Tarifa de ônibus de Cubatão aumenta para R$3,10

domingo, 20 de janeiro de 2013

A partir deste domingo, os usuários do transporte coletivo de Cubatão passam a pagar R$ 3,10 pelas passagens. O aumento inclui ainda a tarifa da lotação (transporte alternativo), que atinge o mesmo valor.  Segundo a Prefeitura, além do reajuste, foi reduzido para R$ 0,35 o subsídio que complementava a tarifa da concessionária. 

Para autorizar o reajuste, a Companhia Municipal de Trânsito (CMT) da Prefeitura contratou auditoria especializada para analisar o pedido de aumento feito pela concessionária de transporte, a Viação TransLíder. O relatório dessa análise técnica concluiu que as tarifas estavam defasadas desde março de 2011.

O superintendente da Companhia Municipal de Trânsito (CMT), Marco Fernando Cruz, explicou que a manutenção do subsídio, em um valor menor do que o anterior, que era de R$ 0,75, foi uma forma de tentar equilibrar a qualidade do serviço sem ter que passar todo o valor para o passageiro. 

Ainda segundo ele, ao mesmo tempo, o Poder Público não poderia repassar o ônus tarifário para o passageiro. "Chegou-se ao consenso que o valor de R$ 0,35 de subsídio equilibraria toda esta conta".

Em Santos

Comentários envolvendo o aumento no preço da passagem de ônibus de Santos já são comuns entre usuários e empregados da concessionária do serviço público. Por enquanto, a Prefeitura não confirma a informação, dita por um motorista, de que a tarifa subiria para R$ 3,15 na próxima semana.

Caso o reajuste realmente ocorra, a tarifa acumulará alta de 8,62% - acima do Índice de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA) do período (de 5,84%). O aumento poderá representar um acréscimo de 57,5% na comparação com 2006, quando o bilhete custava R$ 2,00. Os últimos quatro reajustes da tarifa ocorreram entre os meses de dezembro e fevereiro.

A Prefeitura afirma não ter nenhuma informação a respeito de um reajuste no custo da passagem do transporte coletivo. A Viação Piracicabana (concessionária do serviço) também informou não ter nada definido até o momento.

Informações: Jornal A Tribuna

READ MORE - Tarifa de ônibus de Cubatão aumenta para R$3,10

Motoristas de ônibus do Rio podem entrar em greve

Motoristas e cobradores que circulam no município do Rio pretendem iniciar uma greve geral no dia 31 de janeiro caso as empresas de ônibus não aceitem entrar em acordo por melhores condições de trabalho com a categoria. A informação foi confirmada com exclusividade ao www.srzd.com nesta quinta-feira pelo vice-presidente do Sintraturb-Rio, sindicato que representa oficialmente a classe. De acordo com Sebastião José, as empresas vão se reunir com os trabalhadores em uma assembleia geral no próximo dia 28.

- Se os empresários não tiverem uma proposta ou pelo menos uma demonstração de que estão interessados em atender as nossas necessidades, vamos cumprir a lei de greve. Se isso acontecer, certamente pode sair uma decretação de greve no dia 28 e, contadas 72 horas depois, os funcionários de toda a cidade vão parar de trabalhar - afirmou o vice-presidente do Sindicato dos Motoristas e Cobradores de Ônibus da Cidade do Rio de Janeiro (Sintraturb-Rio).

Sebastião José alerta que os rodoviários batalham por benefícios garantidos em lei a 90% dos empregados brasileiros, como o direito a plano de saúde e cesta básica. Os motoristas também reclamam da obrigatoriedade do exercício da dupla função de dirigir e dar o troco, classificada pelo vice-presidente do sindicato como um perigo à segurança e à vida das pessoas. Os trabalhadores reivindicam ainda o cumprimento da jornada de trabalho de 7 horas por dia e reajuste do piso salarial.

