São Paulo: SPTrans divulga criação e mudança de linhas, confira:

quarta-feira, 13 de julho de 2011

A SPTrans informa que a partir do dia 18 de julho vai iniciar a operação de uma linha de apoio, 6028/31 Riviera – Term. Santo Amaro, com quatro partidas de 15 em 15 minutos a partir das 05h da manhã até as  06h. A medida visa melhorar o atendimento no horário de pico na região da Estrada da Riviera.

Linha e itinerário:
6028/31 Riviera – Term. Santo Amaro
Ponto inicial:
Rua Água da Figueira
Ponto final: Term. Santo Amaro
Ida: Rua Água da Figueira, Estr. da Riviera, Av. Guarapiranga, Ponte do Guarapiranga, Av. Guarapiranga, Rua Domingos Jorge, Rua Augusto Ferreira de Moraes, Lgo. Do  Socorro, Pte.  Do  Socorro, Av. Vitor Manzini,  Pça.  Dom Francisco de Souza, Al. Santo Amaro, R. Paulo Eiró, Av. Pe. José Maria, Term. Santo Amaro.

A SPTrans altera itinerário de ônibus na região Central

Em função de obras na Avenida Senador Queirós, entre o Viaduto sobre a Avenida Prestes Maia, altura do número 177 até a Rua Brigadeiro Tobias, a via será interditada no dia 13/07 até 14/07 das 18h às 7h. Por este motivo, a SPTrans informa que será alterado o itinerário das seguintes linhas envolvidas.

Para informações sobre linhas e trajetos de linhas consulte itinerários ou ligue 156.

Linhas e itinerários:
2290/10 Term. São Mateus – Term. Pq. D. Pedro II
Ida:
Normal até a Rua do Gasômetro, Vd. Diário Popular, acesso, Av. do Exterior, Av. Rangel Pestana, Rua Roberto Simonsen, Rua Venceslau Brás, Pça. da Sé, Rua Boa Vista, Lgo. São Bento, Rua Líbero Badaró, Vd. do Chá, Pça. Ramos de Azevedo, Rua Cons. Crispiniano, Av. São João, Av. Ipiranga, prosseguindo normal.
Volta: Sem Alteração.

2291/10 Term. São Mateus – Pça. da República
Sentido Único:
Normal até a Rua do Gasômetro, Vd. Diário Popular, acesso, Av. do Exterior, Av. Rangel Pestana, Rua Roberto Simonsen, Rua Venceslau Brás, Pça. da Sé, Rua Boa Vista, Lgo. São Bento, Rua Líbero Badaró, Vd. do Chá, Pça. Ramos de Azevedo, Rua Cons. Crispiniano, Av. São João, Av. Ipiranga, prosseguindo normal.
393H/10 Jd. Santo André – Pça. da República
1206/10 Pq. Vila Maria – Correio
3310/10 Term. Amaral Gurgel – Cid. Tiradentes - Circular
393C/10 Term. Amaral Gurgel – COHAB II - Circular
702P/10 Term. Penha – Pinheiros
5104/10 Term. Sacomã – Pça. da República

Deverão trafegar pela faixa da esquerda da Av. Senador Queirós, a partir da Av. Mercúrio.
Fonte: SPTrans

READ MORE - São Paulo: SPTrans divulga criação e mudança de linhas, confira:

Curitiba vai receber amanhã mais ônibus novos, entre eles estão mais 14 biarticulados de 28 metros na linha Leste/Oeste

