Ônibus vão ter passe livre em Porto Alegre nas eleições

sábado, 30 de outubro de 2010

Os ônibus vão ter passe livre no domingo (5), dia das eleições municipais, em Porto Alegre. A gratuidade nas viagens valerá das 4h até a meia-noite.

O diretor de Transporte da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), Fernando Dutra Michel, disse que o número de veículo será ampliado de no mínimo 20%. 

“Existe ainda a previsão de carros reservas em pontos estratégicos da cidade para que, a partir do momento em que a fiscalização identificar alguma falha no sistema, esses carros sejam ativados”, disse ele para a “Rádio Gaúcha”.

Via fechada
Os eleitores de Porto Alegre que quiserem mais informações podem ligar no número 118.

A EPTC informou também que bloqueará a avenida Padre Cacique entre os trechos das ruas José de Alencar e Barão do Cerro Largo por três dias. Em 3 e 4 de outubro, das 4h30 às 21h, e no domingo (5), das 5h até a meia-noite.

O local servirá de estacionamento de veículos que farão o carregamento e a distribuição das urnas eletrônicas e materiais de eleição.

O estacionamento sob o Viaduto Dom Pedro I também será bloqueado. Nos dias 3 e 4, das 6h às 18h, e no dia 5, das 8h às 23h.

Fonte: G1.com
READ MORE - Ônibus vão ter passe livre em Porto Alegre nas eleições

CET monta esquema especial de trãnsito para o 2º turno das eleições 2010

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) monta operação especial de trânsito, no sábado (30/10) e domingo (31/10), monitorando o trânsito nos principais corredores da cidade, para garantir a segurança, a fluidez e a mobilidade dos eleitores no acesso aos postos de votação.
A operação será realizada por 733 agentes de tráfego, em 120 viaturas, que farão a orientação de travessia de pedestres, áreas de embarque e desembarque, operação manual de semáforos e intensificar a fiscalização dos estacionamentos irregulares, principalmente a fila dupla. O monitoramento e operação de trânsito junto a zonas eleitorais será intensificado especialmente no domingo, das 07h00 às 18h00.  
Principais alterações no sistema viário da cidade
  • No domingo, o estacionamento estará liberado em locais sinalizados com placa  R6-a – Proibido Estacionar (fundo branco, orla vermelha, tarja vermelha sobre a letra "E" preta), exceto nas faixas exclusivas para ônibus, junto ao canteiro central e em vias de trânsito rápido, permanecendo em vigor as demais proibições, conforme prevê o Código de Trânsito Brasileiro. O estacionamento continua proibido em locais onde a placa for R6-c – Proibido Parar e Estacionar (fundo branco, orla vermelha, tarja dupla vermelha sobre a letra "E" preta).
  • O Elevado Costa e Silva será liberado ao tráfego para melhorar as condições de acessibilidade entre as zonas Leste e Oeste da cidade, no domingo (31/10), das 07h00 às 19h30.
  • Por solicitação do 3º Cartório Eleitoral, e visando auxiliar a logística de distribuição e recebimento das urnas, a Av. Duque de Caxias, pista da esquerda, entre o Largo do Arouche e a Avenida São João, estará bloqueada no sábado (30/10), das 06h00 às 14h00, e no domingo (31/10), das 04h00 às 21h00 ou até o término do retorno das urnas. Os veículos poderão utilizar a pista da direita da av. Duque de Caxias, no trecho entre o Largo do Arouche e a Avenida São João.
  • A Rua Francisca Miquelina, entre as ruas Maria Paula e Aguiar de Barros, onde fica a sede do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), estará bloqueada ao trânsito no domingo (31/10), das 04h00 às 21h00 ou até o término do retorno das urnas, por solicitação da Justiça Eleitoral. Os veículos poderão utilizar a Avenida Brigadeiro Luis Antônio e a Rua Aguiar de Barros.
Rotas Operacionais e Pontos Fixos de Monitoramento
O monitoramento e operação de trânsito será intensificado nos principais corredores e em todas as zonas eleitorais da Cidade.

Fonte: Pref. de São Paulo
READ MORE - CET monta esquema especial de trãnsito para o 2º turno das eleições 2010

Transalvador promove a Operação 2º Turno


A Transalvador realizará no próximo domingo a Operação Segundo Turno, com esquemas especiais de transporte e trânsito visando o conforto e a segurança dos eleitores em seus deslocamentos no dia da eleição presidencial.
Serão mobilizados 103 prepostos na fiscalização do trânsito e na facilitação da mobilidade urbana entre 7 h e 19 h do dia 31, sendo um coordenador, 10 supervisores e 92 agentes de trânsito. Na Operação 2º Turno, serão utilizados ainda os seguintes equipamentos: 40 viaturas, nove motocicletas e nove guinchos.

Transporte
1 – Todas as linhas do Sistema de Transporte Coletivo por Ônibus - STCO deverão operar com frota máxima de dias úteis, sem recolhimento, das 8 às 18 horas;
2 – As linhas que não têm programação para domingo deverão operar com programação de dias úteis com exceção das linhas de horário do CAB e da linha H028 – UCSAL/Pituaçu – Campo Grande;
3-  As linhas que só operam domingos/feriados deverão operar normalmente;
4 – As linhas seletivas irão operar das 8 até 18 horas.

READ MORE - Transalvador promove a Operação 2º Turno

Curitiba: Confira as linhas de ônibus que terão reforço no Dia de Finados

Usuários do transporte coletivo vão contar, no Dia de Finados (2) com reforço nas linhas que passam próximo aos cemitérios. Além de reforçar linhas normais de ônibus, a Urbs, Urbanização de Curitiba S/A também terá linhas especiais nesta terça-feira (2). À exceção destas linhas os ônibus nesta terça farão horário de domingo.

O atendimento de linhas regulares e especiais será feito, em Curitiba, a quem se deslocar de ônibus aos cemitérios: Municipal São Francisco de Paula; Paroquial Santa Cândida; Municipal Santa Cândida; Israelita Santa Cândida; Evangélico Luterano; Paroquial Abranches; Universal Necrópole Ecumênica Vertical; São Marcos; Santa Felicidade, Colônia Órleans, Parque Iguaçu; Paroquial Campo Comprido.

E ainda, na capital, os cemitérios Muçulmano; Israelita e Municipal – ambos na Água Verde; Jardim da Saudade – no Portão; Umbará; Parque São Pedro Israelita Zona Sul; Municipal Boqueirão, Jrdim da Paz – no bairro cachoeira, e do Convento Irmãs Carmelitas.