Os funcionários da Viação Paranapuan, que opera linhas da Ilha do Governador, na Zona Norte, fizeram uma paralisação durante a madrugada e parte da manhã desta quinta-feira para cobrar o pagamento de horas extras, INSS e Fundo de Garantia (FGTS) atrasados. Eles só tiraram os coletivos da garagem por volta das 8h, depois que representantes da companhia resolveram atender as reivindicações. Segundo Sebastião José, o cenário de descaso não é exclusividade dos empregados da Paranapuan. Ele destaca que a carga horária dos motoristas chega a ultrapassar 14 horas por dia.

- O que aconteceu hoje não foi greve, foi uma paralisação. O trabalho escravo é quase que comum no sistema, um hábito das empresas que botam o funcionário para trabalhar e não pagam hora extra. A lei diz que a jornada é de 7 horas e, no máximo, 2 horas a mais caso haja necessidade. Mas, na realidade, eles trabalham de 14 a 15 horas por dia. Na opinião do nosso departamento jurídico e de especialistas em segurança no trânsito, isso é gravíssimo. O não-pagamento da dupla função é mais grave ainda, porque é uma fraude. Temos que pôr um ponto final nisso", ressalta o vice-presidente do Sintraturb-Rio.

Atualmente, o piso salarial dos cobradores de ônibus da capital é de R$ 900 e o de motoristas, de R$ 1.100. O Sintraturb-Rio pleiteia que os valores cheguem a R$ 1.618 para cobradores e a R$ 2.000 para motoristas.

Segundo o Sintraturb-Rio, as empresas de ônibus dizem que não autorizam o motorista júnior a passar o troco com o veículo em movimento, mas os pressionam para cumprirem um tempo de viagem cada vez mais curto. O sindicato ressalta que os motoristas usam 10 minutos no ponto final para almoçar, porque não têm um horário de almoço oficial. A maioria dos coletivos e dos pontos finais não possui banheiros. Ainda de acordo com o Sindicato dos Motoristas e Cobradores do Rio, muitas empresas proíbem que o motorista registre boletim de ocorrência na delegacia em caso de roubo. O motivo seria para não perder tempo esperando o atendimento e deixar o ônibus parado. No final das contas, os valores seriam descontados do funcionário que conduzia o coletivo no momento da infração.

READ MORE - Motoristas de ônibus do Rio podem entrar em greve

Grande Recife: Recém Inaugurado, Terminal de Cajueiro Seco beneficiará cerca de 51 mil usuários

Inaugurado na última sexta-feira, o Terminal de Cajueiro Seco beneficiará diretamente cerca de 51 mil usuários das comunidades de Cajueiro Seco, Conjunto Marcos Freire, Prazeres, Curcurana, Comporta, Muribeca dos Guararapes, Cohab, Pontezinha, Ponte dos Carvalhos, Gaibú (via integração no TI Cabo), Centro do Cabo, Nossa Senhora do Ó, Camela, Centro de Ipojuca e Suape (todos via integração no TI Cabo). Veja as mudanças:

Linhas e itinerários:

1º 034 – CURCURANA / TI CAJUEIRO SECO
Nova linha alimentadora.
Tarifa Anel A (R$ 2,25)
Itinerário:
Curcurana/TI Cajueiro Seco: Rua do Registro, Estrada de Curcurana, Rua Curumim, Antiga BR 101 Sul, Av. Dr. Julio Maranhão, Estrada da Batalha, 6ª Travessa Dr. Júlio Maranhão, Rua Dr. Luiz Regueira, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/Curcurana: Rua Dr. Luiz Regueira, Rua Fábio Maranhão, Av. Dr. Júlio Maranhão (retorno), BR101 Sul, Rua Curumim, Estrada de Curcurana, Rua do Registro.

2º 037 – COMPORTA/TI CAJUEIRO SECO
Nova linha alimentadora.
Tarifa Anel A (R$ 2,25)

Itinerário:
Comporta/TI Cajueiro Seco: Rua Pilões, Rua Paraú, BR 101 Sul, Av. Dr. Júlio Maranhão, Estrada da Batalha, 6ª Travessa Dr. Júlio Maranhão, Rua Dr. Gonzaga Maranhão, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/Comporta: Rua Dr.Luiz Regueira, Rua Fábio Maranhão, Av. Dr. Júlio
Maranhão (retorno), BR 101 Sul, Rua Paraú, Rua Pilões.

