Ipanema e Leblon ganham segundo corredor de ônibus no sábado

terça-feira, 4 de outubro de 2011

Os bairros do Leblon e Ipanema, na Zona Sul do Rio, vão receber o segundo corredor de ônibus rápido (BRS) a partir do próximo sábado (8). O corredor funcionará na Avenida General San Martín, no Leblon, e na Rua Prudente de Moraes, em Ipanema, que passam a ter uma faixa preferencial para ônibus. As informações são da Secretaria municipal de Transportes (SMTR), que ainda não divulgou as linhas que vão operar nas duas vias e o horário de funcionamento.

No dia 20 de agosto, o corredor exclusivo começou a funcionar na Avenida Ataulfo de Paiva, no Leblon, e na Rua Visconde de Pirajá, em Ipanema . As vias passaram a ter uma faixa preferencial para ônibus e duas para os demais veículos.  O mapa completo com a localização dos pontos do BRS em Ipanema e Leblon pode ser baixado na internet (em formato PDF).
Mapa dos pontos de ônibus com corredor exclusivo em Ipanema e Leblon, na Zona Sul do Rio (Foto: Divulgação/SMTR)
Mapa dos pontos de ônibus com corredor exclusivo em Ipanema e Leblon, na Zona Sul do Rio (Foto: Divulgação/SMTR)
Das 55 linhas que passavam atualmente nas avenidas, 50 permaneceram circulando no BRS e foram separadas em três grupos: o BRS1, BRS2 e BRS3.

Veja abaixo o trajeto das linhas de ônibus:

- 438 (Leblon - Vila Isabel, via Jóquei) e 439 (Vila Isabel - Leblon, via túnel Rebouças/Jóquei): Itinerário alterado para Praça Atahualpa, Avenida Visconde de Albuquerque, Avenida Bartolomeu Mitre, Rua Jardim Botânico. Não passarão mais na Avenida Ataulfo de Paiva.

- 522 (São Conrado - Botafogo, via Jóquei - Circular): Itinerário alterado para Avenida Niemeyer, Avenida Visconde de Albuquerque, Avenida Bartolomeu Mitre, Rua Jardim Botânico.

- 512 (Urca - Leblon, via Copacabana - Circular) e 574 (Glória - Leblon, via Copacabana - Circular): Itinerário alterado para Rua Gal. San Martin, Avenida Bartolomeu Mitre, Rua Jardim Botânico. Não passarão mais pela Avenida Ataulfo de Paiva.

- 591 (São Conrado - Leme, via Copacabana - Circular) e 593 (Leme - São Conrado, via Rocinha - Circular): Itinerário alterado para Rua Gal. San Martin, Avenida Bartolomeu Mitre. Não passarão mais pela Avenida Ataulfo de Paiva no sentido São Conrado (no sentido Leme vão continuar passando).

- 503 (Botafogo - Alto Leblon, via Copacabana - Circular): Itinerário alterado para Rua Gal. San Martin, Rua Rainha Guilhermina, Avenida Visconde de Albuquerque. Não passará mais pela Avenida Ataulfo de Paiva, no sentido Alto Leblon.

Horário de funcionamento
O corredor funciona das 6h às 21h. Nesse horário não é permitido que automóveis usem o corredor. Os controladores da CET-Rio vão monitorar as vias através de três câmeras e o embarque fora dos pontos não será permitido. O bairro de Copacabana, também na Zona Sul, já possui o BRS desde abril.


Fonte: G1.com.br

READ MORE - Ipanema e Leblon ganham segundo corredor de ônibus no sábado

Em Porto Alegre, Corredor de ônibus deve ser instalado na avenida Padre Cacique

O prefeito de Porto Alegre, José Fortunati, disse que a administração municipal deve ampliar a avenida Padre Cacique, colocando um corredor de ônibus da avenida Tronco até a Borges de Medeiros. Em entrevista ao Programa Guaíba Cidades, da Rádio Guaíba, ele destacou que ninguém sairá da região e as obras serão feitas no sentido de aumentar a qualidade da mobilidade urbana nessa região da cidade.