A programação de reforço de linhas de ônibus também se estende aos municípios de Almirante Tamandaré, Pinhais, Piraquara, Colombo, Bocaiúva do Sul, Campo Largo e São José dos Pinhais.

Confira as linhas e locais de saída para atendimento aos respectivos cemitérios da capital:

Fonte: URBS
READ MORE - Curitiba: Confira as linhas de ônibus que terão reforço no Dia de Finados

No Rio, Passageiros reclamam de motoristas de ônibus que param fora da hora

Durante o trajeto pela cidade do Rio, um motorista de ônibus estaciona fora do ponto, no meio do trânsito, desce e compra uma água, enquanto os passageiros aguardam dentro do veículo. 
“Isso sempre acontece. Tomam cafezinho, isso é básico, né?”, afirma a doméstica Daniele Caetano de Souza, que considera a prática um absurdo. A promotora de vendas Tânia Mara já ficou parada em um posto de gasolina enquanto o motorista comprava água. “Ele ficou um bom tempo tomando a água e a gente lá esperando”, reclamou ela.
“Isso é descaso. Isso aí é falta de respeito com o usuário. Eu acho que quando a gente sai pro trabalho a gente tem que sair pronto”, alegou o supervisor de vendas Camilo Cavalcanti, também vítima do mau comportamento dos motoristas.

A auditora Andréia Ferreira também contou que a prática é comum entre os motoristas do Rio. “Acho um absurdo. Se eu quiser tomar café eu não posso, fora que atrasa todo mundo, e geralmente eles não param no ponto, param em um lugar que acaba atrapalhando o trânsito”, disse ela.
Acostumado com a cena durante as viagens de ônibus, o servidor público César Augusto se surpreendeu com uma atitude perigosa de um motorista, que parou para beber uma dose de cachaça. “Ninguém falou nada, ninguém reclamou. Eu desci no ponto seguinte”, contou.

Novo código disciplinar promete ser mais rigoroso

De acordo com a Secretaria municipal de Transportes, o novo Código Disciplinar de Transporte de Passageiros por Ônibus, que promete ter um efeito mais rigoroso a partir deste sábado (30), diz que se o motorista "interromper viagem, durante a operação, sem motivo justo" comete uma falta grave e a empresa é multada em R$ 121.
Segundo a secretaria, este é o caso do motorista que para o ônibus para fazer um lanche, trocar dinheiro “ou outra finalidade alheia ao veículo que dirige”. Além da multa, ele ainda pode ser penalizado pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB) por estacionamento irregular, caso a parada tenha ocorrido fora do ponto.
No episódio em que o motorista estacionou o veículo para beber uma dose de cachaça, citada por um servidor público, a falta é classificada como gravíssima e a multa é de R$ 161.

Para qualquer tipo de reclamação, o usuário pode ligar para Ouvidoria da secretaria, nos números: 2535-5001 ou 2286-8010. Ou então através do site: http://www0.rio.rj.gov.br/smtr/smtr/hp_ouvidoria.htm

Já a Federação das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado do Rio de Janeiro (Fetranspor) alegou que desenvolveu, em parceira com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), o curso “Motorista Cidadão”, que já treinou mais de 14 mil profissionais. O número para reclamações de motoristas em todo o estado do Rio é o 0800 886 1000.

As novas regras passam a valer quando começam a operar os consórcios vencedores da licitação do sistema de ônibus. No novo código, segundo a secretaria, as empresas devem assumir "inteira responsabilidade pela atuação de todos os seus empregados”. A secretaria afirmou que, ao mesmo tempo, pode punir motoristas e cobradores que contrariem as determinações do código, através de denúncias dos passageiros e em fiscalizações.

No dia 17 de setembro, o prefeito do Rio, Eduardo Paes, assinou o contrato com os quatro consórcios vencedores da licitação para operar os ônibus municipais nos próximos 20 anos. A capital foi dividida em quatro áreas e os veículos terão cores diferentes, representando cada uma delas. Outras mudanças estão previstas, como a implantação de câmeras de vídeo e o uso do rastreador GPS para acompanhar a movimentação da frota.


Fonte: G1.com
READ MORE - No Rio, Passageiros reclamam de motoristas de ônibus que param fora da hora

Metro de Teresina ganha novo trem


A Companhia Metropolitana de Transporte Público (CMTP) ganha nesta sexta-feira um novo trem para se somar aos que estão em funcionamento. "Agora, vamos poder transportar mais de 4 mil pessoas por dia", conta o presidente do Metrô, Marcos Silva. Ele afirma que o vagão é todo verde, em homenagem aos 158 anos de Teresina.
Ele acrescenta que a CMTP está concluindo o estudo de viabilidade técnica do trecho de expansão da linha do metrô compreendido entre as cidades de Teresina e Altos. A expansão faz parte do projeto Trens Regionais lançado em Teresina pelo então Ministro dos Transportes, Márcio Fortes, quando inaugurou a estação Engenheiro Alberto Silva, na Praça da Bandeira.
De acordo com o diretor administrativo da Companhia, Antonio Luiz Sobral, o projeto lançado pelo Governo Federal através do Ministério dos Transportes elegeu 35 trechos ferroviários em todo o país, dentre eles os trechos Teresina/Altos, Teresina/Timon e Timon/Caxias.
Sobral diz que o Ministério determinou que fossem iniciados levantamentos de campo da linha ferroviária para encaminhar ao Ministério e ter liberação dos recursos. “Estamos fechando orçamento no valor de R$ 4 milhões para recuperar a linha, trocar 28 mil dormentes, fazer reposição de lastro, além da construção de mais duas estações ao longo da linha para atender as comunidades no longo do trecho”, explicou Sobral. Ele explicou ainda que, além disso, o estudo contempla sinalização e recuperação da drenagem.
“A cidade de Altos faz parte da região da grande Teresina e oferecer a população um transporte barato e de qualidade como o metrô é um ganho para todos”. É o que garante Antonio Sobral. No que se refere a valor da passagem, Sobral lembra que ainda precisa ser feito um estudo de demandas, mas que o valor pode variar de R$ 0,50 a 1,00. “Há um fluxo muito grande de pessoas que moram em Altos, mas trabalham e estudam em Teresina. Muitas pessoas vão e voltam diariamente. E é preciso fazer esse levantamento de quantas pessoas, horários de maior movimento, quais os destinos para fazer a integração com o metrô que entra em funcionamento agora em 2011”, reforça.