3º 163 – TI CAJUEIRO SECO (CIRCULAR)
Nova linha alimentadora.
Tarifa Anel A (R$ 2,25)
Itinerário do atendimento ao Shopping Guararapes:
TI Cajueiro Seco/Shopping Guararapes: Rua. Dr. Luiz Regueira, Rua Dr. Fábio Maranhão, Av. Dr. Julio Maranhão, Av. Barreto de Menezes, Av. Bernardo Vieira de Melo.
Shopping Guararapes/TI Cajueiro Seco: Rua Aarão Lins de Andrade, Av. Barreto de Menezes, Av. Dr. Júlio Maranhão, 6ª Travessa Dr. Júlio Maranhão, TI Cajueiro Seco.
Itinerário do atendimento ao bairro de Cajueiro Seco:
TI Cajueiro Seco/Bairro de Cajueiro Seco: Rua Dr. Luiz Regueira, Rua Dr. Fábio Maranhão, Av. Dr. Júlio Maranhão, Av. Barreto de Menezes, Rua Santo Elias, Rua 13 de Maio, Praça Vereador Joaquim Carneiro.
Bairro de Cajueiro Seco/TI Cajueiro Seco: Rua Profª Cândida Andrade Maciel, Rua Pio XII, Rua Recife, Rua Quatro, Rua Santo Elias, 1ª Travessa Rua Santo Elias, Rua Nossa Sra do Carmo, 2ª Travessa do Cajueiro, Rua do Futuro, Rua Nossa Sra. da Penha, Av. Gonzaga Maranhão, TI Cajueiro Seco.
4º 181 – CABO (COHAB)/TI CAJUEIROSECO
Nova linha alimentadora.
Tarifa Anel B (R$ 3,45)
Alterações:
· Mudou a nomenclatura de 181 - Cabo (Cohab) para 181 – Cabo(Cohab)/TI Cajueiro Seco;
· Mudou o itinerário: deixa de ir para o Centro do Recife.
Itinerário:
Cabo/TI Cajueiro: Rua Reginaldo Pereira Fonseca, Rua João Marinho Espíndola, Rua Francisco Gomes Farias, Pista local da Rodovia PE-60 (retorno), Antiga rodovia BR 101 Sul, Av. Dr. Júlio Maranhão, 6ª Travessa Dr. Júlio Maranhão, Av. Dr. Gonzaga Maranhão, Rua Dr. Luiz Regueira, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/Cabo: Rua. Dr. Luiz Regueira, Rua Dr. Fábio Maranhão, Av. Dr. Júlio Maranhão (retorno), antiga Rodovia BR 101, pista local da Rodovia PE 60, Rua Francisco Gomes de Farias, Rua João Marinho Espíndola, Rua Reginaldo Pereira Fonseca.

5º 183 - PONTE DOS CARVALHOS/TI CAJUEIRO SECO
Nova linha alimentadora.
Tarifa Anel A (R$ 2,25)
Alterações:
· Diminuiu a Tarifa de B (R$ 3,45) para A (R$ 2,25);
· Mudou a nomenclatura 183 – Ponte dos Carvalhos para 183 – Ponte dos Carvalhos/TI Cajueiro Seco;
· Atende aos usuários da linha 150 - Ponte dos Carvalhos/Prazeres, que Será desativada;
· Mudou o itinerário: deixa de ir para o Centro do Recife.
Itinerário:
Ponte dos Carvalhos/TI Cajueiro Seco: Antiga Rodovia BR 101 Sul, Rua Tabelião João J. Alves, Av. Diomédes Ferreira, Rua Quatorze, Rua Diácono Abdias Valério de Oliveira, Antiga Rodovia BR 101 Sul, Av. Dr. Júlio Maranhão, 6ª Travessa Dr. Júlio Maranhão, Av. Dr. Gonzaga Maranhão, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/Ponte dos Carvalhos: Rua. Dr. Luiz Regueira, Rua Dr. Fábio Maranhão, Av. Dr. Julio Maranhão (retorno), antiga Rodovia BR 101, Rua Tabelião João J. Alves, Av. Diomédes Ferreira, Av. Quatorze, Rua Diácono Abdias Valério de Oliveira, Antiga Rodovia BR 101 Sul.

