Grande Recife: BRT Norte/Sul com obras ainda pela metade

segunda-feira, 20 de abril de 2015

A Secretaria das Cidades confirma a entrega do corredor de BRT Norte/Sul para maio deste ano. Mas nem tudo o que foi projetado deverá se confirmar. Além de obras que vão continuar pendentes, entre elas 10 estações e urbanização da PE-15 e ampliação de três terminais - Igarassu, Pelópidas e PE-15 - previstos no projeto, o sistema opera de forma limitada em razão das invasões na faixa exclusiva e congestionamento no tráfego misto. 
Foto: Aline Sales/Esp DP/D.A.Press
A maior velocidade desenvolvida no corredor é de 34km/h, em Paulista, mas cai para 4km/h na Avenida Cruz Cabugá. O congestionamento coloca em risco a principal característica do sistema: a regularidade. A faixa exclusiva para o BRT na Cabugá, também prevista, ainda não é uma certeza. 

O sistema opera atualmente com 13 das estações 26 previstas. Antes a previsão era de 33 estações. O Norte/Sul transporta, atualmente, uma média de 25 mil pessoas por dia, o que corresponde a 14% dos 180 mil passageiros estimados pelo Grande Recife Consórcio de Transporte Metropolitano para o trecho do corredor. 

Também não contará, por enquanto, com a integração no Terminal de Igarassu. E assim como ocorreu em Camaragibe, no corredor Leste/Oeste, a cidade só deverá assistir o BRT passar por ela. O terminal de Igarassu não comporta um ônibus do porte do sistema e haverá apenas uma estação a cinco quilômetros do terminal e nada mais. 

O terminal de Abreu e Lima está previsto para maio. A estrutura fica no cruzamento da BR-101, distante do Centro. Mas a única estação do município fica bem em frente ao terminal. Outro problema é que a faixa que deveria ser exclusiva para o transporte público é invadida pelo tráfego comum. 

“Não há nenhum tipo de fiscalização. A faixa do ônibus fica engarrafada com o trânsito local. O melhor trecho é o de Paulista, onde há ações para inibir as invasões. Em Olinda, o descaso também é total”, afirmou o diretor da Conorte, que opera o Norte/Sul, Almir Buonora. 

Em Olinda, a PE-15 também terá trechos compartilhados com o tráfego misto. Apenas o acesso às estações terá espaço exclusivo. Na Estação Matias Albuquerque estão sendo usados gelos-baianos para delimitar as faixas. A circulação na área da Estação Kennedy também está complicada. A faixa para o tráfego misto ainda está improvisada. A assessoria de comunicação da Secretaria das Cidades não informou quando as obras pendentes deverão ser entregues.

Saiba mais

Diagnóstico do Norte/Sul com o BRT

* Prazo de entrega previsto: Maio de 2015

linhas implantadas até agora

26 
veículos em operação

88 
veículos foram comprados para operar no corredor

25 mil 
passageiros são transportados por dia

180 mil 
é a demanda estimada pelo Grande Recife

Dependência dos ônibus convencionais no corredor

33 
linhas ainda estão em operação no trecho do Norte/Sul

117 mil 
passageiros transportados/dia

Estações do Norte/Sul

26 
é a atual previsão. Antes eram 33

13 
em operação

A situação das estações

Cruz de Rebouças - em obras
Abreu e Lima - em obras
José de Alencar - em operação
Hospital Central - em operação
São Salvador do Mundo - em operação
Cidade Tabajara - em operação
Jupirá - em operação
Aloísio Magalhães - em operação
Bultrins - ainda sem operar
Quartel - em operação
Sítio Histórico - em operação
São Francisco de Assis - sem operar
Matias de Albuquerque - sem operar
Kennedy - sem operar
Complexo Salgadinho - em obras
Tacaruna - em operação
Santa Casa da Misericórdia - em operação
Treze de Maio - em operação
Riachuelo - em operação
Praça da República - em operação

Por Tânia Passos
Informações: Diário de Pernambuco

READ MORE - Grande Recife: BRT Norte/Sul com obras ainda pela metade

Projeto de estações do BRT de BH ganha prêmio internacional de arquitetura

Contemporaneidade e funcionalidade, juntos combinando harmonicamente com a paisagem urbana. É assim a descrição de um equipamento já familiar aos belo-horizontinos, as estações do BRT/Move. O projeto, assinado pelo escritório de arquitetura do Gustavo Penna, venceu, por voto popular, a categoria de estações de ônibus e trens do prêmio Architizer.