Fonte: Meio Norte
READ MORE - Metro de Teresina ganha novo trem

Tarifa máxima para trem-bala está mantida em R$ 0,49 por quilômetro

A tarifa do Trem de Alta Velocidade (TAV) não poderá ultrapassar R$ 0,49 por quilômetro. A ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) definiu o valor em edital publicado na quarta-feira (27), que obriga as empresas interessadas em participar da licitação para construção da obra a determinarem este como o valor máximo a ser cobrado dos passageiros.
Para o trajeto completo, com extensão total de 511 quilômetros, a tarifa na classe econômica ficaria em aproximadamente R$ 250. Vencerá a licitação a empresa que apresentar a proposta com o menor valor de tarifa.
De acordo com o edital, a concessionária vencedora terá como remuneração, além da tarifa cobrada, a exploração econômica das estações e receitas extraordinárias, caso ocorram.
As propostas e demais documentos necessários à participação no leilão serão recebidos até o dia 29 de novembro de 2010. A abertura das propostas será realizada em sessão pública no dia 16 de dezembro, quando a vencedora deve ser conhecida.

TAV
O TAV deve passar por ao menos oito estações, ligando as cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Campinas e percorrendo os aeroportos do Galeão (RJ), Cumbica (Guarulhos, SP) e Viracopos (Campinas, SP). Somente o tempo do percurso do trecho entre as capitais paulista e carioca deve ser de 1 hora e 33 minutos. O trem deve rodar à velocidade de 350 quilômetros por hora.
De acordo com o relatório da ANTT, aprovado pelo TCU, a receita operacional bruta do empreendimento será de R$ 192,7 bilhões durante os 40 anos de vigência da concessão. Por ano, estima-se que 18 milhões de pessoas poderão circular anualmente nessa ferrovia.

READ MORE - Tarifa máxima para trem-bala está mantida em R$ 0,49 por quilômetro

Metrô Rio terá horários especiais no Dia de Finados

Na próxima terça-feira, feriado do Dia de Finados, o metrô vai funcionar das 7h às 23h, em horário especial. No feriado, os trens da Linha 2 vão circular de Pavuna a Estácio, como já ocorre nos finais de semana e feriados. Quem quiser pegar das estações da Linha 1 terá que fazer a transferência na estação Estácio. Os ônibus "Metrô Na Superfície", que saem das estações Botafogo e Ipanema/General Osório em direção à Gávea, funcionarão seguindo o horário das Linhas 1 e 2. As linhas de integração expressas também irão adotar o mesmo esquema de horário do metrô.
Na segunda-feira, o metrô opera normalmente de 5h até meia-noite com a conexão direta da Linha 2 até Botafogo.

Fonte: O Globo
READ MORE - Metrô Rio terá horários especiais no Dia de Finados

Em Blumenau, Paradas do Shopping Neumarkt e do Sagrada Família mudam de lugar com as faixas exclusivas

A partir de segunda-feira a rotina dos usuários do ponto de ônibus em frente ao Shopping Neumarkt vai mudar. Como parte do projeto de implantação do corredor de ônibus da Rua 7 de Setembro, os ônibus farão o embarque e o desembarque de passageiros para a frente do prédio da Volpato. É para lá que a parada será deslocada permanentemente. Também na segunda, o calçamento em frente ao shopping passará por restruturação. A partir do dia 15, será a vez da remoção da parada em frente ao Colégio Sagrada Família, que será realocada para frente do Banco Safra.

Os dois pontos de ônibus são os mais movimentados da Rua 7 de Setembro e passarão a funcionar como paradas de pré-embarque, com guichês para o pagamento antecipado da passagem e leitores de Cartão Siga. De acordo com o presidente do Consórcio Siga, Humberto Sackl, o objetivo é permitir que o usuário embarque no ônibus com a passagem paga e evite a formação de filas nas catracas.

O início das operações de pré-embarque, no entanto, ainda não foi definido. O Consórcio Siga depende da finalização das estruturas metálicas que sustentarão o abrigo dos pontos. A expectativa de Sackl é que as paradas de pré-embarque comecem a operar até o início do próximo ano letivo.

A implantação da faixa exclusiva para ônibus da Rua 7 começou em maio. Os trabalhos haviam sido interrompidos durante a Oktoberfest para evitar confusão no trânsito do Centro com a circulação de mais veículos. A aplicação da nova camada asfáltica do trecho, entre a Rua São José e a Praça da Fonte Luminosa, já foi concluída. O próximo passo agora é completar a sinalização vertical, que está sendo executada à noite. Por último, tachões serão colocados ao longo da pista para delimitar a faixa dos ônibus. Nos cruzamentos, a faixa será delimitada apenas pelo traçado pintado no asfalto.

A previsão do Secretário de Obras, Alexandre Brollo, é de que o corredor comece a funcionar até 1º de dezembro. Há ainda a revitalização do calçamento direito da Rua 7 e a delimitação das ciclofaixas, que serão ligadas até o terminal da Fonte.

Fonte: Jornal de Santa Catarina
READ MORE - Em Blumenau, Paradas do Shopping Neumarkt e do Sagrada Família mudam de lugar com as faixas exclusivas

ANTP formula documento sobre Mobilidade Urbana para o proximo presidente do Brasil

O presidente do Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Públicos de Transporte Público e do Grande Recife Consórcio de Transporte, Dílson Peixoto, foi um dos dirigentes do setor a manifestar apoio ao documento Os Desafios da Mobilidade Urbana - Contribuição para o Debate Eleitoral de 2010 enviado pela ANTP a todos os partidos e candidatos que concorrem à eleições de 2010.
EM JOINVILLE

Outros secretários municipais, dirigentes públicos e lideranças do setor também patentearam apoio ao texto. "A Fundação IPPUJ (Fundação Instituto de Pesquisa e Planejamento para o Desenvolvimento Sustentável de Joinville), apoia o documento da ANTP que visa garantir um compromisso com a construção de uma política nacional de apoio ao transporte urbano de qualidade aos candidatos nas eleições de 2010", escreveu Luiz Alberto Souza, presidente da Fundação IPPUJ, de Joinville, Santa Catarina. O manifesto foi publicado nos portais do IPPUJ e da prefeitura de Joinville.