6º 139 – TI CABO/ TI CAJUEIRO SECO
Tarifa Anel B (R$ 3,45)
Alterações
· Mudou a nomenclatura de 139 - Cabo/Aeroporto para 139 – TI Cabo/TI Cajueiro Seco;
· Mudou o itinerário: deixa de atender ao Aeroporto.
Itinerário:
TI Cabo/TI Cajueiro Seco: Rua Manoel Estevão, Rua Hist. Pereira da Costa, Rua Armando José Sales, Antiga BR 101 Sul, Av. Dr. Júlio Maranhão, 6ª Travessa Dr. Júlio Maranhão, Av. Dr. Gonzaga Maranhão, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/TI Cabo: Rua. Dr. Luiz Regueira, Rua Dr. Fábio Maranhão, Av. Dr. Júlio Maranhão (retorno), antiga Rodovia BR 101 Sul, Rua Júlio Silveira, Rua Hist. Pereira da Costa, Rua Teixeira de Sá, Rua Queiroz da Silva, Rua Manoel Estevão, TI Cabo.

7º 216 – TI BARRO/TI CAJUEIRO SECO
Tarifa Anel A (R$2,25)
Alterações
· Mudou a nomenclatura de 216-Barro/Prazeres (BR-101) para 216-TI Barro/TI Cajueiro Seco;
· Mudou o itinerário: deixa de atender ao bairro de Prazeres.
Itinerário:
TI Barro/TI Cajueiro Seco – TI Barro, alça de acesso à BR-101, Rodovia BR-101, Av. Dr. Júlio Maranhão, 6ª Travessa Dr. Júlio Maranhão, Av. Dr. Gonzaga Maranhão, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/TI Barro – Rua Dr. Luiz Regueira, Rua Dr. Fábio Maranhão, Av. Dr. Julio Maranhão (retorno), antiga Rodovia BR 101 Sul, alça de acesso ao TI Barro, TI Barro.

8º 140-TI CAJUEIRO SECO/SHOPPING RECIFE
Tarifa Anel A (R$2,25)
· Faz atendimento aos usuários que desejam se deslocar ao Shopping Recife.
Itinerário:
TI Cajueiro Seco/Shopping Recife - Rua Dr. Luiz Regueira, Rua Dr. Fábio Maranhão, Av. Dr. Júlio Maranhão, Estrada da Batalha, Av. Mascarenhas de Morais, Rua 10 de Julho, Av. Mal. Juarez Távora, Av. Des. José Neves, Av. Dom João VI, Av. Antônio Torres Galvão (retorno no pontilhão).
Shopping Recife/TI Cajueiro Seco – Av. Dom João VI, Av. Des. José Neves, Av. Mal. Juarez Távora, Rua Barão Souza Leão, Viaduto do Aeroporto (Norte), Av. Mascarenhas de Morais, Estrada da Batalha, Av. Dr. Julio Maranhão (retorno), 6ªTravessa Dr.Júlio Maranhão, Rua Dr. Gonzaga Maranhão, TI Cajueiro Seco.

9º 166 – TI CAJUEIRO SECO/AFOGADOS
Tarifa Anel A (R$2,25)
Alterações
· Mudou a nomenclatura de 166-Cajueiro Seco/Afogados para 166-TI Cajueiro Seco/ Afogados;
· Mudou o itinerário passando a iniciar as viagens no TI Cajueiro Seco e deixou de atender um trecho do bairro de Cajueiro Seco (que será atendido pela nova linha 163-TI Cajueiro Seco (Circular). Passou a atender o IMIP;
· As viagens (saindo do TI) das 4h às 5h – enquanto o metrô não está operando fazem ponto de retorno no Terminal de Passageiros de Santa Rita.
Itinerário
Subúrbio/Cidade – TI Cajueiro Seco, Av. Dr. Júlio Maranhão, Estrada da Batalha, Av. Mascarenhas de Morais, Av. Sul, Travessa Padre Azevedo, Rua dos Coelhos (IMIP), Rua da Aurora, Ponte Duarte Coelho, Rua do Sol, Rua Floriano Peixoto.
Cidade/Subúrbio – Av. Sul, Largo da Paz, Av. Mascarenhas de Morais, Estrada da Batalha, Av. Dr. Júlio Maranhão (retorno), TI Cajueiro Seco.

