Prefeitura de Ribeirão Preto vai subsidiar transporte coletivo

sexta-feira, 19 de agosto de 2011

O novo sistema de transporte coletivo que será implantado em Ribeirão Preto, em 2012, terá subsídio da prefeitura para baratear o valor da tarifa. A proposta consta no edital de licitação para contratação do serviço, que deve ocorrer até no fim deste ano.

Segundo o superintendete da Transerp, Willian Latuf, ainda não existe o percentual do subsídio, mas ele garante que vai ocorrer porque é necessário garantir melhorias no transporte público. "Esse subsídio pelo município é fundamental para garantir essa melhora", disse.

Várias cidades do país, como Salvador, Bahia, já adotam esse sistema de subsídio na tarifa do ônibus. Nesta quinta-feira (18), foi apresentado na prefeitura o projeto básico que servirá de parâmetro para a licitação do transporte coletivo na cidade. Além do custeio de parte da tarifa pela prefeitura, o projeto prevê tarifa única para o usuário, com o fim do bilhete integração.

O Executivo evita falar em aumento no valor do bilhete, mas admite que com a implantação de todas as melhorias a tarifa pode ficar mais cara para o usuário, porém o subsídio deve amenizar o custo final.

Frota e terminais

A proposta em estudo prevê a instalação de dois terminais centrais, um próximo à praça XV e outro próximo à rodoviária, além da instalação de nove miniterminais nos bairros.

Estão previstos também a instalação de dois miniterminais de transbordos próximo à Catedral. A proposta prevê ainda a implantação de quatro corredores estruturais no sentido norte-sul e leste-oeste.

Quanto a frota, Latuf explica que o número de carros deverá passar dos atuais 346 para 394 e o sistema Leva e Traz será integrado na licitação para atender a periferia da cidade.

No edital também está previsto 61 ônibus sistema Padron, com três portas e arcondicionado, além de todos os veículos serem obrigatoriamente adaptados para o transporte de deficientes.



0 comentários:

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960