NA FOLHA DE S. PAULO

No domingo, 26 de setembro, a matéria da Folha de S. Paulo intitulada Copa de 2014 é vista como oportundiade para impulsionar investimentos em transporte coletivo, assinalada pelo jornalista especializado Alencar Isidoro, destaca o manifesto da ANTP e sua rcomendação para que o transporte público seja considerado juntamente com o trânsito e com a ocupação do solo urbano. Eis um trecho do texto: “Um manifesto da ANTP (Associação Nacional de Transportes Públicos) menciona que além do metrô, uma outra alternativa merece ser difundida: os corredores de ônibus conhecidos como BRTs, mais baratos que os metrôs”. Mais adiante, a reportagem afirma: "O manifesto lançado este ano pela ANTP com diretrizes do transporte cita a importância de construir sistemas de transporte ligados à política de habitação e de ocupaão urbana”.

O presidente da ANTP, Ailton Brasiliense Pires, foi ouvido para a mesma matéria: “Brasiliense diz que não adianta espalhar novas redes de metrô sem definir estratégias para que as pessoas morem mais perto dos empregos – sob risco de elevar o custo inclusive das tarifas, além da perda de tempo nos deslocamentos". Uma passagem do doumento é citada literalmente: “É urgente implementar políticas de adensamento das áreas urbanas e diversificação do uso do solo, instalando moradias, comércio e serviços ao longo de corredores de transporte público”, relata trecho do documento.

Fonte: ANTP
READ MORE - ANTP formula documento sobre Mobilidade Urbana para o proximo presidente do Brasil

Agecopa e prefeitura de Cuiabá discutem obras de mobilidade urbana


Diretores e técnicos da Agecopa se reuniram nesta quinta-feira (28.10) com o prefeito de Cuiabá, Francisco Galindo e secretários municipais para discutir os projetos de mobilidade urbana que preparam Cuiabá para a Copa 2014. O diretor presidente interino da Agecopa, Yenes Magalhães, o diretor de Relações Interinstitucionais Agripino Bonilha Filho e o Assessor Técnico Rafael Detoni fizeram uma explanação sobre as mudanças propostas no sistema viário e de transporte coletivo.
O Plano de Mobilidade Urbana pretende adequar a Capital não só às necessidades geradas pela Copa, mas também considerando o crescimento populacional e imobiliário, que gerou problemas crônicos como as deficiências do transporte coletivo e os congestionamentos. O objetivo destas intervenções (corredores exclusivos para ônibus, duplicação de pistas, trincheiras e viadutos) é melhorar significativamente o trânsito e os sistemas de transporte coletivo e individual, um legado permanente que a Copa trará para toda a população.

BRT's

O foco inicial das discussões é a implantação dos dois corredores exclusivos para ônibus (BRTs), ligando o aeroporto ao CPA e a avenida da Prainha ao Coxipó. Este novo sistema exigirá intervenções nos canteiros centrais e redimensionamento dos estacionamentos públicos, além de desapropriações de imóveis considerando o interesse público.
Participaram da reunião os secretários municipais de Trânsito e Transportes Urbanos,Infra-estrutura, Finanças e de Meio Ambiente, além dos presidentes do IPDU, Sílvio Fidélis e da Sanecap, Antonio Carlos Ventura. Num segundo momento, os 28 projetos da Agecopa serão apresentados a todo o secretariado. “Será a oportunidade de compartilhar informações e iniciar o planejamento de ações na área de Saúde, Educação, Turismo e Voluntariado, por exemplo. O objetivo é discutir e encaminhar medidas que melhorem a qualidade dos serviços prestados pelo Município, tendo em vista o grande fluxo de turistas previsto para 2014”, ressaltou o diretor de Articulação Interinstitucional da Agecopa, Agripino Bonilha Filho.
No dia 19 de novembro será realizada a Audiência Pública na Assembleia Legislativa para que a comunidade tome conhecimento e se manifeste sobre as obras que vão melhorar a mobilidade, o trânsito e os transportes coletivos em Cuiabá e Várzea Grande.


READ MORE - Agecopa e prefeitura de Cuiabá discutem obras de mobilidade urbana

Rio de Janeiro: Ônibus de cara nova só no dia 6

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

A Prefeitura do Rio decidiu adiar, para o próximo dia 6, a entrada em circulação dos primeiros ônibus com as cores dos consórcios que venceram a licitação organizada pela Secretaria municipal de Transportes para reorganizar o sistema e implantar o bilhete único. Inicialmente, a previsão era que isso acontecesse a partir da próxima semana.
Oficialmente, a decisão foi tomada para que haja coincidência de datas entre a circulação dos ônibus com cores novas e a entrada em operação do bilhete único com o novo padrão. A razão, porém, seria outra: as empresas têm dúvidas sobre as tonalidades que devem ser adotadas e ainda discutem tema com a prefeitura.
Resolução no Diário Oficial com regras para a padronização será publicada hoje. A orientação será para que os concessionários adotem o novo padrão dentro de um ano. Por mês, em média, 7,5% da frota seriam pintadas. Ou seja, cerca de 700 coletivos por mês.
Os quatro consórcios que ganharam a licitação para operar as linhas do município do Rio não se adaptaram ainda às regras da prefeitura — que prevê pintura padrão para os coletivos e aparelhos de segurança, como câmeras, tacógrafos eletrônicos e GPS.

Das cinco garagens onde o EXTRA esteve nesta terça-feira, em apenas uma havia dois ônibus com a pintura nova.


— Não podemos simplesmente mudar a frota toda da noite para o dia. Estamos aguardando os ônibus novos — disse uma funcionária da Transurb, no Engenho de Dentro, que faz parte do consórcio Internorte, que vai operar na Zona Norte.
Na Viação Redentor, integrante do consórcio Transcarioca, o funcionário Jorge Cerqueira informou que os ônibus ainda não foram pintados porque a própria prefeitura mudou quatro vezes as cores padrão.
As viagens integradas vão custar R$ 2,40
O Bilhete Único Carioca (BUC) faz parte da integração das linhas de ônibus municipais da cidade. Com ele, os passageiros poderão realizar duas viagens num período de duas horas, a um custo de R$ 2,40.
Até o momento, cerca de 1,8 milhão de usuários já estão aptos a utilizar o BUC. Quem quiser se inscrever pode fazê-lo pelo site www.riobilheteunico.com.br ou num dos oito postos: terminal rodoviário Alvorada; shopping Bangu; Secretaria municipal de Saúde; Rio Poupa Tempo, na Rua da Ajuda 5,; Central do Brasil; Regional Administrativa de Irajá, na Avenida Monsenhor Felix 512; Terminal Rodoviário de Madureira e Regional Administrativa de Santa Cruz, na Rua Fernanda 155.


