São Paulo: Após falha, Metrô recolhe trens

quinta-feira, 5 de agosto de 2010


Seis novos trens comprados por R$ 30 milhões cada um foram tirados de circulação da Linha 3 - Vermelha (Palmeiras/Barra Funda-Corinthians/Itaquera) desde a segunda-feira após um deles apresentar problemas. Quatro deles já estavam em operação comercial desde o dia 27 de março e outros dois estavam em testes, segundo O Estado de S. Paulo.

O problema ocorreu com uma composição que raspou na plataforma da estação Sé por volta das 8h, em pleno pico da manhã. O dispositivo que apresentou problema é a barra de torção. Medindo 1,5 de comprimento e 50 mm de diâmetro, ela fica embaixo do conjunto de rodas e eixo do trem e é responsável pela estabilidade do veículo.

A barra funciona quando o trem entra numa curva, inclinando a composição. Ao sair da curva, volta à posição normal. Essa volta à posição normal não ocorreu nessa composição, pois ela estava travada, o que fez com que ele batesse. Com isso, por precaução, os outros trens foram retirados de circulação.

O Metrô informou que a situação não colocou em risco os passageiros. A retirada de todos os trens foi adotada por medida de segurança, diz a empresa. O contrato firmado com a empresa espanhola CAF prevê mais 17 unidades. Algumas serão usados na Linha 1 - Azul.

Fonte: Destak Jornal - SP


READ MORE - São Paulo: Após falha, Metrô recolhe trens

Nova via beneficia usuários do transporte público de Praia Grande


A Prefeitura de Praia Grande está investimento cerca de R$ 3,2 milhões na implantação de uma via pública, interligando a Rua Nancyr Feliciano de Oliveira (Bairro Tupiry) à Avenida Guaramar (Bairro Antártica). A obra beneficiará usuários do transporte público e motoristas que se deslocam dos bairros Anhanguera, Quietude, Tupiry e Nova Mirim para os bairros Antártica, Glória, Vila Sônia e Sítio do Campo e vice-versa. A nova rua terá 320 metros de extensão por oito de largura. As obras, executadas pela empresa Praia Terra, ficarão prontas em outubro deste ano.
Atualmente, o itinerário do transporte coletivo municipal (Linhas 12 e 13) é mais prolongado devido à falta desse acesso. A trajetória da Linha 12, do Terminal Tatico (Bairro Mirim) ao Tude Bastos (Bairro Sítio do Campo), tem 20,61 km e, no horário de pico, o tempo de viagem é de 54 minutos. Na volta, o itinerário total tem 15,52 km e é realizado, nos períodos de maior movimento, em 40 minutos. Os usuários da Linha 13 levam 22,6 km para ir do Tatico ao Tude Bastos, em 53 minutos. No sentido contrário, o trajeto de 38,38 km é feito em 47 minutos.
A conexão entre a Rua Nancyr Feliciano de Oliveira e a Avenida Guaramar reduzirá o percurso e, consequentemente, o tempo de viagem. O chefe do Departamento de Transportes, Claudenir de Barros Carneiro, explica que o percurso sofrerá uma redução média de 4,2 km. Diariamente, aproximadamente 25 mil passageiros utilizam as Linhas 12 e 13 do transporte coletivo municipal. "O tempo de viagem diminuirá de 8 a 10 minutos. Além disso, a via poderá ser utilizada como acesso alternativo, para quem se deslocar do Terminal Tatico (Bairro Mirim) ao Tude Bastos (Bairro Sítio do Campo), principalmente quando ocorrer congestionamentos na Via Expressa Sul e avenidas marginais".
Evolução da obra - De acordo com o chefe da Divisão de Infraestrutura e Obras, engenheiro Robin Capistrano de Almeida, a antiga tubulação existente no local, com diâmetro de 1,5 m, já foi substituída por aduelas de concreto. Cada peça retangular pré-moldada tem 2,5 m de largura e 1,5 m de altura (medidas internas). "Após a conclusão dos serviços de terraplanagem, serão colocadas as guias e sarjetas e, em seguida a via será asfaltada".

