Fortaleza: Etufor cria nova linha Vila do Mar/Antônio Bezerra

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) informa que a partir deste sábado (25) entrará em operação a linha (120) Vila do Mar/Antônio Bezerra, cujo objetivo é facilitar o deslocamento da comunidade ao terminal nos dias úteis, sábados e domingos, no período de 5h30 da manhã às 22h30.
 
O percurso dos coletivos será iniciado na Av. Dr. Theberge, passando pela Av. Costa Oeste, Pólo de Lazer da Barra do Ceará, Av. Radialista José Lima Verde, Av. Cel. Carvalho e Terminal do Antônio Bezerra. Na volta, os ônibus devem seguir o mesmo itinerário.
 
A iniciativa atende aos moradores do entorno que ainda não tinham opção direta para se deslocar até o Terminal do Antônio Bezerra. A expectativa da Etufor é que, inicialmente, sejam realizadas 33 viagens diárias. Esse número pode aumentar de acordo com a demanda.
 
Nova nomenclatura
Na mesma data, a linha (110) Planalto das Goiabeiras terá o nome alterado para Vila do Mar/Centro, mas o trajeto permanece inalterado, permitindo viagens diretas à Praça da Estação.
 
Informações: ETUFOR


Siga o Blog Meu Transporte pelo Facebook

READ MORE - Fortaleza: Etufor cria nova linha Vila do Mar/Antônio Bezerra

São Paulo: Linha deixa de operar aos finais de semana na Zona Leste

A SPTrans informa que a linha 3751/21 COHAB Prestes Maia – Metrô Itaquera deixará de operar nos finais de semana. A demanda será absorvida pela linha 3751/10 COHAB Prestes Maia – Metrô Itaquera que terá seu itinerário ampliado a partir de sábado dia 25 de Agosto.
Para informações sobre linhas e trajetos consulte itinerários ou ligue 156.
3751/10 COHAB Prestes Maia – Metrô Itaquera
Ida: Normal até Estrada Iguatemi, Rua Vinte e Quatro de Agosto, Av. Paulo Gracindo, Rua Coração Sertanejo, Av. A, Rua Henriqueta Noguez Brieba, Rua Ivon Curi, R. Jofre Soares, Av. Paulo Gracindo, Rua Francisco Cardoso Junior, Rua Luis Matheus, prosseguindo normal.
Volta: Normal até a Rua Luis Matheus, Rua Francisco Cardoso Junior, Av. Paulo Gracindo, Rua Jofre Soares, Rua Sebastião de Andrade Filho, Rua Henriqueta Noguez Brieba, Av. A, Rua Coração Sertanejo, Rua Vinte e Quatro de Agosto, Estrada Iguatemi, prosseguindo normal.
Assessoria de Imprensa - SPTrans
 
READ MORE - São Paulo: Linha deixa de operar aos finais de semana na Zona Leste

No DF, Rodoviária do Plano Piloto ganha terminais para consultar itinerários dos ônibus

Em média 700 mil pessoas circulam pela rodoviária todos os dias. A maior parte já sabe qual ônibus pegar. Mas segundo o plano diretor de transporte urbano 20 mil pessoas passam por aqui esporadicamente e precisam de informação.
 
Com base nisso, vários totens foram instalados para ajudar os passageiros a encontrar o ônibus e saber em qual box devem pegá-lo.
 
Mesmo com a instalação dos equipamentos, muitos passageiros acham que o a falta de sinalização é um problema maior. Para eles, se os espaços para os ônibus tivessem uma melhor sinalização, não seria tão complicado.

Outro grande problema apresentado pelos passageiros é o não cumprimento dos horários. Mas segundo o DFTrans, o cumprimento dos horários depende ainda da instalação de equipamentos de GPS nos ônibus. O que só acontecerá depois da renovação da frota, prevista para o 2º semestre de 2013.
 
— Com a licitação dos novos ônibus e colocar GPS, aí sim, teremos um sistema de informação completo. O usuário terá informação em tempo real.
 
