Rio terá 214 novos ônibus no BRT para as olimpíadas

terça-feira, 2 de junho de 2015

O Consórcio operador do BRT no Rio de Janeiro deverá adquirir 214 novos ônibus articulados até abril de 2016. Os veículos serão usados no Transolímpica, usado para ligar Deodoro à Barra, e o trecho final do corredor Transoeste, entre o terminal Alvorada e o Jardim Oceânico, conhecido como lote zero.

Os dois corredores devem iniciar a operação parcialmente em maio de 2016. De acordo com o decreto do prefeito Eduardo Paes, os veículos “deverão estar em condições para efetiva operação até 30 de abril de 2016”.

Ilha e Vila Isabel terão mais quatro corredores BRS

Serão implantados outros quatro BRS (Bus Rapid Service – faixas exclusivas para ônibus e táxis com passageiros): um na Estrada do Galeão, na Ilha do Governador, e três em Vila Isabel.

Por Renato Lobo
Informações: Portal Via Trolebus

READ MORE - Rio terá 214 novos ônibus no BRT para as olimpíadas

Trens da CPTM podem parar nesta quarta-feira

A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e os sindicatos que representam os ferroviários se reuniram nesta terça-feira (2), no Tribunal Regional do Trabalho (TRT), mas não chegaram a um acordo quanto ao reajuste salarial da categoria. A CPTM ofereceu duas propostas, que serão levadas às assembleias da categoria, que acontecem às 18h desta terça-feira. Os trabalhadores podem nesta assembleia decidir por uma greve

Esta foi a terceira audiência de conciliação no TRT. Os ferroviários reivindicam 7,89% de reajuste salarial mais 10% de aumento real.  A próxima reunião no TRT está marcada para o dia 11, às 13h.

A companhia propôs reajuste salarial com base no IPC, de 6,6527%, com adicional de 1% e reajuste de 10% sobre os benefícios. A segunda oferta é de reajuste linear de 8,25% sobre salário e benefícios. O conselho de conciliação do TRT sugeriu ainda um reajuste de 6,6527% (IPC) + 1% de reajuste e 15% de aumento nos benefícios.

Durante a reunião, a CPTM chegou a oferecer 8,5% de reajuste salarial e de benefícios, mas, durante o recesso da audiência, a diretoria da empresa foi contra a proposta.

O presidente do Sindicato dos Ferroviários de São Paulo, Eluiz Alves de Matos, responsável pelos trabalhadores pelas linhas 7-Rubi e 10-Turquesa, acredita que a assembleia deve rejeitar as propostas da companhia.

Metroviários
Na noite desta segunda-feira (1º), o Sindicato dos Metroviários de São Paulo decidiu aceitar a proposta de reajuste salarial feita pelo Metrô em audiência de conciliação no Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 2ª região.

Pela proposta o Metrô aumentou o reajuste dos salários de metroviários e engenheiros de 7,21% para 8,29%. Os dois sindicatos que representam as categorias pediam reajuste de 18,64% e 17,01%, respectivamente, mas na assembleia decidiu aceitar a proposta da empresa. Com isso, não haverá greve no Metrô de São Paulo.

O Metrô também ofereceu 10% de reajuste para vale-alimentação e vale-refeição desde que os trabalhadores aceitem a nova forma de pagamento da participação nos resultados da companhia, em parcela fixa mais 40% atrelados a metas. Atualmente só os 40% são vinculados a metas. "Foi uma conquista importante da categoria. Não é o que a gente queria mas na conjuntura atual foi o que conseguimos", disse o presidente do sindicato, Altino de Melo Prazeres Júnior.

Informações: G1 São Paulo
READ MORE - Trens da CPTM podem parar nesta quarta-feira

EMTU SP começa a rever rede de linhas da Região Metropolitana

A Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU/SP), que por força do decreto número 60.865, publicado no final do ano passado no Diário Oficial do Estado, assumiu mês passado, o gerenciamento dos transportes intermunicipais na Região Metropolitana de Sorocaba (RMS), começou a redesenhar a rede de linhas, que atende Sorocaba e outros 25 municípios da região. 