Fonte: Prefeitura Municipal


READ MORE - Nova via beneficia usuários do transporte público de Praia Grande

Tecnologia promete melhorar o trânsito de BH até a Copa do Mundo de 2014


Câmeras transmitem em tempo real o que ocorre nas ruas. Agentes adaptam o tráfego às informações visuais. Por meio do celular ou do computador, moradores saem de casa sabendo das condições de tráfego de Belo Horizonte. Até a Copa’2014, o trânsito da capital deverá ser completamente informatizado, com as pessoas abastecidas de dados sobre o tempo de espera do transporte coletivo, e, quem estiver de carro, correndo o risco de ser autuado eletronicamente.

A BHTrans publicou três editais para a contratação de empresas fornecedoras de equipamentos para ampliação da central de controle de tráfego e a compra de 140 computadores de mão para que os agentes repassem informações em tempo real para o banco de dados da empresa.

Por meio da central de videomonitoramento, equipes avisam aos técnicos, em campo, o que se passa e para onde devem se deslocar em casos de ocorrências de trânsito, como acidentes e quedas de árvores. Hoje, a central de controle de tráfego monitora 825 cruzamentos, com 24 câmeras. A ampliação prevê aquisição de outras 62. Além disso, a cidade ganhará o reforço de mais nove painéis de mensagens variadas para levar informações instantâneas ao motorista sobre a condição de tráfego nos principais corredores da cidade. Hoje, são 10 em operação.

Segundo o gerente de Coordenação de Operações da BHTrans, Fernando Pessoa, a intenção é facilitar o monitoramento do trânsito. A previsão é que todo o sistema seja implantado até abril de 2012. “Pontos que não têm câmeras ficam na dependência de um aviso de motoristas. O equipamento torna mais ágil o acionamento”, explica.

Os pontos de ônibus também deverão ser dotados de computador georeferenciado, o que possibilitará ao passageiro saber quanto tempo falta para a chegada do próximo coletivo. Em São Paulo, a implantação do sistema de posicionamento global (GPS, sigla em inglês) permitiu a redução de até 20% no tempo de espera no corredor rápido Expresso Tiradentes – similar ao que será implantado nas principais vias de BH. Por meio de sistema de som e vídeo, os usuários saberão o instante de chegada dos ônibus.

Fonte: Uai - Minas


READ MORE - Tecnologia promete melhorar o trânsito de BH até a Copa do Mundo de 2014

Novela do Metrô de Salvador em sua fase final


A prefeitura de Salvador promete colocar os trens do metrô nos trilhos até o próximo dia 14 de agosto e iniciar imediatamente a fase de testes do veículo. O compromisso do prefeito ocorreu durante a cerimônia de entrega dos veículos do Governo do Estado para o Município, ocorrida na Governadoria.

Segundo João Henrique, o início da fase de testes é fundamental para que outros processos, como a fase de treinamento e capacitação dos funcionários, e o período de testes e revisão dos trens, terão início mais rápido. “A idéia é que o metrô comece a servir a população o mais rápido possível, com 100% de segurança, fazendo a integração entre carros e ônibus, melhorando o trânsito da cidade”, explicou.

Fonte: Bahia Notícias

Mais Notícias do Transporte da Bahia


READ MORE - Novela do Metrô de Salvador em sua fase final

Em Belém, Micro-ônibus regularizados circularão em setembro


A partir de setembro os micro-ônibus - que antes trafegavam de forma ilegal e agora foram regularizados pela Companhia de Transportes do Município de Belém (CTBel) - começam a circular pelas ruas da cidade. O Distrito de Mosqueiro será o primeiro contemplado com 18 novas linhas.

Até o final deste ano, a previsão é que 150 micro-ônibus recebam autorização da CTBel para atuarem como um serviço complementar, com o intuito de garantir o transporte público em áreas não atendidas pelo transporte regular.

O presidente do Sistema Integrado das Cooperativas de Transporte Alternativo (Sicotrans), Francinaldo Barros, disse que motoristas e cobradores que irão trabalhar nos veículos já passaram por um curso de capacitação.