O prefeito de Curitiba, Luciano Ducci, entrega nesta quinta-feira (14), às 11h, no Parque Barigui, mais 196 dos 557 veículos novos propostos para a frota de 1.915 dos ônibus da Rede Integrada de Transporte. Serão entregues 54 ônibus articulados, 89 ligeirinhos, 36 ônibus comuns e micros especiais e 14 biarticulados de 28 metros na linha Leste/Oeste.
"A idade média da frota do transporte coletivo de Curitiba é uma das mais baixas do país, de 4,7 anos. E vamos renová-la em 30%. Também vamos renovar a frota da linha Leste/Oeste com biarticulados na cor vermelha, com o mesmo padrão de conforto do ligeirão", disse Ducci.
Na linha expressa Leste/Oeste, os biarticulados de 24,5 metros serão substituídos por 26 novos biarticulados de 28 metros. Nas horas de maior movimento (manhã, final da tarde e anoitecer), o intervalo de viagens, no eixo com 36 km (ida e volta), é de 4,5 minutos. A entrada em operação de ônibus de maior porte, já em uso nos eixos Boqueirão e Pinheirinho, amplia em 10% a oferta de lugares na linha.


A Rede Integrada de Transporte que atende Curitiba e 13 municípios da Região Metropolitana (RMC) transporta 2,3 milhões de passageiros por dia em 355 linhas. São 81 quilômetros de canaletas exclusivas, 30 terminais e 364 estações tubo. Os ônibus percorrem por dia 490 mil quilômetros em 21 mil viagens.




READ MORE - Curitiba vai receber amanhã mais ônibus novos, entre eles estão mais 14 biarticulados de 28 metros na linha Leste/Oeste

Em Fortaleza, Terminal de ônibus Antônio Bezerra será ampliado

Acontenda entre a Prefeitura Municipal de Fortaleza e o proprietário de um posto de gasolina, enfim, terminou. Ontem, uma imissão de posse interditou o estabelecimento, com vistas à ampliação do terminal do Antônio Bezerra.

A decisão judicial, do titular da 4ª Vara da Fazenda Pública, Montovanni Colares, saiu no dia 27 de junho. O processo corria há cerca de dois anos e foi resolvido mediante pagamento da indenização de R$ 3 milhões.

Reginaldo Melo de Oliveira, arrendatário do posto, que funcionou normalmente até segunda (11), diz não ter sido comunicado previamente da decisão. “Estou sabendo agora com a chegada do pessoal para interdição”, garante.

A informação foi desmentida pelo coordenador de projetos especiais da Coordenadoria de Projetos Especiais e Relações Institucionais e Internacionais (Cooperii), Geraldo Accioly. “Ele foi informado sim, tanto que reduziu estoques. A ação foi judicial exatamente porque não houve uma ação administrativa, ou seja, um acordo mais amigável”.

Segundo o assessor jurídico da Secretaria Executiva Regional III, Leonardo Barreto, a área já foi isolada para recolhimento dos bens restantes do antigo proprietário, retirada dos resíduos de combustíveis e desmonte do prédio.
ObraA previsão, de acordo com o coordenador do Programa de Transporte Urbano de Fortaleza (Transfor), Daniel Lustosa, é que até o final do mês de julho as obras de ampliação do terminal sejam retomadas. Ele calcula a finalização para aproximadamente março de 2012.

O presidente da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), Ademar Gondim, diz que a demanda do terminal deve aumentar com a ampliação. “Não sabemos ainda quantificar esse crescimento da capacidade, mas é uma nova concepção de terminal, de acessibilidade. O objetivo é construir um polo de integração entre ônibus, vans e trens”, assegura.

Ele diz ainda que, depois da ampliação, o terminal contará com ônibus articulados, além da disponibilização de corredores expressos.

SAIBA MAIS

Bezerra
Atualmente, o Terminal Antônio Bezerra funciona com 354 ônibus, distribuídos em 40 linhas.

Todos os dias, 207 mil passageiros passam pelo terminal circulando em 3.380 viagens programadas.
 
Com a ampliação, o terminal passará de 12,5 mil metros quadrados para 29,5 mil m².

De acordo com Daniel Lustosa, coordenador do Transfor, o “novo terminal” terá área de convivência para operadores de transportes, acessibilidade em todas as áreas, passagens para pedestres em nível subterrâneo e bicicletários.
 
Daniel Lustosa diz que o terminal testá sendo planejado para atender a demandas futuras. Dentro de 20 anos, ele poderá absorver um aumento de demanda de 20%.