O trabalho iniciado pela empresa controlada pelo Governo do Estado de São Paulo, vinculada à Secretaria de Estado dos Transportes Metropolitanos (STM), definirá também novos itinerários, tarifas e equipes de fiscalização. 

"A EMTU/SP está estudando os itinerários repassados pela Artesp na região. A partir desses dados, irá elaborar estudos técnicos sobre as linhas, conhecendo os itinerários e possíveis seccionamentos (cortes), além da frota disponível e as tarifas praticadas na região metropolitana", informou a empresa por intermédio da sua assessoria de comunicação. 

De acordo com a empresa, uma das primeiras providências tomadas será vistoriar as garagens, inspecionar frotas e implantar o novo padrão visual metropolitano, para que as pessoas possam identificar com facilidade as linhas. 

"A EMTU/SP está preparando uma pesquisa de origem e destino para identificar os itinerários preferidos dos usuários e assim aumentar a oferta de ônibus, melhorando a mobilidade dos moradores dos 26 municípios que compõem a nova RMS", informou a assessoria, sem precisar quando o trabalho será concluído. 

Entre os municípios da RMS estão: Alambari, Alumínio, Araçariguama, Araçoiaba da Serra, Boituva, Capela do Alto, Cerquilho, Cesário Lange, Ibiúna, Iperó, Itu, Jumirim, Mairinque, Piedade, Pilar do Sul, Porto Feliz, Salto, Salto de Pirapora, São Miguel Arcanjo, São Roque, Sarapuí, Sorocaba, Tapiraí, Tatuí, Tietê e Votorantim. 

A assessoria afirmou ainda que na próxima reunião do "Conselho da Empresa", devem ser anunciadas novas medidas. 

Melhoria da qualidade 

Uma das primeiras empresas a ser vistoriada pela EMTU/SP, o Grupo São João espera que a mudança no gerenciamento regional (Artesp para EMTU) irá aumentar o nível de qualidade e segurança dos serviços prestados. 

Conforme o diretor do grupo, Marco Antonio Franco, deverá ocorrer um incentivo por parte do Estado para junção regional dos transportes, seja pelas integrações físicas entre as diversas empresas operadoras das linhas intermunicipais que compõem a RMS, seja pelo apoio para que essas empresas promovam integrações tarifárias entre as suas operações gerando redução no custo aos passageiros usuários. 

"A EMTU não remunera esse tipo de benefício (integração tarifária entre as linhas de transporte coletivo por ônibus), exceto as integrações realizadas entre os serviços de transporte coletivo por ônibus com outros modais de transporte coletivo que estão sob a responsabilidade do Estado de SP. Nesses 2 casos específicos, há a integração tarifária (a tarifa de integração é menor do que a soma das duas tarifas) e a diferença é suportada pelo governo do Estado", declara o diretor. 

"Com a mudança de gestão, haverá mudança na faixa etária beneficiada com a gratuidade nas linhas intermunicipais da RMS, passando a gratuidade dos atuais 65 anos para 60 anos. Porém para que os passageiros idosos tenham direito a esse benefício, haverá a necessidade de cadastramento, o qual será divulgado em momento oportuno." 

Outro grande benefício que o Governo do Estado já anunciou, será a gratuidade aos estudantes nas linhas intermunicipais, lembra o empresário. "A EMTU juntamente com o Governo do Estado de SP ainda estão trabalhando para melhor adequação dessa norma. Inicialmente terá início na RMSP e depois será estendida às demais regiões metropolitanas", lembrou. 