READ MORE - Rio de Janeiro: Ônibus de cara nova só no dia 6

Transporte coletivo terá reforço no dia da eleição em São José dos Campos

A Prefeitura de São José dos Campos vai reforçar o transporte coletivo neste domingo (31) para o segundo turno das eleições presidenciais. A intenção é facilitar o acesso dos eleitores que moram longe dos locais de votação.

Serão 54 ônibus extras nas principais linhas da cidade:

Zona norte: Taquari, Costinha, Buquirinha II, Freitas, Represa, Jaguari, Vila Dirce, Vila Paiva e Vila Cândida

Zona leste: Cajuru, Bairrinho, Bom Retiro, Majestic, Jardim São José, Santa Inês, Eugênio de Mello e Novo Horizonte

Zona sul: Bosque dos Eucaliptos, Campo dos Alemães, São Judas Tadeu, Dom Pedro, Morumbi, Colonial, Chácaras Reunidas, Residencial União e Parque Industrial

Zona oeste: Urbanova

O Recanto dos Tamoios, atendido pela linha 305 - São Judas Tadeu/Centro, terá uma saída do São Judas às 6h35 e uma saída do Centro às 17h55.

A operação será acompanhada pela Secretaria de Transportes da Prefeitura, que poderá fazer alterações conforme a demanda.
 
READ MORE - Transporte coletivo terá reforço no dia da eleição em São José dos Campos

SMTT garante reforço dos ônibus nas eleições em Maceió

No próximo domingo (31), o serviço de transporte coletivo em Maceió terá uma programação especial, devido à realização do segundo turno das eleições para governador e presidente da República. Para melhor atender aos usuários e garantir o acesso aos locais de votação, a Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) determinou que as empresas de ônibus utilizem a mesma frota dos sábados, com frequência uniforme dos horários de pico.

O superintendente da SMTT, Jorge Silva Coutinho, orientou, ainda, que além de ser a mesma frota dos sábados, seja utilizado um reforço para atender a população. “Nossas equipes de fiscais estarão nas ruas e vão acompanhar toda circulação dos coletivos, buscando o melhor atendimento aos passageiros” explicou Coutinho. A programação especial no sistema de transporte acontecerá até as 18h.

Nos locais de maior fluxo de veículos, durante o dia da eleição, a SMTT já determinou aos seus agentes de trânsito para que sejam realizadas ações específicas de orientação aos condutores. Um dos locais de grande fluxo é o Cepa, na Avenida Fernandes Lima, que concentra várias sessões eleitorais e terá uma atenção especial.
 
Fonte: GazetaWeb
READ MORE - SMTT garante reforço dos ônibus nas eleições em Maceió

São Paulo ganha primeira biblioteca em terminal de ônibus

A Prefeitura de São Paulo, a SPTrans e o Instituto Brasil Leitor (IBL) inauguram nesta sexta-feira, 29 de outubro, a Biblioteca Leitura no Ponto, no Terminal Sacomã, integrante do Expresso Tiradentes. Esta é a primeira biblioteca em um terminal de ônibus a ser implantada na Capital.

A biblioteca Leitura no Ponto será aberta ao público com mais de 2 mil livros à disposição das cerca de 70 mil pessoas que passam diariamente pelo terminal. São títulos de gêneros como literatura brasileira, auto-ajuda, infanto-juvenil, filosofia, religião, ciências sociais, lingüística, artes e história. A expectativa do IBL é de chegar a mais de 3 mil associados nos dois primeiros anos de operação.

A implantação de uma biblioteca no terminal alimenta o importante hábito da leitura, já existente nos usuários do sistema de transporte público. Pesquisa realizada pela SPTrans apontou que 51% dos passageiros têm o costume de ler sempre. Também se constatou que quase toda a totalidade das pessoas (97,5%) considera boa a implantação de bibliotecas em terminais e 95,9% as utilizariam.

Para poder retirar os livros da biblioteca, que tem apoio do Ministério da Cultura, os passageiros deverão se cadastrar gratuitamente. Os interessados deverão apresentar documentos de identidade, CPF e comprovante de residência (originais e cópias) e uma foto 3x4. Menores de 18 anos devem estar acompanhados dos pais. Os leitores serão cadastrados e receberão uma carteira de identificação.

O novo espaço para empréstimo de livros da capital funcionará de segunda a sexta-feira, das 11h às 20h. Os leitores poderão emprestar um livro por vez e terão prazo de dez dias para a devolução. O serviço é gratuito.

Fonte: SPTrans

READ MORE - São Paulo ganha primeira biblioteca em terminal de ônibus

Grande Recife monta esquema especial de ônibus para o segundo turno das Eleições 2010

Pensando nos eleitores que precisam pegar um ônibus para chegar ao local de votação, o Grande Recife Consórcio de Transporte preparou uma programação especial de coletivos para todos os pontos da Região Metropolitana do Recife (RMR).

O reforço será ainda maior que o do primeiro turno, contemplando 229 linhas em operação, das quais 200 serão reforçadas. O esquema irá se estender durante todo o dia.

Das 229 linhas que estarão em operação neste domingo, 188 foram reforçadas para garantir maior facilidade de locomoção dos usuários que necessitarem pegar um ônibus para chegar ao local de votação. Além destas, outras 12 foram reativadas (não operam normalmente no domingo) e reforçadas, totalizando 200 linhas que tiveram aumento de frota e viagens (confira lista abaixo).

Com esta alteração, as linhas reforçadas terão 465 veículos extras, realizando 3756 viagens a mais que nos domingos normais, representando um aumento de aproximadamente 42% (frota) e 31% (viagens). Ao todo, serão utilizados nestas linhas 1.337 ônibus, que irão realizar 13.019 viagens.

Além das linhas de ônibus que serão reforçadas, outras 29 linhas estarão em circulação, totalizando 1.566 veículos e 15.631 viagens.