Fortunati também anunciou a construção de mais de mil unidades habitacionais no bairro Restinga e a realização de obras de mobilidade urbana na zona Sul. Também disse que a ciclovia da avenida Ipiranga será uma via alternativa e que servirá de modelo para o País.  ^



Informações do Correio do Povo

READ MORE - Em Porto Alegre, Corredor de ônibus deve ser instalado na avenida Padre Cacique

Em Goiânia, Corredor universitário terá faixa para ônibus e ciclovia

As obras do corredor universitário serão iniciadas nesta segunda-feira (3), em Goiânia, e deverão durar cerca de 60 dias. O corredor universitário vai ter uma faixa preferencial para ônibus, num trajeto de 2,5 km. Sai da Praça Cívica, no Centro, entra na Avenida Universitária (antiga Rua 10), passa pela Praça Universitária e continua na mesma avenida. Depois, entra na Rua 261, no Setor Universitário, até a Praça da Bíblia. O trecho contará com sinalização horizontal e vertical, semáforos sincronizados e ciclovia.

Para coibir o uso da pista preferencial por carros de passeio, a Companhia Municipal de Transporte Coletivo (CMTC) planeja instalar câmeras de monitoramento. A dona de casa Marilene Maria da Silveira, que depende do ônibus para trabalhar, espera gastar menos tempo de deslocamento. “Espero que o carro de passeio particular respeite a sinalização, porque na Avenida Araguaia ele não respeita. Algumas vezes é possível ver de quatro a cinco carros entre os ônibus”, denuncia.

Mais de 540 abrigos para pontos de embarque e desembarque vão ser trocados, seguindo o mesmo padrão. O canteiro central da Avenida Universitária vai abrigar uma ciclovia de 2,5 km de extensão. A notícia agradou o autônomo Carlito Batista. “Para mim vai ser ótimo, pois só ando de bicicleta. Há dois meses fui atropelado, pois não há lugar par andar de bicicleta na cidade”, comenta.
A expectativa é de que o corredor facilite o acesso dos ônibus ao Terminal da Praça da Bíblia.

Melhorias

Segundo o presidente da CMTC, José Carlos Xavier, estas são obras profundas. “A cidade clama por melhoria de transporte e a resposta são corredores preferenciais como este”, diz. A prefeitura planejou 14 corredores preferenciais e a ideia é de entregar cinco desses corredores até o final de 2012.

Na Avenida Universitária a velocidade de deslocamento é de no máximo 12 km por hora. Com o corredor preferencial, espera-se aumentar a agilidade para 15 km por hora, chegando a 18 km por hora. Por outro lado, os veículos particulares só poderão usar a faixa para fazer conversões à direita. “Devido ao monitoramento com a sinalização eletrônica, o veículo que usar a faixa indevidamente será punido", explica o presidente da CMTC.

José Carlos Xavier assegura que as intervenções previstas nas faixas preferenciais permitirão que o trânsito continue fluindo normalmente. “Talvez no momento de fazer o remanejamento dos pontos de ônibus, que serão de concreto, seja necessário fazer pequenos desvios nos atuais locais dos pontos de ônibus”, observa. 



Fonte: G1.com.br


READ MORE - Em Goiânia, Corredor universitário terá faixa para ônibus e ciclovia

Em São Paulo, Governo elevará investimento com Metrô em 10%

Em 2012, a gestão do governador Geraldo Alckmin (PSDB) vai aumentar em 10% os investimentos no Metrô. Segundo proposta orçamentária enviada ontem à Assembleia Legislativa, o valor destinado às obras de expansão e modernização da rede vai passar dos atuais R$ 4,4 bilhões para R$ 4,9 bilhões. Mas, apesar dos números, nenhuma estação vai sair do papel no próximo ano.
 
Com a previsão de investimentos dedicados à Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e os gastos com a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) e o funcionamento da secretaria, o orçamento dos Transportes Metropolitanos poderá chegar a R$ 6,6 bilhões. A soma inclui recursos do Tesouro estadual (arrecadação mais transferências) e recursos vindos de empréstimos.
 
Nos planos do Metrô, o Expresso Tiradentes será a prioridade do governo, com R$ 1,6 bilhão. O monotrilho em construção na zona leste da capital vai ligar a Vila Prudente à Cidade Tiradentes, na zona leste. A primeira estação, Oratório, deve ser entregue no fim de 2013.
 