As estruturas metálicas ordenadas em módulos foram pré-fabricadas. O acesso aos módulos é feito por meio de rampas, o que foi pensado para facilitar o acesso de deficientes.

Essa foi a terceira edição do prêmio, que conta com mais de 90 categorias. Um grupo de 300 experts escolheu os finalistas de cada uma delas. As categorias premiaram os melhores projetos na opinião do público e de um júri especializado. Pontos de parada na Georgia, assinados pelo arquiteto J. Mayer H., levaram a mesma categoria que o BRT na opinião do júri.

Esse não é o primeiro prêmio recebido pelo sistema de transporte público de Belo Horizonte. No início do ano, o BRT também levou o prêmio Transporte Sustentável do Instituto de Políticas de Transporte e Desenvolvimento (ITDP), que tem sede em Nova York.

A previsão é de que o sistema, operando em sua plenitude, irá atender 700 mil passageiros/dia nas 81 linhas integradas a quatro estações. 

Informações: Estado de Minas

READ MORE - Projeto de estações do BRT de BH ganha prêmio internacional de arquitetura

Praia Grande terá faixa exclusiva para o transporte de ônibus

A exemplo de Santos, Cubatão e Guarujá, em breve, Praia Grande também passará a contar com um importante equipamento para melhoria no transporte urbano municipal e intermunicipal. A Cidade passará a contar uma faixa exclusiva para ônibus nas avenidas Roberto de Almeida Vinhas (trecho que vai do Bairro Maracanã até Solemar – 11,8 km) e Marginal esquerda (trecho que vai do Bairro Imperador até Cidade da Criança – 10 km). 

Nos corredores deverão circular linhas intermunicipais (Peruíbe, Itanhaém e Mongaguá) e municipais (atendendo a bairros como Cidade da Criança, Princesa, Imperador, Solemar, Flórida, Real, Caiçara, Melvi, Samambaia, Esmeralda e Maracanã). 

Em razão do sistema tronco-alimentador, atenderá também os demais bairros do Município. O corredor da Avenida Roberto de Almeida Vinhas terá mão única de direção, porém a Avenida Marginal continuará com mão dupla, nos mesmos moldes do trecho já pavimentado da via. 

READ MORE - Praia Grande terá faixa exclusiva para o transporte de ônibus

Em Curitiba, Fiscalização na faixa exclusiva da Westphalen começa na quarta-feira

Após o período de orientação de motoristas, a Secretaria Municipal de Trânsito (Setran) inicia nesta quarta-feira (22) a fiscalização de proibição de circulação de veículos na faixa exclusiva de ônibus da Rua Desembargado Westphalen. A fiscalização será feita por agentes de trânsito.

Os infratores por invasão da faixa exclusiva serão autuados por desrespeito ao inciso primeiro do artigo 184 do Código de Trânsito Brasileiro: “Transitar com o veículo na faixa ou pista da direita, regulamentada como de circulação exclusiva para determinado tipo de veículo, exceto para acesso a imóveis lindeiros ou conversões à direita”. A infração é leve (3 pontos na carteira de habilitação) e a multa é de R$ 53,20.

No trecho exclusivo, que vai da Avenida Visconde de Guarapuava até a Avenida Presidente Getúlio Vargas, será permitido apenas o acesso de veículos para acesso a garagens de casas e prédios localizados no lado direito da Rua Des. Westphalen. Os táxis poderão entrar na faixa exclusiva para levar ou pegar passageiros, mas não poderão estacionar na mesma – devem adentrar as guias rebaixadas existentes e permanecer apenas o tempo necessário para o embarque e desembarque de passageiros.

Para as conversões à direita de veículos, foram criados espaços de 20 metros, localizados um pouco antes do cruzamento e onde há uma linha pontilhada separando as faixas. Os motoristas e motociclistas poderão passar para a faixa exclusiva apenas nesses trechos – respeitando o fluxo dos ônibus, que têm a preferência –, para depois fazer a conversão à direita.

A faixa exclusiva da Desembargador Westphalen beneficia 70 mil passageiros de 20 linhas que passam pela via – Jardim Mercês/Guanabara, Universidades, Bom Retiro/PUC, Vila Macedo, Jardim Centauro, Guabirotuba, Vila São Paulo, Uberaba, Jardim Itiberê, Canal Belém, Alferes Poli, Guilhermina, Menonita, Vila Izabel, Vila Rosinha, Carmela Dutra, Vila Velha, Cotolengo, Ligeirinho Bairro Novo e Ligeirinho CIC/Cabral.

Informações: Bem Paraná

READ MORE - Em Curitiba, Fiscalização na faixa exclusiva da Westphalen começa na quarta-feira

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960