Com relação à vistoria nos veículos, o diretor do Grupo São João afirma que quase tudo foi fiscalizado em sua empresa: "Olharam desde as áreas de manutenção, até limpeza e higienização, estrutura administrativa, meio ambiente, atendimento e vendas. No tocante aos veículos a vistoria da EMTU já demonstrou ser muito mais rígida do que os critérios adotados por outras autarquias correlatas". 

Novos veículos 

A empresa São João adquiriu cinco ônibus no padrão exigido pela EMTU. "Esses veículos são a confirmação da mudança que está ocorrendo, visto que são os primeiros ônibus nos padrões da EMTU a operar na RMS. Eles contarão com tomadas (padrão USB) para recarga de celular, tablets e notebooks. Provavelmente, até o próximo ano, deverão disponibilizar sinal de internet grátis (WI-FI) aos passageiros. Esses dois benefícios e melhorias fazem parte do projeto de melhoria de toda a frota do Grupo, que será substituída gradativamente", finalizou.

Por Amilton Lourenço 
Informações: Cruzeiro do Sul

Leia também sobre:
READ MORE - EMTU SP começa a rever rede de linhas da Região Metropolitana

Em Porto Alegre, Pista apenas para ônibus no viaduto da Bento é liberada

A segunda etapa das obras do viaduto São Jorge, da avenida Bento Gonçalves, foi entregue nesta manhã. O corredor de ônibus para as cinco linhas de transporte coletivo que passam pelo local (T2, T4, T11, T11A e 280.2) está disponível para o trânsito de coletivos. A pista fica um nível abaixo do pavimento no qual circulam os demais veículos, inaugurado no dia do aniversário de Porto Alegre, 26 de março.

Além da liberação da pista para ônibus, a circulação de veículos também foi autorizada, a partir das 6h de hoje, na alça lateral da Terceira Perimetral junto ao viaduto, no sentido Sul/Leste, que serve como acesso àqueles que trafegam pela avenida Bento Gonçalves e pretendem seguir em direção a Viamão. Também foi aberto o acesso ao lado do quartel, para quem dirige pela Bento no sentido bairro/Centro, em direção à avenida Ipiranga.

Iniciado em 2012, o viaduto completo foi entregue com um ano de atraso. Entre as oito intervenções previstas pelo município visando à Copa do Mundo de 2014, essa foi a que teve andamento mais acelerado, com maior número de operários e menos entraves pelo caminho.

Com 540 metros de extensão e seis faixas de tráfego, o viaduto São Jorge garante maior fluidez aos 90 mil veículos que fazem o trajeto entre as zonas Norte e Sul diariamente, bem como as linhas de transporte coletivo. Segundo cálculos da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), os automóveis estão demorando 15 minutos a menos para fazer o trajeto da zona Sul para a zona Norte, e vice-versa, do que gastavam antes da construção da obra de arte.

O viaduto interliga as avenidas Salvador França e Aparício Borges passando por cima da avenida Bento Gonçalves, sem interrupções, e possui três níveis - o do asfalto, o superior, para carros, e o intermediário, na parte central, específico para ônibus. A obra, executada pelo consórcio Nova Bento (Construtora Cidade Ltda. e Sultepa Comércio e Construções Ltda.), teve custo de R$ 79,4 milhões.

Informações: Prefeitura de Porto Alegre


READ MORE - Em Porto Alegre, Pista apenas para ônibus no viaduto da Bento é liberada

Em Jundiaí, Nova linha de ônibus passa a atender a região do Engordadouro

No intuito de melhor atender usuários do transporte coletivo no Engordadouro, a Secretaria de Transportes criou a linha 573, que começou a funcionar nesta segunda-feira (1º).

A linha vai interligar o bairro ao terminal Hortolândia, circulando pela rua Caetano Gornatti e a avenida Armando Giassetti. Essa linha atenderá uma demanda antiga de moradores que residem nos condomínios instalados naquela região.


A medida também beneficiará estudantes da Universidade Paulista (Unip) e moradores de condomínios localizados na avenida Armando Giassetti. Aos sábados, domingos e feriados essa mesma linha atenderá ainda os moradores do Jardim Sorocabana.