10º 162- MURIBECA/ CAJUEIRO SECO
Tarifa Anel A (R$2,25)
Alterações:
· Diminuiu a tarifa de “B” (R$ 3,45) para “A” (2,25);
· Mudou a nomenclatura de 162-Muribeca para 162-Muribeca/TI Cajueiro Seco;
· Mudou o itinerário: continua o itinerário até a Av. Barreto de Menezes e muda a partir dessa via deixando de ir para o Centro do Recife.
Itinerário
Muribeca/TI Cajueiro Seco – Rua 3, Rua 16, Rua 2, Rua 15, Rua 1, Estrada da Muribeca, Rodovia BR-101 (retorno), Av. Barreto de Menezes, Av. Dr. Júlio Maranhão (retorno), 6ªTravessa Dr.Júlio Maranhão, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/ Muribeca - TI Cajueiro Seco, Rua Fábio Maranhão, Av. Dr. Julio Maranhão, Av. Barreto de Menezes, Rodovia BR-101 (retorno), Estrada da Muribeca, Rua 1, Rua 15, Rua 3.

11º 164 – CONJUNTO MARCOS FREIRE/TI CAJUEIRO SECO
Tarifa Anel A (R$2,25)
Alterações:
· Diminuiu a tarifa de “B” (R$ 3,45) para “A” (2,25)
· Mudou a nomenclatura de 164 – Conj. Marcos Freire, para 164 – Conj. Marcos Freire/TI Cajueiro Seco
· Mudou o itinerário: deixa de ir para o Centro do Recife
Itinerário:
Conj. Marcos Freire/TI Cajueiro Seco: Quadra 59, Av. João Fernandes Vieira, Av. Marcos Freire, Estrada da Muribeca, Rod. BR 101, Av. Dr. Júlio Maranhão (retorno), Av. Dr. Gonzaga Maranhão, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/Conj.Marcos Freire: Rua Dr. Luiz Regueira, Rua Fábio Maranhão, Rua Dr. Júlio Maranhão (retorno), Rod. BR 101, Estrada da Muribeca, Av. Marcos Freire, Av. João Fernandes Vieira, Quadra 59.

12º 165 – MURIBECA DOS GUARARAPES/ TI CAJUEIRO SECO
Tarifa Anel A (R$2,25)
Alterações:
· Diminuiu a tarifa de “B” (R$ 3,45) para “A” (2,25)
· Mudou a nomenclatura de 165 Muribeca dos Guararapes para 165 – Muribeca dos Guararapes/TI Cajueiro Seco
· Mudou o itinerário: Continua antigo itinerário até Av. Barreto de Menezes. Muda a partir desta via, deixando de ir para o centro do Recife (pega a Av. Dr. Júlio Maranhão, faz o retorno na Coca Cola e faz ponto de retorno no TI Cajueiro Seco)
Itinerário:
Muribeca dos Guararapes/TI Cajueiro Seco: v. Dr. Julio Maranhão (retorno na Coca Cola), 6ª Travessa Dr. Júlio Maranhão, Av. Dr. Gonzaga Maranhão, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/Muribeca dos Guararapes: Rua Fábio Maranhão, Av. Dr. Júlio Maranhão, Av. Barreto de Menezes, Rod. BR 101 (retorno), Estrada da Muribeca, Rua da Matriz, Rua Antônio Pereira de Oliveira, Rua Nilton Carneiro Filho.

