pela Caixa Econômica. O banco deve liberar cerca de R$ 200 milhões para a obra. O anúncio foi realizado durante inauguração do comitê de campanha de Délio Malheiros (PSD).
Foto: Gabriela Guimarães

“Hoje, a Caixa ligou para o nosso secretário de Finanças e disse que está revalidando o contrato de liberação financiamento para a implantação do BRT Move na Avenida Amazonas. Isso significa que ainda precisa ter uma autorização do Ministério da Fazenda para iniciar a liberação”, ressaltou o prefeito.

Se a União liberar o financiamento - que já havia sido adiado devido a crise econômica -, o Executivo municipal irá concluir o projeto para a construção do sistema. E, logo depois, será aberto o processo licitatório para as obras. Com isso, o processo de implementação do BRT Move deve ficar a cargo da a próxima gestão.

O BRT na avenida Amazonas foi anunciado pela Prefeitura de Belo Horizonte em outubro de 2014. Na época, o valor estimado para a obra, era de R$ 547 milhões. Sendo que, R$ 377 milhões seriam da própria prefeitura e, o restante de um financiamento do governo federal.

Segundo os estudos preliminares da administração municipal, o sistema prevê 9 km de corredor central exclusivo para ônibus e uma via em cada sentido, entre a avenida Paraná e o Anel Rodoviário. O conceito original para a obra não exige desapropriações e recebe o nome de Expresso Amazonas. 

Por Francisny Alves
Informações: O Tempo
READ MORE - Em BH, Caixa aprova verba para implantação do Move na avenida Amazonas

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960