A linha 571, que interliga o terminal Hortolândia ao bairro Jardim Tulipas, também atende moradores do bairro Engordadouro.

Informações: Prefeitura de Jundiaí

Leia também sobre:
READ MORE - Em Jundiaí, Nova linha de ônibus passa a atender a região do Engordadouro

Aplicativo é lançado para facilitar vida de usuários do transporte coletivo em Florianópolis

Mais uma melhoria do Sistema Integrado de Mobilidade (SIM) entra em ação para facilitar a vida dos usuários do transporte coletivo de Florianópolis – é o aplicativo Fênix. 

O aplicativo reúne os principais dados de cada linha que circula pela Capital, tem download gratuito e está acessível para Android, IOS e Windows Phone. Após a instalação do programa, as informações podem ser consultadas de maneira rápida pelo smartphone, a qualquer momento, mesmo sem conexão à internet.

E como posso baixar o app?

No site do Consórcio Fênix – www.consorciofenix.com.br – estão os links para download. Além disso, QR Codes (espécie de código de barras escaneado pelas câmeras fotográficas dos celulares) espalhados nos terminais possibilitam o acesso direto ao programa. O usuário é notificado em caso de alguma atualização e o serviço é totalmente gratuito.

Durante a pesquisa, ao inserir uma rua, o aplicativo vai achar todas as linhas que passam pelo local. O usuário pode ainda, criar uma lista com as linhas mais utilizadas.

“Toda essa interatividade se tornou possível com a primeira licitação do transporte coletivo na cidade, que prima pelo uso de novas tecnologias, tudo para facilitar a vida dos usuários do sistema”, afirma o secretário de mobilidade urbana - Vinicius Cofferri.

Informações: Portal da Ilha

READ MORE - Aplicativo é lançado para facilitar vida de usuários do transporte coletivo em Florianópolis

Em Salvador, Viaduto Raul Seixas será interditado de quarta a sexta

O viaduto Raul Seixas, que fica na região do Shopping da Bahia, em Salvador, será interditado por 30 horas, entre 23h da próxima quarta-feira (3) e 5h de sexta (5). O viaduto é a mais importante ligação entre a região da rodoviária e a Av. ACM, no sentido Rio Vermelho.

Segundo informações divulgadas nesta segunda-feira (1º) pela Prefeitura de Salvador, haverá intervenções na área para a futura implantação da linha 2 do metrô, de responsabilidade do consórcio CCR Metrô Bahia. De sexta (29) a domingo (31), as obras interferiram em parte da Avenida ACM.

De acordo com informações da Transalvador, a interdição no viaduto Raul Seixas será realizada em um período com feriado na cidade para diminuir os impactos no trânsito. Como alternativa, o órgão de trânsito recomenda aos condutores que saem da Av. Paralela seguir sentido Rótula do Abacaxi para retornar pela Av. ACM ou optar pela orla.

Obras do metrô
Na Linha 1 do metrô de Salvador estão em operação as estações da Lapa, Campo da Pólvora, Brotas, Acesso Norte, Retiro e Bom Juá. Estão em construção as Estações Pirajá e Bonocô.

A Estação Pirajá, segundo a concessionária CCR, está 70% concluída. Não há uma data definida ainda para a entrega da estação Pirajá, mas a empresa aponta que deve ser finalizada no segundo semestre deste ano. A obra da Estação Bonocô tem previsão de ficar pronta até setembro de 2015.

Já a linha 2 do metrô, estão sendo construídas as estações Acesso Norte Linha 2, Detran e Rodoviária. A linha 2 terá 23km e 13 estações, está prevista para ser concluída em 2017 e vai ligar o centro da cidade ao aeroporto.

Informações: G1 BA


READ MORE - Em Salvador, Viaduto Raul Seixas será interditado de quarta a sexta

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960