13º 171 – INTEGRAÇÃO MURIBECA/TI CAJUEIRO SECO
Tarifa Anel A (R$2,25)
Observação: Faz o atendimento a comunidade de Pontal dos Prazeres em toda as viagens.
Itinerário:
Integração Muribeca/Cajueiro Seco: Rua Rio Moxotó, Av. Rio Jaboatão, Av. do Contorno, Estrada do Eixo de Integração, Rua Machados, Rua Jaboatão dos Guararapes, Rua Afrânio (retorno), Rua Jaboatão dos Guararapes, Rua Machados, Estrada do eixo de Integração, BR 101 (retorno), Av. Barreto de Menezes, Av. Dr. Júlio Maranhão, 6ª Travessa Dr. Julio Maranhão, Av. Dr. Gonzaga Maranhão, TI Cajueiro Seco.
TI Cajueiro Seco/Integração Muribeca: Rua Dr. Luiz Regueira, Rua Fábio Maranhão, Rua Dr; Gonzaga Maranhão, Av. Barreto de Menezes, Rod. BR 101 (retorno), Estrada do Eixo de Integração, Rua Machados, Rua Jaboatão dos Guararapes, Rua Afrânio (retorno), Rua Jaboatão dos Guararapes, Rua Machados, Estrada do Eixo de integração, Av. do Contorno, Av. Rio Jaboatão, Rua Rio Moxotó (ponto de retorno).

- Demanda diária de passageiros prevista (dias úteis): 51 mil

- Valor do investimento: R$ 3,8 milhões

- Linhas que irão trafegar no Terminal: 13

- Tarifa das linhas – Anel A (R$ 2,25) e Anel B (R$ 3,45)

Blog Meu Transporte


Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook
READ MORE - Grande Recife: Recém Inaugurado, Terminal de Cajueiro Seco beneficiará cerca de 51 mil usuários

Prefeito de São Paulo quer PPP para financiar construção de 150km de corredores de ônibus

As contas da nova administração municipal apontam que a prefeitura tem, hoje, dinheiro em caixa para garantir o pagamento das despesas diárias da capital, mas não para tocar obras e projetos de grande impacto, entre eles a promessa do prefeito Fernando Haddad (PT) de entregar, até o final do mandato, 150 km de corredores de ônibus.

Segundo Haddad, a Secretaria Municipal dos Transportes dará continuidade à licitação de 66 km de vias exclusivas, iniciada pelo ex-prefeito Gilberto Kassab (PSD). Mas, para tirar os outros 84 kms do papel, ele buscará recursos com a iniciativa privada e com o governo federal.

De acordo com o prefeito, São Paulo deve optar por um modelo de PPP (Parceria Público-Privada) semelhante ao adotado pelo Rio de Janeiro para construção dos corredores de BRT (Bus Rapid Transit, em inglês).

Os estudos para acertar os detalhes da PPP são tocados pela SPTrans. A previsão é de que o modelo seja definido até o julho. Além da área dos transportes, a prefeitura tentará atrair a iniciativa privada para projetos na área da Habitação.

Internação compulsória

Ontem, em entrevista à Rádio Bandeirantes, Haddad disse que é favorável à internação compulsória de dependentes químicos, medida que começará na próxima segunda-feira, no centro. Para o prefeito, a participação da Justiça é fundamental na iniciativa.

Haddad afirmou ainda que irá rever a continuidade do contrato de R$ 433,8 milhões com a empresa responsável pela manutenção do serviço de iluminação da cidade. “As metas estão previstas, como a de efetuar a troca de uma lâmpada queimada em até 72 horas, mas não são cumpridas.”

O prefeito pedirá à Secretária de Serviços uma avaliação da empresa para decidir se renovará ou não o contrato, que vence no final deste ano.

READ MORE - Prefeito de São Paulo quer PPP para financiar construção de 150km de corredores de ônibus

Tallin é a primeira capital europeia com transportes públicos gratuitos

No dia 1 de janeiro de 2013, entrou em vigor o transporte público gratuito na cidade de Tallin, capital da Estónia, que tem 63 linhas de autocarro, 9 linhas de trólei e 4 linhas de elétrico.
A capital da Estónia tem transportes públicos gratuitos desde o dia 1 de janeiro de 2013. Tallin tem cerca de 420 mil habitantes e a gratuitidade é para as pessoas que lá moram e para todas as pessoas com mais de 65 anos. No dia 9 de janeiro, o presidente da Câmara de Tallin anunciou a entrada em funcionamento de autocarros suplementares, face ao aumento do número de passageiros.