Por Sara Rebeca Aguiar - O Povo Online

 


READ MORE - Em Fortaleza, Terminal de ônibus Antônio Bezerra será ampliado

No Rio, Integração vans-ônibus vai custar R$ 2,50

Em decreto publicado na edição desta terça-feira no Diário Oficial, o prefeito Eduardo Paes regulamentou a adoção do Bilhete Único Carioca (BUC) na integração entre as linhas de vans que estão sendo licitadas para operar o Serviço de Transporte Público Local (STPL) e os quatro consórcios que operam os ônibus na cidade. O decreto fixou a tarifa de integração do BUC em R$ 2,50 (mesmo preço da tarifa convencional dos ônibus) sendo que o usuário terá um intervalo de duas horas entre o primeiro e o segundo embarque para ter direito ao benefício.
Caso o usuário precise que tomar um segundo ônibus para seguir seu caminho após a primeira integração, isso será contado como uma nova viagem. As licitações das linhas de SPL começaram há mais de um ano mas até o momento o serviço ainda não foi implantando em qualquer área da cidade. A secretaria municipal de Transportes ainda não tem prazo para o começo da operação que deve começar pela AP-5 (parte da Zona Oeste que compreende a região entre Santa Cruz e Bangu).
O decreto prevê ainda a instalação de bilhetagem eletrônica com uso de vale transporte eletrônico e até GPS nas vans. E também como será feita a divisão de receitas: 40% para as vans e 50% para os ônibus.



READ MORE - No Rio, Integração vans-ônibus vai custar R$ 2,50

Prefeitura de Atibaia lança bilhete eletrônico

A Prefeitura de Atibaia deu um passo importante na implantação do sistema de bilhete eletrônico no transporte coletivo na cidade, com o lançamento do “Vai Legal”. Idosos e portadores de necessidades especiais já podem retirar os novos cartões de gratuidade. Nesta primeira semana é a vez dos idosos cujos nomes começam com as letras  A, B, C, D, E. A entrega dos cartões dos portadores de necessidades especiais e portadores de doenças graves/crônicas vai acontecer em agosto.

Durante a cerimônia de lançamento do “Vai Legal”, na última segunda-feira, 11, no Centro de Convenções “Victor Brecheret”, a secretária de Transportes e Trânsito, Cláudia Nogueira, destacou a importância do novo sistema de gestão do transporte coletivo em Atibaia. Ela disse que a bilhetagem eletrônica é o primeiro passo efetivo de modernização do transporte em Atibaia. Nogueira falou ainda sobre os benefícios da bilhetagem eletrônica, que podem incluir vantagens para aqueles que utilizam mais de uma linha em um determinado tempo, até a integração do transporte alternativo, que está em processo de implantação no município. “O sistema possibilita também a operação do bilhete único, após a conclusão da implantação do bilhete eletrônico no sistema de transporte coletivo do município”, disse Cláudia Nogueira. “O sistema possibilita à Prefeitura o acesso, e, tempo real, à exata quantidade de passageiros transportados nas  linhas rurais e urbanas. Esta é uma informação importante, já que com ela é possível saber a real necessidade de ampliação de linhas e horários e até mesmo extensão de linhas urbanas ou rurais”, considerou

Ainda sobre o “Vai Legal”, a secretária de Transportes e Trânsito enfatizou que a primeira fase de implantação contempla os idosos: “São cerca de 5 mil pessoas que já podem retirar os novos cartões de gratuidade”, disse. “Priorizamos esta parcela da população porque entendemos que é um grupo que merece atenção especial do poder público”, afirma a Secretária. “Além do mais, estes usuários poderão ter mais opções de lugares para se acomodarem, já que poderão passar pela catraca”, completou. Cláudia Nogueira disse ainda que até o final do ano, 100% dos usuários terão acesso ao bilhete eletrônico. Para a secretária, os benefícios da implantação do sistema vão além do mero controle de passageiros transportados porque, no caso do passe escolar, por exemplo, a retirada de circulação do passe de papel e de uma relevância extrema para a comunidade, já que muitas das vezes estes passes são trocados por bebidas, dinheiro e até por drogas.