O reforço irá se estender por todo o domingo, auxiliando na ida ao local de votação e na volta para casa. É importante salientar que todos os municípios de RMR estarão cobertos pelo reforço.
Para maiores informações sobre a operação especial, dúvidas ou sugestões, o usuário pode entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cliente (CAC), pelo telefone 0800 081 0158. A Central de Atendimento ao Cliente funciona todos os dias, das 7h às 19h.

Veja a lista aqui:

READ MORE - Grande Recife monta esquema especial de ônibus para o segundo turno das Eleições 2010

Fortaleza: Frota de ônibus é reforçada para segundo turno

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) vai reforçar a frota de ônibus no próximo domingo, 31, quando acontece o 2º turno das eleições presidenciais. A partir das 7 horas da manhã, aproximadamente 1.400 coletivos estarão circulando, com a cobrança da passagem no valor reduzido, devido à Tarifa Social.

Para os cidadãos que ainda têm dúvidas em relação a como chegar ao local de votação, a Etufor disponibiliza em sua página virtual informações quanto às linhas do transporte público regular (ônibus) e complementar (vans) que atenderão a cada seção eleitoral.
Fonte: O Povo Online
READ MORE - Fortaleza: Frota de ônibus é reforçada para segundo turno

Campinas: Prefeitura e empresas entregam mais 51 ônibus acessíveis

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Campinas recebeu nesta quinta, dia 28 de outubro, mais 51 ônibus novos e acessíveis. A nova frota, que conta com 10 ônibus articulados e 41 convencionais, foi apresentada pelo prefeito Dr. Hélio de Oliveira Santos, pelo secretário de Transportes, Gerson Luis Bittencourt; e representantes da empresa VB1 e do Consórcio Urbcamp, no Parque Universitário de Viracopos.

Dos 51 veículos, 30 foram comprados pela VB-1, incluindo os 10 articulados; e 21 pelo Consórcio Urbcamp; sendo 20 pela empresa VB-3 e um pela Coletivos Pádova. Juntas, as empresas investiram cerca de R$ 14,5 milhões na renovação. A maioria dos veículos será para substituição da frota.

Os ônibus da VB-1 serão alocados em linhas da Vila União, Vida Nova, Ouro Verde, DIC e Campo Belo. Já os do Consórcio Urbcamp vão beneficiar os usuários das linhas do Parque Prado, Carlos Lourenço, Jardim Amazonas e Parque Cidade; e o único veículo da Coletivos Pádova será alocado na região de Sousas.

Os novos ônibus vão beneficiar, aproximadamente, 30,5 mil usuários em toda a cidade. Com a chegada desses veículos, a idade média da frota do sistema InterCamp caiu de 4,32 para 3,95 anos.

Atualmente, a frota do transporte público conta com 1260 ônibus e miniônibus. Desse total, 384 ônibus são acessíveis, o que representa 30% da frota.

“A acessibilidade no transporte coletivo de Campinas já está acima do que é preconizado pela legislação federal e vamos continuar investindo nisso. É com o estímulo para o transporte coletivo que garantimos o direito constitucional de ir e vir das pessoas e reduzimos o transporte individual nas ruas, contribuindo também para a melhoria do trânsito”, disse o prefeito Dr. Hélio.

Outro dado de destaque no processo de modernização da frota em Campinas é que, desde o início da implantação do InterCamp, a cidade já recebeu 990 veículos O Km.

“Faltam apenas dez ônibus para chegarmos à marca de 1000 veículos zero quilômetro entregues na gestão do prefeito Hélio. Proporcionalmente, é a maior renovação de frota feita do país”, disse o secretário Gerson Bittencourt.

A marca de 1000 veículos novos entregues no Sistema InterCamp, por sinal, será atingida ainda em 2010 porque novos veículos já foram adquiridos pelas concessionárias e estarão nas ruas até o final do ano.

Capacitação dos operadoresCom a crescente ampliação da frota acessível da cidade, a EMDEC tem investido na capacitação de motoristas e cobradores para que os operadores de todo o Sistema InterCamp estejam aptos a operar os veículos acessíveis e a atender de maneira adequada às pessoas com deficiência.

Desde janeiro de 2005, a EMDEC já capacitou 3.007 operadores das concessionárias e cooperativas do InterCamp pata atuarem com o transporte acessível e, em agosto deste ano, o treinamento atingiu todos os motoristas e cobradores que atuam em veículos acessíveis na cidade.

No momento, a EMDEC realiza os treinamentos para atender a profissionais recém-contratados pelas concessionárias e cooperativas; aqueles que passaram a operar veículos acessíveis recentemente; e também aqueles que hoje atuam com veículos comuns, mas já começam a ser preparados para a transição aos veículos acessíveis – a legislação federal determina que toda a frota deverá ser acessível até 2014.

No treinamento oferecido pela EMDEC, os operadores aprendem a utilizar os equipamentos do veículo acessível e também passam por uma “sensibilização” para entender as dificuldades enfrentadas pela pessoa com deficiência e quais os cuidados que deverão ser observados no atendimento.

O treinamento tem carga horária de oito horas e é realizado semanalmente, para turmas com cerca de 25 operadores.

Com o objetivo de ampliar o alcance do trabalho, a partir de novembro a EMDEC convocará, no Diário Oficial, todos os operadores que ainda não realizaram o treinamento. Desta forma, todos os operadores, independentemente de trabalharem ou não com veículos acessíveis, estarão capacitados para fazê-lo.

Fonte: EMDEC
READ MORE - Campinas: Prefeitura e empresas entregam mais 51 ônibus acessíveis

Rio de Janeiro: Quarta estação de metrô da Tijuca será 100% refrigerada

Três décadas depois da chegada do metrô à Tijuca, o bairro ganhará sua 4ª estação. Batizada de Uruguai, estará localizada sob a Rua Conde de Bonfim, entre as ruas José Higino e Itacuruçá/Dona Delfina. Orçada em R$ 220 milhões, será a primeira do Brasil totalmente refrigerada e contará com sistema de portas de plataforma, dispositivos que evitam quedas de passageiros nos trilhos energizados. O projeto, em fase final de licenciamento, tem cronograma de dois anos e meio de obras e inauguração prevista para, no máximo, dezembro de 2014.
“A ideia inicial era que a estação estivesse na Rua Uruguai, daí o nome. Porém, o impacto das obras para a comunidade seria grande. A solução encontrada para minimizar isso foi o aproveitamento da área do Rabicho da Tijuca, que permitirá a execução de todas as atividades no subterrâneo. A distância da localização original será de 170 metros”, explica Ricardo Colares, diretor de Infraestrutura da concessionária Metrô Rio.
A nova estação terá aproximadamente 7 mil metros quadrados de área construída. Serão cinco acessos para passageiros no entorno da Conde de Bonfim: três no cruzamento com as ruas Dona Delfina e Itacuruçá e outros dois na altura da José Higino. A expectativa é de 50 mil usuários por dia, sendo 30 mil nos horários de pico.