A Linha 5-Lilás, em obras na zona sul, será a segunda na lista de importância, caso o projeto seja aprovado pelos deputados estaduais. A previsão é gastar até R$ 1,5 bilhão na extensão do ramal desde a Estação Largo Treze, na região de Santo Amaro, até a Chácara Klabin, para integração com a Linha 2-verde.
 
Prevista para ter as obras iniciadas em, no máximo, dois meses, a Linha 17-Ouro receberá R$ 507 milhões do orçamento para ligar o Aeroporto de Congonhas à região do Morumbi.
 
O valor é semelhante ao montante reservado às obras da segunda fase da Linha 4-Amarela, com R$ 471 milhões.
 
No lado oposto da lista de prioridades, as Linhas 1-Azul e 3-Vermelha, as mais movimentadas do Metrô, são as que menos receberão investimentos da gestão. Ambas somam R$ 473 milhões para reforma de 24 trens e do sistema de sinalização. Apesar de completas, as duas requerem obras de modernização e de ampliação, caso da Estação Corinthians-Itaquera, na zona leste, apontada como a estação da Copa do Mundo, em função da proximidade com o futuro estádio do Corinthians, previsto para receber a inauguração do Mundial.
 
E a Linha 6-Laranja, prevista para ser construída por meio de Parceria Público-privada (PPP), é a menos contemplada na peça orçamentária. O edital ainda não foi lançado e as obras não têm previsão de início, mesmo em 2012. Na CPTM, o governo pretende gastar R$ 1 bilhão com obras de modernização de estações, No caso da Linha 8-Diamante, está prevista uma estação nova: Santa Rita, em Itapevi. Entretanto, o total investido nos trens em 2012 será quase 10% menor do que o previsto para este ano.

Rodoanel. O Trecho Norte do Rodoanel deve receber R$ 1,5 bilhão em obras no próximo ano. Já o investimento total em rodovias administradas pelo Departamento de Estradas e Rodagem (DER) vai chegar a R$ 2 bilhões, dos quais R$ 1,1 bilhão é para a duplicação, construção e obras conveniadas na malha rodoviária e R$ 873 milhões para a recuperação de estradas estaduais. No total, a previsão é de R$ 10,5 bilhões os transportes.



READ MORE - Em São Paulo, Governo elevará investimento com Metrô em 10%

Em Uberaba, Novos painéis eletrônicos serão instalados nos próximos dias

Prefeitura vai instalar 30 painéis eletrônicos em pontos espalhados pela cidade nos próximos dias. A implantação dos equipamentos a princípio será no ponto de ônibus em frente à Unidade de Atenção ao Idoso, próximo a Secretaria de Trânsito e Transporte, e na Universidade de Uberaba. A expectativa é de que até o final de outubro todos os equipamentos sejam instalados.

Segundo o diretor do Departamento de Operações de Transporte Coletivo, Claudinei Nunes, além de informar ao usuário o tempo real que cada  ônibus vai demorar, o equipamento também informa, logicamente, as linhas que passam por aquele local. “O serviço é feito através de leitura por GPS e GPRS, em que é possível saber a previsão do horário que o ônibus vai passar”, afirma Claudinei.

Cinco painéis já foram instalados em Uberaba, dois no subterminal da Rodoviária, dois em frente ao Centro Administrativo e um na praça Frei Eugênio, próximo ao Shopping Manhattan. “A quantia ainda é muito pouca, precisamos investir mais nos pontos de maior movimento nas principais avenidas da cidade”, afirma o diretor, ressaltando que a Prefeitura irá cobrar da empresa contratada mais agilidade para instalar os painéis até o final do mês de outubro.