Confira o cronograma de entrega dos cartões de gratuidade
  • 1ª SEMANA (12/07 A 15/07) – iniciais A, B, C, D, E
  • 2ª SEMANA (18/07 a 22/07) – iniciais F, G, H, I, J, K, L
  • 3ª SEMANA (25/07 a 29/07) – iniciais M, N, O
  • 4ª SEMANA (01º/08 a 05/08) – iniciais P, Q, R, S, T, U, V, W, X, Y, Z
Tire suas principais dúvidas

O que é o Vai Legal?
É um bilhete eletrônico, parecido com um cartão magnético de banco. Ele permitirá a passagem pela catraca com mais agilidade no embarque. Para aqueles que têm gratuidade da passagem – idosos, portadores de deficiência e portadores de doenças graves e crônicas – e também para os estudantes que têm passe escolar, o bilhete eletrônico será identificado por uma foto. Ele é pessoal e intransferível nesses casos.

Como o Vai Legal vai melhorar o transporte coletivo?
Os bilhetes eletrônicos são importantes para a gestão do sistema de transporte coletivo na cidade, por isso a Prefeitura insistiu tanto nesta questão. Com a implantação total do sistema, a Prefeitura terá um melhor controle do fluxo de passageiros, para planejamento de linhas e horários.

Como será a distribuição dos bilhetes?
A Prefeitura realizou um cadastramento de todas as pessoas que têm gratuidade no sistema - idosos, portadores de deficiência e portadores de doenças graves e crônicas - inclusive com fotos para confecção dos bilhetes. Para que a distribuição seja feita de forma tranquila, os bilhetes serão entregues por ordem alfabética, em local e horários previamente divulgados. Os primeiros a serem beneficiados, ainda no mês de julho, serão os idosos, e, em agosto, os portadores de deficiência e portadores de doenças graves e crônicas.

Para quem paga passagem na catraca, o que vai mudar?
Neste primeiro momento nada. Mas, a proposta é que cada usuário tenha o seu bilhete eletrônico, para “carregá-lo” com a quantidade de passagens que desejar. Funciona como “créditos” de celular; o usuário poderá carregar o bilhete com as passagens da semana, do mês, ou quantas desejar. De posse do Vai Legal com “créditos”, esse usuário não precisará levar o dinheiro para a passagem, facilitando seu embarque nos ônibus, bastando aproximar o bilhete eletrônico da catraca para liberar a passagem. No futuro, o sistema de bilhete eletrônico permitirá a implantação do bilhete único, que possibilitará ao usuário fazer mais de uma viagem com uma mesma passagem.


READ MORE - Prefeitura de Atibaia lança bilhete eletrônico

Empresas do transporte coletivo de Foz do Iguaçu deverão instalar lixeiras nos ônibus

Aprovado um projeto que vai garantir a população de foz do Iguaçu que utiliza o transporte coletivo exercer a cidadania. Agora todos os ônibus deverão manter lixeiras para que o usuário tenha aonde jogar o lixo enquanto está utilizando o serviço.
A idéia surgiu, segundo seu autor, vereador Luiz queiroga, depois de presenciar várias vezes, pessoas lançando embalagens plásticas, latas de refrigerantes e até mesmo restos de alimentos pelas janelas dos coletivos. Segundo o projeto, as empresas deverão instalar em seus veículos, lixeiras para que as pessoas tenham onde depositar o lixo.
É claro que a medida não vai acabar por completo a falta de educação de algumas pessoas, mas segundo o vereador, não haverá desculpa para aqueles “sujões” de não terem aonde depositar os detritos.


Fonte: CBN Foz

READ MORE - Empresas do transporte coletivo de Foz do Iguaçu deverão instalar lixeiras nos ônibus

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960