Plataforma com portas

Semelhante à estação Cinelândia, a Uruguai terá dois pavimentos. No inferior, estará a plataforma central para embarque e desembarque, a primeira do Rio dotada de portas. O mecanismo, comum em sistemas metroviários da Ásia e Europa, evita quedas de usuários nas vias energizadas em caso de lotação. “As portas da plataforma permanecem fechadas e só abrem após o metrô parar, simultaneamente à abertura das portas da composição. Esta é uma nova tecnologia, que estamos importando”, explica Ricardo Colares.

Outra novidade será a climatização da estação, primeira no País totalmente refrigerada. “A temperatura não vai passar dos 23 graus”, garante.

Os ônibus que fazem integração com o metrô terão seus pontos finais transferidos da Saens Peña para a Uruguai. A estação também terá estacionamento de 6 mil m² para 600 veículos com acessos para as duas estações.

READ MORE - Rio de Janeiro: Quarta estação de metrô da Tijuca será 100% refrigerada

SPTrans altera itinerários de ônibus na Zona Norte

A SPTrans informa que em função da liberação do viaduto que liga a Vila Anastácio à Rodovia Anhanguera, na Zona Norte da Capital, três linhas de ônibus que atendem à região terão os seus itinerários alterados a partir de sábado, 30 de outubro.

Para informações sobre os trajetos de linhas de ônibus consulte itinerários ou ligue 156.

Linhas e itinerários:

8001/10 Vila Piauí – Terminal Lapa
8002/10 Terminal Pirituba – Terminal Lapa
8043/10 Vila Nova Esperança – Lapa
Ida:
sem alteração.
Volta: normal até a R. Gago Coutinho, Av. Raimundo Pereira de Magalhães, R. Bartolomeu Paes, R. Conselheiro Olegário, R. Botocudos, R. Fortunato Ferraz, Viaduto Ramo 500, Rua Inácio Luís da Costa, prosseguindo normal.

Fonte: SPTrans
READ MORE - SPTrans altera itinerários de ônibus na Zona Norte

Urbs garante que valor da passagem de ônibus não sobe

A partir do próximo dia 7, o transporte público de Curitiba passa a ser operado pelos consórcios Pontual, Transbus e Pioneiro. Eles foram os vencedores da primeira licitação do transporte coletivo da cidade, homologada no último mês de agosto, pelo prefeito Luciano Ducci.
A mudança, de acordo com a Urbs (Urbanização de Curitiba S/A), não deve trazer alterações no valor da passagem, nem no funcionamento das linhas. O Consórcio Pontual é formado pelas empresas Transporte Coletivo Glória, Auto Viação Marechal, Auto Viação Mercês e Auto Viação Santo Antonio; o Consórcio Transbus é integrado pela Auto Viação Redentor, Araucária Transporte Coletivo e Expresso Azul; e o Consórcio Pioneiro pela Viação Cidade Sorriso, Viação Tamandaré, Auto Viação São José e CCD-Transporte Coletivo.

Algumas empresas que integram os consórcios já atuam no transporte coletivo da capital há vários anos. Outras empresas atuantes, que não participaram da licitação, estão mudando de mãos e devem continuar atuando sob controle de novos grupos.

De acordo com o Sindicato das Empresas de Ônibus de Curitiba e Região Metropolitana, isto deve acontecer com a Viação Nossa Senhora da Luz, que foi adquirida pela Viação Marechal, e com a Viação Curitiba (a mais antiga da cidade), que passou para as mãos da Araucária.
Ainda conforme o sindicato, está em negociação a venda da Viação Água Verde. As empresas compradoras devem assumir os veículos e todos os funcionários das adquiridas.

O prazo de concessão do transporte coletivo de Curitiba é de quinze anos, podendo ser renovado por mais dez. A licitação é resultado de um processo que teve início em janeiro de 2005, com a criação da Comissão de Estudos Tarifários.

Foi licitada a operação de 302 linhas (250 do sistema principal e 52 complementares), que abrangem todas as categorias de transporte, como ônibus convencionais, ligeirinho, ligeirão, interbairros, interhospitais e linha turismo. O sistema de transporte conta com 21 terminais e 315 estações-tubo.

READ MORE - Urbs garante que valor da passagem de ônibus não sobe

Prefeitura adia início de operação de novos ônibus

terça-feira, 26 de outubro de 2010

A prefeitura decidiu adiar para o próximo dia 6 de novembro a entrada em circulação dos primeiros ônibus com as cores dos consórcios que venceram a licitação organizada pela Secretaria municipal de Transportes para reorganizar o sistema e implantar o bilhete único. Inicialmente, a previsão era que isso acontecesse a partir da próxima semana.
Oficialmente, a decisão foi tomada para que haja uma coincidência de datas da entrada em operação dos bilhete único com o novo padrão. A razão, porém, seria outra: as empresas ainda têm dúvidas sobre as tonalidades que devem ser adotadas e ainda discutem o tema com a prefeitura.
Nesta quarta-feira, a prefeitura publica no Diário Oficial do Município as regras para implantação do novo padrão visual dos consórcios que venceram a licitação para operar as novas linhas de ônibus na cidade. A substituição das cores tradicionais das empresas pelos novos modelos será feita em cerca de um ano. A cada mês, pelo menos 7,5% da frota terão que adotar o novo visual. Isso equivale a cerca de 700 carros por mês.