Claudinei explica, também, que o atraso para implantação dos painéis segundo a Autran - empresa de automação responsável pela implantação dos painéis -, foi por conta de uma nova elaboração dos protótipos, pois assim que foi instalado o primeiro painel em frente ao Centro Administrativo, por conta de vandalismos, foi preciso elaborar projeto mais resistente, semelhante ao que foi colocado na praça Frei Eugênio. (GS)



READ MORE - Em Uberaba, Novos painéis eletrônicos serão instalados nos próximos dias

No Recife, Ninguém agüenta mais o Terminal Integrado da Joana bezerra

Desorganização e falta de respeito com quem precisa usar o transporte público, assim podemos descrever o que as pessoas passam neste terminal todas as manhãs para pegarem a linha Joana Bezerra/Boa Viagem, a falta de ônibus e os intervalos não cumpridos fazem com que centenas de pessoas de aglomerem num pequeno espaço provocando um empurra-empurra de assustar qualquer um, a quantidade de pessoas que tentam entrar no ônibus ao mesmo tempo devido à falta de organização gera este absurdo sem tamanhos, os ônibus saem com uma superlotação que deveria ser considerado um crime do Poder Público, com umas pessoas em cima das outras literalmente, e o que mais deixa a população revoltada, é que não se vê nenhuma solução por parte do Governo do Estado em resolver o problema. O Blog Meu Transporte teve acesso aos horários dessa linha na parte da manhã na qual está previsto os ônibus saírem num intervalo de 03 em 03 minutos, porém isso não se cumpre na realidade, pois devido à desorganização e o alto numero de passageiros, o tempo de um ônibus para o outro está sendo feito por mais de 05 minutos, ou seja, será que todas as viagens determinadas pelo CGRT estão sendo cumpridas, e porque até agora não sem tomou nenhuma solução alternativa enquanto o novo terminal não é construído?

Resposta do CGRT

Em resposta à postagem intitulada “No Recife, ninguém aguenta mais o Terminal Integrado de Joana Bezerra”, publicada no Blog Meu Transporte sobre a linha 080-Joana Bezerra/Boa Viagem, o Grande Recife Consórcio de Transporte informa que a linha citada possui uma alta demanda de usuários (cerca de 11.000 pessoas por dia), possuindo um serviço baseado nessa demanda. Atualmente 19 ônibus realizam 222 viagens todos os dias para atender aos usuários que dependem desse itinerário.

Diariamente a fiscalização do Grande Recife está no Terminal Integrado de Joana Bezerra para fiscalizar a operação da linha, o cumprimento dos horários e o atendimento dado aos usuários pelos operadores. Nos horários de pico da manhã, o intervalo programado varia entre dois e quatro minutos. Porém, devido principalmente aos congestionamentos na Avenida Conselheiro Aguiar, as viagens não estão podendo ser cumpridas com a regularidade que o Consórcio deseja. Hoje, por exemplo, a equipe de fiscalização registrou intervalos de dois, três e cinco minutos. Entre as 6h e às 9h18, apenas duas viagens saíram desse padrão, sendo que uma delas teve intervalo de oito minutos e a outra não foi cumprida (8h58) por causa dos engarrafamentos sofridos no trajeto.

Para organizar as filas no TI de Joana Bezerra, nove apoios operacionais e mais oito vigilantes atuam diariamente no local, somando 17 pessoas trabalhando no TI. Desse total, seis trabalham apenas na fila da linha 080-Joana Bezerra/Boa Viagem. Em horários nos quais o intervalo é superior ao previsto, ocorre um acúmulo de usuários nas linhas, gerando desconforto na hora do embarque. Para minimizar os problemas, a linha 070-Candeias/Joana Bezerra entra no TI nos horários de maior demanda. Além disso, o Grande Recife está estudando a possibilidade de esta última linha passar a operar em todos os horários, para auxiliar no atendimento ao público.

Para outras informações, dúvidas ou sugestões, o usuário pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente, pelo telefone 0800 081 0158, ou acessar o site www.granderecife.pe.gov.br
Você usa os ônibus da linha Joana Bezerra/Boa Viagem pela manhã? Comente:

Blog Meu Transporte

Mais Notícias de Pernambuco

READ MORE - No Recife, Ninguém agüenta mais o Terminal Integrado da Joana bezerra

