Novo prazo é definido para licitação do transporte público de Aracaju

domingo, 24 de novembro de 2013

O Ministério Público Estadual de Sergipe (MPE) definiu um novo prazo para a Prefeitura de Aracaju e a Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) realizar a licitação do transporte público da capital e região metropolitana.

A audiência discutiu como o estado vai participar do consórcio que envolve as cidades de Nossa Senhora do Socorro, Aracaju, Barra dos Coqueiros e São Cristóvão.
A licitação do transporte público é debatida desde 2011 quando o MPE promoveu uma ação contra a Prefeitura e a SMTT para que fosse regularizado o sistema na capital. No início de 2012, a justiça deferiu uma liminar e a Prefeitura lançou um edital de licitação, mas o Setransp conseguiu a suspensão do processo no Tribunal de Contas.

No fim do mês de julho deste ano, representantes das prefeituras da Grande Aracaju, do Governo do Estado, Ministério Público e Poder Judiciário se reuniram para debater uma solução para o transporte coletivo. A proposta foi criar um consórcio para gerenciar um sistema em que o processo de licitação fosse aberto em 120 dias.

“A intenção é manter essa data para avançar na licitação do transporte coletivo”, afirma a secretária municipal da Defesa e da Cidadania, Georlize Teles.

Informações: G1 Sergipe
READ MORE - Novo prazo é definido para licitação do transporte público de Aracaju

Diadema testará internet wi-fi nos ônibus municipais

Até o fim do ano, Diadema deverá iniciar testes para implantação de sinal de internet wi-fi (sem fio) gratuito em uma linha de ônibus municipal. Nos mesmos veículos também serão instaladas televisões, serviço semelhante ao que é oferecido em alguns coletivos da Capital. A Prefeitura não terá gastos com o projeto.

Ainda não foi definido qual itinerário será escolhido para os testes. O secretário de Transportes da cidade, José Carlos Gonçalves, afirma, no entanto, que a primeira companhia a disponibilizar a tecnologia será a Benfica. “Tenho certeza que vai dar certo e, então, vamos expandir. Acredito que, depois, a outra empresa (Mobibrasil) também acompanhe.” Todo o investimento será feito pelas concessionárias, sem contrapartida municipal ou alteração no preço da tarifa, que hoje custa R$ 3.

Gonçalves acredita que, com a iniciativa, mais pessoas se interessem em utilizar o transporte público na cidade, diminuindo o número de veículos particulares nas ruas. “A ideia é justamente essa. Queremos dar mais conforto e dignidade ao usuário.” Ainda não há prazo para que o sistema esteja disponível em todos os 186 ônibus que operam os 24 itinerários municipais.

Além de Diadema, Ribeirão Pires iniciou em agosto o projeto piloto para transmissão de sinal gratuito de internet nos coletivos da Rigras. Nos veículos de tamanho convencional, o teste prevê a colocação de três aparelhos televisores, sendo dois de 19 e um de 22 polegadas. Nenhuma outra cidade da região oferece o serviço. A tecnologia é disponibilizada em algumas linhas intermunicipais.

TERMINAL ELDORADO

O secretário de Transportes de Diadema espera assinar ainda neste ano TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) com o Ministério Público para solucionar a situação do Terminal Eldorado. O equipamento, construído em 2001 em área de proteção de manancial, está completamente abandonado. A área tem problemas de licenciamento ambiental junto à Cetesb (Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental).

O projeto para o local, informa o titular da Pasta, é construir parque e transformar o terminal em ponto apenas para passagem dos ônibus, com duas plataformas cobertas. Com isso, as duas empresas terão de providenciar outro espaço para estacionamento dos veículos e descanso dos motoristas.  

Por Fábio Munhoz 
Do Diário do Grande ABC



Leia também sobre:
·         Metrô São Paulo
·         SPTrans
·         EMTU-SP
READ MORE - Diadema testará internet wi-fi nos ônibus municipais

SP terá mais 5,7 km de faixas para ônibus a partir desta segunda-feira

A cidade de São Paulo vai receber mais 5,7 km de faixas exclusivas para ônibus nesta segunda-feira (25). As faixas serão implantadas em vias das zonas Norte, Oeste e na região central da cidade. Com isso, a malha de faixas exclusivas implantadas este ano chegará a 269,7 km.

As intervenções fazem parte da Operação Dá Licença para o Ônibus, que busca melhorar a velocidade dos ônibus ampliando o número de faixas exclusivas na cidade.

Na região Norte, a Avenida Raimundo Pereira de Magalhães terá 1,6 km de faixa exclusiva para os coletivos à direita da via. O novo trecho ficará entre a Rua Menotti Laudisio e a Rua Giacomo Crespi, em ambos os sentidos da avenida. Ainda na região Norte, outros 900 metros da faixa serão implantados à direita na Avenida Imirim. A nova faixa vai funcionar no sentido bairro, entre a Rua José de Oliveira e a Avenida Eng° Caetano Álvares. Os dois trechos vão funcionar de segunda a sexta-feira das 6h às 20h e aos sábados, das 6h às 14h.


Leia também sobre:
·         Metrô São Paulo
·         SPTrans
·         EMTU-SP

A CET vai implantar outros 1,6 km de faixas para ônibus em vias da Barra Funda. Os novos trechos funcionarão em ambos os sentidos do Viaduto Pacaembu, entre a Rua Brigadeiro Galvão e a Avenida Marquês de São Vicente; nos dois sentidos da Avenida Abraão Ribeiro, entre a Avenida Marquês de São Vicente e a Rua Professor Joaquim Monteiro de Carvalho; e na Rua Baronesa de Porto Carreiro, que tem sentido único, entre as avenidas Abraão Ribeiro e Rudge. A exclusividade valerá de segunda a sexta-feira, das 6h às 20h, e aos sábados, das 6h às 14h.

Na região do Butantã, serão inaugurados mais 700 metros da faixa, divididos em dois trechos. Um deles ficará na Avenida Afrânio Peixoto, sentido USP, entre a Rua Alvarenga e a Praça Vicente Rodrigues, e o outro na Avenida Valdemar Ferreira, em ambos os sentidos, entre a Praça Vicente Rodrigues e a Rua Pirajussara. Os trechos vão funcionar de segunda a sexta-feira das 6h às 20h e aos sábados, das 6h às 14h.

Novecentos metros da faixa também serão implantados em duas pistas de avenidas da Rótula Central, no Centro da cidade.  Eles ficarão localizados na Avenida Mercúrio, no trecho entre a Avenida do Estado e a Rua da Cantareira, e na Avenida Senador Queirós, entre a Rua da Cantareira e a Praça Alfredo Issa. Nos locais, a exclusividade da faixa será ativada de segunda a sexta-feira, das 6h às 22h, e aos sábados, das 6h às 14h.

Informações: G1 São Paulo
READ MORE - SP terá mais 5,7 km de faixas para ônibus a partir desta segunda-feira

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960