Empresários calculam a tarifa dos ônibus de Porto Alegre em R$ 4,30

segunda-feira, 30 de janeiro de 2017

Enquanto o cálculo prévio da Associação dos Transportadores de Passageiros de Porto Alegre (ATP) aponta para uma tarifa técnica de R$ 4,30 nos ônibus, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) faz projeções considerando três cenários — o valor mais alto é R$ 4,05. As informações são de Zero Hora.

Os representantes dos empresários entregaram o estudo na sexta-feira ao prefeito Nelson Marchezan, e a administração municipal divulgou os valores nesta segunda. 

O primeiro cenário calculado pela EPTC é sem reajuste dos rodoviários: a passagem ficaria em R$ 3,95, frente aos atuais R$ 3,75. Caso haja reajuste de 5,15% parcelado em duas vezes (fevereiro e agosto), o valor subiria para R$ 4. E, com reajuste de 5,15% pago de forma integral em fevereiro, o valor seria R$ 4,05. A EPTC afirma que o o dissídio dos rodoviários foi estimado em 5,15% baseado na projeção do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) de fevereiro de 2016 a janeiro de 2017.

Conforme a prefeitura, uma equipe do Tribunal de Contas do Estado (TCE) acompanhará desde o início as tratativas para definição do novo valor. Marchezan anunciou para os próximos dias uma consulta pública sobre itens que impactam no preço da passagem, como benefícios, gratuidades e descontos.

Depois de definido o dissídio dos rodoviários, com data-base em 1º de fevereiro, a ATP encaminhará solicitação de reajuste à EPTC. A empresa pública fará levantamentos para determinar qual a tarifa técnica, e o processo de reajuste será encaminhado ao Conselho Municipal de Transportes Urbanos (Comtu). Após os conselheiros votarem sobre o reajuste, o resultado é levado ao prefeito.

Composição do valor da passagem:

- 49% de despesa com pessoal
- 22% de despesas variáveis (combustível, lubrificantes, pneus e recapagens)
- 9% de lucro, 6% de depreciação de capital (renovação da frota)
- 5% com a manutenção da frota
- 5% em tributos (alíquota federal lei 12.715/12 e custo de gestão da Câmara de Compensação Tarifária)
- 4% com despesas administrativas.

Informações: Zero Hora
READ MORE - Empresários calculam a tarifa dos ônibus de Porto Alegre em R$ 4,30

Foztrans quer substituir 500 pontos de ônibus

O Instituto de Transporte e Trânsito de Foz do Iguaçu (Foztrans) deu início a elaboração de um edital para a troca e reforma dos pontos de ônibus da cidade.

A previsão é que até o próximo mês seja aberta a licitação para a realização dos serviços. A definição sobre o valor a ser utilizado pelo Foztrans na substituição e reparos deve ocorrer nos próximos dias.

De acordo o diretor de Trânsito e Sistema Viário, Robson Lima Souza, que também responde pela superintendência do instituto, a responsabilidade pelos serviços é do órgão. Ainda de acordo com ele, atualmente existem na cidade mil abrigos utilizados por usuários do transporte público.

Deste total, conforme levantamento do Foztrans, 200 necessitam de reparos, ocasionados pela falta de manutenção, e outros 300 estão em situação precária. Estes últimos serão substituídos por modelos diferentes.

“A licitação está sendo preparada para atender o corredor turístico, principais ruas e avenidas, além dos bairros da cidade. Nas áreas em que for possível substituir por um modelo maior, a empresa a ser contratada providenciará”, comentou o diretor.

Informações: Radio Cultura
READ MORE - Foztrans quer substituir 500 pontos de ônibus

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960