Manaus: SMTU fiscaliza elevadores para cadeirantes dos novos ônibus

A Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU) está realizando, vistorias nos novos veículos para verificar a utilização dos elevadores para usuários de necessidades especiais.
No último dia 27, muitos coletivos da cidade não estava usando os elevadores para cadeirantes por conta da ausência da chave que acionava o serviço.
De acordo com o superintendente da SMTU, Marcos Cavalcante, quando os novos veículos chegaram, foi exigida de cada empresa um treinamento de operação dos elevadores para cadeirantes. As empresas, por sua vez, disseram que todos os funcionários estão habilitados, mas quem solicitar parada e não tiver o serviço deve procurar a SMTU para denunciar. "Se o portador solicitar parada e o motorista não parar, ele deve anotar os números que estão nas laterais e na traseira do ônibus, ligar para a central de atendimento para que se tome as providências devidas", declarou o superintendente.
O usuário de transporte coletivo que tiver qualquer tipo de denúncia pode ligar para o Setor de Atendimento Comunitário. Os telefones são 3632 2115, 3632- 2116 e o 2118.
Doze fiscais estão atuando nas vistorias. Desde a semana passada já foram verificados mais de 30 veículos. Até então não foi encontrado nenhum defeito nos elevadores. Estima-se que até o final do mês todas as empresas passem pelo processo.
O ônibus que estiver com algum problema, não só nos elevadores, ficará fora de circulação. "Se um ônibus tiver algum defeito, a empresa será multada e o veículo irá para a garagem até que se resolva o problema”, afirma o gerente de vistoria, Kleber Pessoa.


Fonte: D24 Am

READ MORE - Manaus: SMTU fiscaliza elevadores para cadeirantes dos novos ônibus

Teresina vai receber 280 milhões para melhorar o transporte público

O Ministério do Planejamento e o Tesouro Nacional aprovaram integralmente a proposta do Governo do Estado e da Prefeitura de Teresina para o PAC Mobilidade na capital. A reunião foi realizada em Brasília, na última quinta-feira (29) com representantes do Governo Federal, do Estado e Prefeitura.

O PAC Mobilidade objetiva requalificar e implantar sistemas estruturantes de transporte público coletivo. Para Teresina, o programa destina R$ 280 milhões que deverão ser aplicados em melhorias no transporte. O Governo do Estado e a Prefeitura apresentaram uma proposta integrada, na qual o Estado pretende investir R$ 130 milhões para melhorar e ampliar os serviços metroviários oferecidos ao usuário piauiense.

O projeto aprovado contempla a construção de novas estações de passageiros, a aquisição de quatro novos trens, cancela automática, duplicação da linha metroviária, extensão da linha até a Rodoviária Lucídio Portela, uma ponte sob o Rio Poty, entre outras obras.

Para o coordenador estadual do PAC, Mirocles Veras, a segunda etapa do Programa de Aceleração do Crescimento atingirá ainda mais a população. “O PAC visa melhorar a qualidade de vida da população, e o PAC Mobilidade possibilitará uma mudança radical no transporte de Teresina, integrando várias modalidades, proporcionando acesso democrático à sociedade teresinense”, destacou.


READ MORE - Teresina vai receber 280 milhões para melhorar o transporte público

Cidades da Região Metropolitana de Campinas serão alvo de pesquisa sobre transporte público

A Secretaria Estadual dos Transportes Metropolitanos (STM), inicia nesta segunda-feira, 3, uma pesquisa de origem e destino entre os usuários do transporte coletivo local e intermunicipal dos 19 municípios da Região Metropolitana de Campinas (RMC). A pesquisa também ouvirá os motoristas que circulam pelas principais rodovias da região. 
Em Jaguariúna, assim como nas demais cidades, haverá visitas domiciliares para saber que tipo de transporte a população utiliza para se deslocar de casa para o trabalho, o lazer e a escola, entre outras informações. A escolha das casas a serem visitadas será mediante sorteio, segundo a STM.  
O objetivo da pesquisa é obter dos usuários subsídios que contribuirão para organizar o planejamento e o funcionamento do transporte público na própria cidade onde a pessoa mora e nas linhas que ligam os municípios. Para isso, serão visitados 12 mil domicílios em toda RMC.
O diretor do Departamento de Trânsito e Transportes (Detransp) da Secretaria de Defesa Social de Jaguariúna, engenheiro Valdeir David de Almeida, disse ser importante que as pessoas visitadas recebam bem os pesquisadores credenciados pela STM e respondam às perguntas. “Essa pesquisa é uma ótima oportunidade para que o Estado planeje o transporte intermunicipal de modo a atender as necessidades dos usuários de Jaguariúna”, diz Valdeir. 
Conhecida como Pesquisa de Origem e Destino, a iniciativa consiste no levantamento detalhado dos deslocamentos da população e visa dar suporte aos investimentos públicos em transporte para os municípios das regiões metropolitanas. 
No Estado de São Paulo, além da Região Metropolitana da Grande São Paulo existem outras duas: a de Santos, no litoral, e a de Campinas.
Etapas
As pesquisas serão feitas em duas etapas. A primeira abordará os motoristas que entram ou saem da região em pontos determinados das rodovias. Em seguida serão visitados os domicílios sorteados entre as 19 cidades da RMC. Para facilitar o acesso às informações mais detalhadas da pesquisa, a prefeitura de Jaguariúna disponibilizará em seu site um selo que leva o usuário à página da STM, cujo endereço é: www.stm.sp.gov.br/odrmc 
Conforme o Detransp de Jaguariúna, a última pesquisa mais ampla sobre origem e destino dos usuários do transporte coletivo feita na cidade foi em 2003. Desde então, muitas mudanças ocorreram nas formas de deslocamento da população.