 
Fonte: R7.com
READ MORE - No DF, Rodoviária do Plano Piloto ganha terminais para consultar itinerários dos ônibus

Busscar Colômbia fabrica 60 ônibus biarticulados

O sistema de transporte público de Bogotá, na Colômbia, contará em breve com mais 60 veículos biarticulados produzidos pela Busscar Colômbia, empresa do grupo Busscar Ônibus. Há opção de compra de mais 60 unidades. A iniciativa integra a terceira fase de expansão do projeto Transmilênio, operado pelo Consorcio Express.

Os modelos terão piso alto e capacidade para 250 passageiros e reforçarão o sistema de transporte público urbano colombiano, que utiliza corredores exclusivos do tipo BRT – Bus Rapid Transit –, que já funcionam em Curitiba há alguns anos e são cogitados em Porto Alegre como alternativa para o trânsito, principalmente às vésperas da Copa do Mundo de 2014.
 
Fonte: amanha.com.br
READ MORE - Busscar Colômbia fabrica 60 ônibus biarticulados

São Paulo será a primeira cidade do mundo a receber um monotrilho de alta capacidade

São Paulo será a primeira cidade do mundo a receber um monotrilho de alta capacidade. Cada trem terá sete carros e poderá transportar até mil pessoas. Ao todo, a linha atenderá a uma demanda de até meio milhão de pessoas todos os dias.
A previsão é de que o primeiro trecho, que ligará Vila Prudente ao Pátio Oratório, seja entregue em 2013. Quando a linha estiver totalmente implantada, o percurso entre Vila Prudente e Cidade Tiradentes, feito atualmente em mais de duas horas, será percorrido em apenas 50 minutos.

O monotrilho contará com itens para garantir a acessibilidade, como sinalização em braile, mapa dinâmico da linha, sistema automático de emissão de mensagens sonoras e intercomunicador para os usuários falarem diretamente com os operadores do Centro de Controle do Metrô, caso necessário.
 
 
 
 
O monotrilho já foi implantado, com sucesso, em diversos países, como China, Estados Unidos, Japão e Austrália. Atualmente, está sendo construída uma extensão em monotrilho do metrô de Washington, nos Estados Unidos, com 37 km de linha construída e que tem como objetivo impulsionar o desenvolvimento urbano da região, além de ligar o metrô a um dos aeroportos que servem a cidade. O infográfico interativo abaixo mostra os detalhes das linhas sendo construídas atualmente na capital, com um aplicativo de áudio que explica o que é esse novo sistema, e porque ele foi o escolhido nessas áreas em detrimento do metrô subterrâneo.

Do Portal do Governo do Estado
 





READ MORE - São Paulo será a primeira cidade do mundo a receber um monotrilho de alta capacidade

Em Porto Alegre, Viaduto na Bento beneficiará usuários do transporte coletivo

Começou na manhã desta quarta-feira, 22, uma das mais complexas e importantes obras de mobilidade que irá qualificar o trânsito na Terceira Perimetral e na região do bairro Partenon. Ligando as avenidas Salvador França e Aparício Borges, o viaduto da avenida Bento Gonçalves garantirá fluidez ao tráfego e beneficiará usuários do transporte coletivo. Nesta fase inicial, as intervenções são realizadas na área de calçada, não gerando desvios no trânsito local.
 

O viaduto faz parte do conjunto de cinco obras da Terceira Perimetral, que integra o legado de projetos de infraestrutura oportunizado na preparação para sediar a Copa de 2014. A estrutura terá extensão total de 540 metros, com seis faixas de tráfego, incorporando estação de ônibus do corredor da Terceira Perimetral. Trecho da estrutura será estaiado.

Transporte coletivo - Conforme o prefeito José Fortunati, que esteve no local, o projeto da obra foi atualizado pensando a integração dos modais de transporte, com efetividade para a mobilidade da cidade em longo prazo. “O viaduto é fundamental para desafogar a Terceira Perimetral, com segurança para motoristas, pedestres e usuários do transporte coletivo. O projeto foi remodelado pensando também o futuro da mobilidade em Porto Alegre”, afirmou o prefeito, destacando que a estrutura prevê integração com o BRT da Bento Gonçalves, em construção, e os futuros projetos para BRTs na Terceira Perimetral e da segunda fase do Metrô.