A chamada tarifa zero foi decidida depois da realização de um referendo à população, teve em conta que as receitas da venda de bilhetes e passes era apenas de cerca de 25% em relação aos gastos de funcionamento dos transportes públicos e visa reduzir a circulação de automóveis na cidade.
O referendo foi realizado em março de 2012 e 75,5% dos votantes respondeu “sim” à pergunta: “Aprova a introdução de um sistema de transporte gratuito a partir de 2013?”

O presidente da Câmara de Tallin, Edgar Saavisar, defende que o transporte público gratuito reduzirá a circulação de automóveis na cidade, evitará congestionamentos e acidentes e facilitará a deslocação às pessoas com menores rendimentos.

Segundo o jornal francês “Le Monde”, a gratuitidade abrange todas as pessoas residentes na cidade e todas as que tenham mais de 65 anos. Os futuros moradores de Tallin podem obter uma carta verde especial por dois euros para terem direito à gratuitidade, devendo para tal personalizar a carta na internet ou numa bilheteira.

As pessoas que não residam na capital da Estónia podem comprar bilhete nos condutores dos transportes públicos ou adquirir a carta verde e carregá-la para poder andar no transporte público.

A tarifa zero existe já em algumas pequenas cidades de França e da Bélgica e em pequenas cidades de outros continentes, mas é primeira vez que é aplicada numa capital europeia.

Informações: Esquerda.net
READ MORE - Tallin é a primeira capital europeia com transportes públicos gratuitos

Greve no transporte coletivo de Uberlândia é aprovada pelos rodoviários

Os trabalhadores do transporte coletivo urbano, reunidos em assembleia nesta quinta-feira (17/01/2013), rejeitaram a proposta de reajuste salarial apresentada pelos representantes das empresas e aprovaram a greve por unanimidade, marcando uma concentração para o dia 22 de janeiro (terça-feira), na sede do sindicato (avenida Fernando Vilela, 1449-B. Martins), a partir das 16 horas.

“Os empresários do transporte coletivo urbano de Uberlândia continuam intransigentes e não querem atender as reivindicações econômicas e nem as que se referem a melhores condições de trabalho e respeito às lideranças sindicais, o que nos faz recorrer ao nosso legal e legítimo direito de greve para fazê-los mudar de ideia”, declarou o presidente do Sindttrans, Célio Moreira.

Neste mesmo dia haverá mais uma reunião no Ministério do Trabalho e Emprego, entre os representantes dos trabalhadores e dos empresários, (às 14 horas) como última oportunidade de negociação, na tentativa de evitar a greve por tempo indeterminado.

READ MORE - Greve no transporte coletivo de Uberlândia é aprovada pelos rodoviários

Metrô de São Paulo atrasa entrega de sistema antilotação

O Metrô de São Paulo atrasou a entrega de um novo sistema de controle de trens que promete reduzir em até 20% o intervalo das composições e é tido como a principal solução para o problema da superlotação da rede. O prazo anunciado em outubro para a entrega era de noventa dias, que venceu em 9 de janeiro. Agora, a previsão é que os testes sejam concluídos no primeiro trimestre deste ano, sem aumento no custo de 750 milhões de reais do projeto.

Chamado CBTC (sigla em inglês para Controle de Trens Baseado em Comunicação), o novo sistema permite que a distância entre os trens seja reduzida sem comprometer a segurança. A distância mínima, hoje de 200 metros, cairá para 70 metros. Assim, caberão mais oito trens na Linha 2-Verde, o que aumentará a oferta de assentos e reduzirá a lotação. Cada trem carrega até 2.000 pessoas por viagem.

Segundo a empresa, o prazo não foi cumprido porque "os testes são realizados somente aos domingos devido ao menor número de usuários que utilizam os trens". Durante o período de testes, o caminho entre as estações Brigadeiro e Vila Madalena fica interditado até 10h da manhã. Como alternativa, os usuários são atendidos gratuitamente por ônibus que cobrem o percurso do trecho interrompido entre as estações Paraíso e Vila Madalena.

READ MORE - Metrô de São Paulo atrasa entrega de sistema antilotação

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960