READ MORE - Cidades da Região Metropolitana de Campinas serão alvo de pesquisa sobre transporte público

Em Campo Grande, Começaram as mudanças no transporte coletivo

Entrou em vigor no sábado (1) o novo sistema de integração temporal, que vai permitir à população de Dourados utilizar mais de um ônibus do transporte urbano no tempo médio de uma hora, trocando de veículo em qualquer ponto. A mudança foi determinada pela prefeitura à empresa Medianeira, responsável pelo transporte coletivo na cidade.

“A administração fez várias exigências que terão de ser cumpridas pela Medianeira como contrapartida pelo aumento de tarifa, como melhoria da qualidade e pontualidade das linhas, além da implantação do sistema de integração temporal”, explicou o diretor do Departamento de Trânsito da prefeitura Jonecir Ferreira.

Também serão feitas melhorias no transporte de universitários, com acréscimo de horários nos períodos de entrada e saída das faculdades, redução do tempo de vida da frota de oito para cinco anos, além de mudança nos horários e itinerários para adequar as linhas e evitar atrasos.

INTEGRAÇÂO

Para melhorar o transporte e atender a população, está sendo implantado o sistema de integração temporal que permite ao usuário se deslocar para os outros pontos da cidade sem precisar ir até o terminal de transbordo.

“A pessoa poderá optar por qualquer linha, desde que no mesmo sentido, ou seja, não será permitido o trajeto de ida e volta. Assim, se o usuário fizer um percurso até o centro da cidade e desejar retornar ao bairro de origem, ele não pode usar a integração. Será necessário pagar outra passagem. O tempo para a troca de linha é de 40 minutos”, informa Ferreira.

Para utilizar a integração, o usuário precisa se cadastrar na Central de Passes, no Terminal Rodoviário Renato Lemes Soares, e adquirir um cartão de passe, no valor de R$ 23 com 10 créditos inseridos. “Os cartões não têm prazo de validade. Em caso de perda, o usuário deve fazer um novo pedido de cartão e pagar uma taxa”, destaca o diretor.

Ferreira chama a atenção dos usuários: “apenas quem pagar a passagem com o cartão poderá fazer a integração em qualquer ponto. Quem pagar a tarifa em dinheiro só poderá fazer a troca de ônibus no terminal de transbordo.

CARTÃOA empresa concede um desconto no valor da tarifa para o usuário que utiliza o cartão magnético como forma de incentivar esse sistema de pagamento. A partir deste sábado, a tarifa com cartão passa custa R$ 2,30 e o pagamento em dinheiro, R$ 2,50.

HORÁRIONa segunda-feira (3) serão adicionados nove horários à linha da Cidade Universitária para atender estudantes e professores. O ônibus vai sair do transbordo às 08h15, 09h25, 14h10, 16h25, 18h25 e 21h05. A saída das universidades será às 07h35, 08h50 e 19h00, além dos horários já estabelecidos.



Fonte: Folha MS

READ MORE - Em Campo Grande, Começaram as mudanças no transporte coletivo

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960