A passagem na Terceira Perimetral será em dois níveis, como explicou o secretário de Gestão, Urbano Schmitt. “O projeto prevê a qualidade do transporte coletivo, com andar exclusivo para ônibus”, disse o secretário. O viaduto terá dois níveis, com uma plataforma inferior para o corredor de ônibus e a passagem superior, dedicada aos demais veículos.

Trânsito - O diretor de Fiscalização da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Carlos Pires, esclareceu que neste momento as obras envolvem etapas de instalação de redes, a partir das áreas de calçada, sem necessidade de alterações no trânsito. “Com o desenvolvimento da obra, serão anunciados os desvios necessários“, informou Pires, afirmando que passam hoje pelo cruzamento cerca de quatro mil veículos nos horários de pico.

A obra será executada pelo Consórcio Nova Bento (Construtora Cidade Ltda e Sultepa Comércio e Construções Ltda), vencedor da licitação. Conforme o secretário municipal de Obras e Viação, Adriano Gularte, a fiscalização e o cumprimento do cronograma serão de responsabilidade da Smov, como ocorre com as demais obras de modernização do sistema viário da Capital. O valor do contrato é de R$ 69,7 milhões, e a conclusão está prevista para maio de 2014. 

O projeto

- O viaduto incorpora estação de ônibus do corredor da Terceira Perimetral. A altura mínima entre a superestrutura do vão do viaduto e a Avenida Bento Gonçalves é de 5,5 metros. Nos retornos sob os acessos ao vão central, a altura livre é de 3,8 metros.

- O acesso dos pedestres à plataforma dos ônibus será por meio de quatro rampas, uma em cada extremo, com previsão futura de implantação de quatro elevadores.

- A estrutura da obra é mista em aço e concreto, dividida em três segmentos: acesso Norte, trecho estaiado e acesso Sul. O trecho estaiado tem vão livre de 50 metros.
 
 Avenida Bento Gonçalves - A avenida está localizada no setor Sul e Sudeste de Porto Alegre. Possui aproximadamente 10 quilômetros de extensão, sendo um importante eixo viário estrutural daquela região. Além de receber o tráfego de veículos e ônibus dos bairros vizinhos, funciona como principal eixo de deslocamento de moradores de Viamão e de outras cidades localizadas à leste de Porto Alegre em direção ao mar, por meio RS-040. Esta rodovia é a continuação da avenida Bento Gonçalves no sentido Oeste/Leste.
 
Fonte: PMPA
 


READ MORE - Em Porto Alegre, Viaduto na Bento beneficiará usuários do transporte coletivo

Em Fortaleza, Novas vias preferenciais para ônibus fazem parte do projeto da Avenida Bezerra de Menezes

Depois da boa avaliação da população quanto à implantação do corredor preferencial para transporte coletivo na Avenida Bezerra de Menezes, o Serviço Rápido de ônibus de Fortaleza (BRS-FOR) poderá ser ampliado nas avenidas Imperador e Tristão Gonçalves, no Centro, na próxima segunda-feira (27), de acordo com o presidente da Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e Cidadania (AMC), Ademar Gondim.
 
Segundo ele, os corredores preferenciais dessas vias ainda fazem parte do mesmo projeto da Bezerra de Menezes. "Amanhã (hoje), teremos uma reunião na Etufor (Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza) para definir os prazos e quais serão as outras ruas a terem os BRS", afirma.
Na Avenida Imperador, as duas faixas da direita serão preferenciais para ônibus. Nessa via, especificamente, o limite entre as faixas de transporte coletivo e particular será o canteiro central. Já na Avenida Tristão Gonçalves, apenas uma faixa será preferencial para os ônibus.
 