Os micro-ônibus também estão sendo padronizados com catraca eletrônica e acessibilidade para portadores de deficiência física. “Nossa meta será trabalhar na legalidade com responsabilidade”, ressaltou Barros.

ILEGALIDADE

O serviço será administrado pela empresa Transuni Transportes, formada por 22 cooperativas de transporte alternativo que possuem 980 cooperados. Segundo Barros, quatro cooperativas de Belém não quiseram aderir à legalização e pretendem continuar na ilegalidade. “Nós vamos cumprir com o acordo que fizemos com a prefeitura. Quem não quiser nos seguir, vai ter que ser retirado”.

O presidente do sindicato afirmou que a oportunidade para se legalizar foi dada a todos. Já a CTBel ressaltou que não irá interferir na “briga” das cooperativas. “Algumas cooperativas se autoexcluíram. Agora, o desafio será deles de saber como essa situação vai ficar”, disse Silas.

O diretor da CTBel também garantiu que os micro-ônibus que forem legalizados terão de cumprir horários e seguirem regras. “Eles terão que perceber que não poderão mais agir como antes. Não poderão parar em qualquer parada e fazer o itinerário que quiserem. Agora a coisa ficará mais rígida e organizada”.

Fonte: Diário do Pará


READ MORE - Em Belém, Micro-ônibus regularizados circularão em setembro

Metrô Rio lança campanha para orientar clientes sobre benefícios dos cartões eletrônicos


O Metrô Rio coloca, nesta quarta-feira, cartazes explicativos em todas as 34 estações e no interior dos trens para mostrar a diversidade de uso e os benefícios dos cartões eletrônicos. O objetivo da concessionária é, além de transportar passageiros por toda a cidade, fazer com que eles conheçam e aproveitem ao máximo os benefícios dos cartões.

Facilitar o acesso à cultura é uma das vantagens, por exemplo, do cartão Pré-Pago, que dá descontos de até 50% em shows, peças e filmes exibidos na cidade. Este ano, o Metrô já realizou 27 parcerias culturais. Atualmente, há sete peças e dois filmes em cartaz com promoção para os clientes que possuem o cartão.

Ao todo, a concessionária oferece oito tipos de cartões eletrônicos, de acordo com a necessidade de viagem do usuário, incluindo serviços de integração com ônibus e trens: Pré-Pago, Unitário, Metrô Na Superfície, Integrações Expressa e Intermunicipal, Oeste Expressos 1 e 2 e Integração SuperVia. Mais informações no site http://www.metrorio.com.br/.



READ MORE - Metrô Rio lança campanha para orientar clientes sobre benefícios dos cartões eletrônicos

Grande Vitória: Mais viagens para quem sai de shopping aos sábados à noite


Desde o dia 24/07, trabalhadores e clientes do Shopping Vitória que utilizam o Sistema Transcol têm mais viagens para voltar para casa aos sábados à noite. A Companhia de Transportes Urbanos da Grande Vitória (Ceturb-GV) ampliou a programação especial do Terceiro Pico, viagens extras realizadas entre as 21h30 e 23h30, faixa de horário correspondente às saídas de estudantes de escolas e faculdades e fechamento de shoppings centers.
Três linhas com destino a terminais rodoviários localizados nos municípios de Vila Velha e Cariacica realizam mais 16 viagens que, em vez de partirem dos pontos originais, saem da frente do shopping, para ocupação dos veículos pelos usuários que estão nos pontos. O Terceiro Pico foi detectado pela Ceturb-GV por meio de pesquisas de campo, que identificam as demandas das linhas nas diferentes faixas horárias.
Com o crescimento do número de faculdades, escolas e estabelecimentos comerciais que funcionam à noite, aumentou o número de usuários que precisam voltar para casa mais tarde e que representam aproximadamente 10% da demanda de passageiros nos dias úteis.
  • Viagens extras do shopping para o Terminal Vila Velha (linha 550):21h40, 22h, 22h20, 22h40, 23h e 23h20.
  • Viagens extras do shopping para o Terminal São Torquato (linha 574):21h30, 22h, 22h25, 22h50, 23h15.
  • Viagens extras do shopping para o Terminal Campo Grande (linha 515):21h40, 22h20, 23h10, 22h, 22h45.