Ampliação
Também a Rua Castro e Silva deverá mudar o seu sentido, para facilitar o retorno dos ônibus e vans do transporte público de Fortaleza para a Avenida Imperador e, posteriormente, para a Bezerra de Menezes.
A intenção, conforme o presidente da AMC, é estender esse corredor até o Terminal da Lagoa e, no caso da Avenida Bezerra de Menezes, até o Papicu. "Poderemos ampliá-lo para a Rua Carapinima e Avenida José Bastos até o Terminal da Lagoa e o da Bezerra de Menezes faz parte do Transfor, que deixará mais rápida a viagem entre aquela avenida e o Papicu".
 
Dúvidas
No entanto, muitos dos que costumam transitar na Avenida Imperador, no Centro de Fortaleza, apesar de reclamarem do trânsito caótico daquela via, ainda têm dúvidas sobre como o projeto poderá ser implantado.
Para o ambulante Francisco de Assis Ferreira, que trabalha no canteiro central da avenida há cerca de sete anos, a situação já complicada do trânsito poderá piorar com a implantação do BRS. "Aqui é muito estreito, não consigo nem imaginar como poderia ser com esses corredores para ônibus", diz.
Já o consultor de vendas João Batista da Silva acredita que o trânsito poderá melhorar bastante com a adoção do projeto. "É uma boa ideia. A Bezerra de Menezes está bem melhor e acredito que poderia acontecer o mesmo com essa avenida, que também muito complicada, especialmente nos horários de pico", avalia João Batista.

Melhorias
Na Avenida Tristão Gonçalves, a expectativa dos usuários dos transportes coletivos também é muito boa com a notícia da implantação. "Esperamos que melhore, porque, no fim da tarde e no início da manhã, fica tudo parado aqui. Pode até ser que aumente o movimento nas lojas, com o acesso mais rápido ao Centro", opina a comerciante Clístenes Reis.
 
Na Avenida José Bastos, são comuns os ônibus deixarem de atender aos acenos dos passageiros pelo fato de existirem carros e até caminhões parados próximos às paradas de ônibus. A equipe de reportagem, inclusive, presenciou isso durante as entrevistas com os usuários de transporte coletivo.
 
A aposentada Lídia Nogueira passou pela experiência e disse que o fato é corriqueiro naquela via. "Esse projeto de corredor exclusivo para ônibus iria ajudar bastante a nós, aposentados, porque nem sempre os ônibus param, seja porque tem carros nas paradas ou mesmo por não quererem mesmo", afirma.
 
Por Kelly Garcia / Diário do Nordeste
 
READ MORE - Em Fortaleza, Novas vias preferenciais para ônibus fazem parte do projeto da Avenida Bezerra de Menezes

Governo de São Paulo quer encerrar mandato com R$ 8 bi em metrô e trens

O governo do Estado de São Paulo pretende chegar ao último ano de mandato (2014) com investimentos de pelo menos R$ 8 bilhões no metrô da capital e no sistema de trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

No ano passado, os recursos somaram R$ 2,9 bilhões e neste ano devem ficar próximos de R$ 5 bilhões. As afirmações foram feitas nesta quarta-feira pelo secretário de Transportes Metropolitanos do Estado de São Paulo, Jurandir Fernandes, que participou de evento no Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo (SEEP). "É um desafio enorme, mas tem de ser feito", disse.

Fernandes disse que hoje o Estado já possui financiamentos contratados de cerca de R$ 14 bilhões para projetos no setor e que até dezembro esse número deve subir para R$ 18 bilhões.

Durante palestra, ele fez uma ressalva sobre o sistema de tarifa integrada para os usuários do metrô e da CPTM. De acordo com ele, no começo da década, 64,2% dos usuários da CPTM eram pagantes diretos do sistema. Hoje, devido à integração com as estações do metrô, esse porcentual recuou para 55,7%. "Há de se rever com muito cuidado a política tarifária", afirmou.
 
Informações: Diário do Grande ABC
 



READ MORE - Governo de São Paulo quer encerrar mandato com R$ 8 bi em metrô e trens

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960