Fonte: CETURB

READ MORE - Grande Vitória: Mais viagens para quem sai de shopping aos sábados à noite

Etufor reforça monitoramento operacional da Linha Central


Em virtude da implementação da Linha Central e das mudanças em determinados pontos de parada no Centro, a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) intensifica o acompanhamento operacional dos ônibus na área. Além de supervisionar a operação pelo sistema de monitoramento via GPS instalado na sede do órgão e no Terminal da Parangaba, cerca de 30 agentes da Divisão de Operações da Etufor encontram-se nos principais pontos de embarque e desembarque do Centro orientando os passageiros.

Diariamente, a Linha Central deve atender a uma demanda de 800 usuários, que podem utilizar os microônibus para trafegar pela Rua Castro e Silva, Av. do Imperador, Rua Pedro Pereira, Rua Pinto Madeira, Rua 25 de Março, Rua Costa Barros, Rua São José, Rua Rufino de Alencar, Rua Dr. João Moreira e Rua 24 de Maio.

Fonte: ETUFOR


READ MORE - Etufor reforça monitoramento operacional da Linha Central

EMTU cria linhas semiexpressas para Estação Berrini no Corredor Diadema-São Paulo


No primeiro dia útil de operação do Corredor Diadema-São Paulo, na segunda-feira, a EMTU/SP (Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos) identificou, no Terminal Diadema, maior demanda de passageiros na linha com destino à Estação Berrini da CPTM. Para melhor atendimento dos usuários, a empresa implantou viagens semiexpressas nesse trajeto, durante os horários de pico, que começaram a operar nesta terça-feira, 03.

As viagens são realizadas com ônibus articulados, circulando pelo Corredor. Durante a manhã, os usuários embarcam em Diadema e não há mais embarque ou desembarque até a Berrini. Com isso, a oferta de lugares para esse destino aumentou em 4%.

As linhas metropolitanas que circulam pelo Corredor são a 376M – Terminal Diadema-Morumbi; a 376 – Terminal Diadema-Berrini e a 044 Jd. Castelo – Itaim Bibi, via Diadema.

Essas linhas são atendidas por uma frota de 34 ônibus. Com os ônibus articulados, nos horários de pico, a frota será de 38 veículos.Em maio, as linhas metropolitanas que fazem o trajeto de Diadema ao Morumbi/Berrini transportavam a média diária de 9.800 passageiros.

No primeiro dia de operação do Corredor, houve aumento de 25,6% em relação a essa média, totalizando 12.304 passageiros transportados.

A empresa continuará estudando, durante esta semana, a necessidade de ajustes em número de linhas, frota, intervalos, adaptação de mais carros com porta à esquerda, de modo a atender a demanda da melhor maneira possível.

Fonte: EMTU-SP


READ MORE - EMTU cria linhas semiexpressas para Estação Berrini no Corredor Diadema-São Paulo

China projeta ônibus que anda sobre carros


Para combater o efeito estufa, a poluição e o consumo de energia, a China apresentou ao mundo, nesta terça-feira, um ônibus inovador que anda sobre os carros.
De acordo com o jornal The Huffington Post, o projeto também atende à necessidade chinesa de aliviar o trânsito, cada vez mais caótico. O ônibus 3D, como tem sido chamado, tem seis metros de largura, utilizará uma combinação de eletricidade e energia solar e será capaz de chegar à velocidade de 60 km/h, com carga máxima de 1.400 passageiros.
Somente carros com até dois metros de altura poderão trafegar por debaixo do ônibus. A primeira linha será construída na capital do País, Pequim, ainda em 2010. O projeto está estimado em US$ 73 milhões.

Fonte: Terra


READ MORE - China projeta ônibus que anda sobre carros

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960