READ MORE - Prefeitura adia início de operação de novos ônibus

Manaus: Usuários receberão horários dos ônibus por celular e internet

Os usuários do sistema do transporte coletivo de Manaus serão informados pelo celular, por meio de mensagem de texto, ou pela internet, sobre o tempo exato que cada linha de ônibus vai passar por determinado ponto de ônibus.
O serviço foi prometido na manhã desta segunda-feira pelo superintendente municipal de Transportes Urbanos (SMTU), Marcos Cavalcante, e deve entrar em funcionamento em abril de 2012 quando o Sistema Integrado de Gestão Inteligente de Transporte estiver em funcionamento.
O sistema será semelhante ao Centro de Controle Operacional (CCO) que está sendo implantado pelo Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito (Manaustrans) para monitorar o trânsito da cidade, e ao Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops).
A licitação do sistema de gestão deve ocorrer até o fim do próximo mês. Além de informar a localização e o tempo de viagem, todos os ônibus serão monitorados por câmeras. O superintendente do SMTU também espera aumentar o controle operacional e o sistema de arrecadação.
“Com o controle da arrecadação vamos saber os custos do serviço como manutenção e combustível, e a quantidade de passagens de estudantes e gratuitas. Assuntos que hoje são controlados pelo Sinetram (Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Amazonas)”, disse. Ele lembrou que são essas questões que determinam o valor da passagem. “Será o sistema inteligente que vai determinar o valor da passagem”.
Segundo Cavalcante, faz 12 anos que a Prefeitura perdeu o controle sobre as informações técnicas sobre o transporte público da capital. “Estamos dependendo da boa vontade do Sinetram e isso desmoraliza o órgão público responsável pelo transporte”, completou.
O assessor jurídico do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Amazonas (Sinetram), Fernando Borges, disse que a entidade nunca se negou a prestar informações. “A declaração não procede”, frisou. Ele disse que “o conhecimento do Sinetram sobre o sistema inteligente é superficial” e que não poderia avaliá-lo.
Nesta segunda-feira, 200 pesquisadores começaram a percorrer os cinco terminais de integração e as linhas de ônibus da cidade, verificando fluxo de passageiros e questões relacionadas à frota. O estudo vai apontar a necessidade, ou não, de criação de novas linhas, aumento da quantidade de veículos para cada uma delas, mudanças no sistema alternativo e executivo e os valores das tarifas.

Licitação
Cavalcante anunciou que o edital que prevê a contratação de novas empresas de transporte será publicado até 30 de novembro e que o contrato com a empresa vencedora deverá ser assinado em janeiro do próximo ano.
Até junho, 900 novos ônibus estarão circulando. “Manaus terá a frota mais nova do pais com idade média de 1,4 ano”, disse. A empresa vencedora deverá investir 5,3 bilhões e vai explorar o serviço por dez anos.

Fonte: D24 am
READ MORE - Manaus: Usuários receberão horários dos ônibus por celular e internet

Prefeitura do Rio vai instalar radares para fiscalizar corredores de ônibus em Copacabana

A circulação nos dois primeiros corredores exclusivos de ônibus que a prefeitura implantará em janeiro em Copacabana será controlada por radares, anunciou, nesta sexta-feira, o prefeito Eduardo Paes. Automóveis, táxis, vans e veículos de carga e descarga só poderão usar as seletivas até a primeira rua que dê mão à direita. Durante reunião com técnicos da Secretaria municipal de Transportes e da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Rio), o secretário Alexandre Sansão bateu o martelo sobre medidas operacionais para a implementação desses corredores. Segundo Sansão, deixarão de passar na Avenida Nossa Senhora de Copacabana e na Rua Barata Ribeiro 120 ônibus, em média, por hora. Ou seja, uma redução de 30% na quantidade dos coletivos (400/hora) que trafegam pelas duas principais vias do bairro.
- Com a diminuição dos coletivos em Copacabana, pretendemos melhorar o desempenho dos ônibus. Nossa estimativa é que a velocidade deles, que hoje é de menos de 15km/h, passe a 20, 25km/h - prevê Sansão.
Além da delimitação de duas faixas - de um total de quatro - para ônibus, o projeto de criação dos corredores também reorganiza e sinaliza os pontos. A exemplo das estações do metrô, eles ganharão nomes - de uma rua, uma praça ou um local importante próximo - e cores, para facilitar a identificação pelo passageiro. Serão criados três grupos de linhas, cada um deles com uma cor, que estará nos veículos e nos pontos.
- A distância entre um ponto e outro será de cem metros. Mas cada grupo de linhas terá pontos de 300 em 300 metros - explica Sansão.

Fonte: O Globo
READ MORE - Prefeitura do Rio vai instalar radares para fiscalizar corredores de ônibus em Copacabana

Ônibus híbrido começa a rodar em teste pelas ruas de São Paulo

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Começou a circular nesta segunda-feira na capital paulista o protótipo de um ônibus híbrido, que ficará em operação experimental por 15 dias. O veículo é movido por dois motores, um movido a óleo diesel e outro por uma bateria elétrica. Segundo a empresa fabricante, o sistema é cerca de 35% mais econômico do que o de um motor convencional e emite entre 80% e 90% menos poluentes.
O ônibus, que faz a linha entre Butantã (zona oeste) e Aclimação (região central), tem um motor elétrico, alimentado pela bateria, que é utilizado para dar partida e acelerar o veículo até a velocidade de 20 quilômetros por hora. O motor a diesel entra em operação quando o veículo atinge velocidades superiores. Existe ainda um sistema que recarrega as baterias utilizando a energia gerada pelo sistema de freios, uma tecnologia que já foi testada em carros da Fórmula 1.
Depois desse período de testes na cidade de São Paulo, o ônibus seguirá para uma nova fase experimental no Rio de Janeiro. Em março de 2011, o coletivo passará por testes definitivos nas ruas paulistanas. Se aprovado, a prefeitura deve autorizar a aquisição de 200 unidades para atender à população da maior metrópole brasileira.


Fonte: O Globo

Essa é a Notícia Nº 1000 do Estado de São Paulo neste Blog, um grande abraços a todos paulistas e moradores deste Estado que aos poucos vem dando prioridade ao transporte coletivo, mesmo ostentando ainda ser a cidade dos engarrafamentos gigantes. Mais Notícias de São Paulo
READ MORE - Ônibus híbrido começa a rodar em teste pelas ruas de São Paulo

Usuários pressionam e Catanduva ganha 12 novos ônibus

A empresa Jundiá, responsável pela concessão do transporte circular em Catanduva, cedeu à pressão dos usuários e trocou os 12 ônibus que estavam em circulação. Além disso, a empresa e a Secretaria de Transportes da cidade vão criar mais uma linha para os bairros.
As modificações transformam em uma nova rota a linha Jardim Salles com Theodoro. O Tarraf e o Flamingo ficam com rotas únicas.
“Essas duas são as linhas com maior número de usuários e com maior lotação. Resolvemos fazer essas alterações para melhorar o fluxo de pessoas”, diz Chedid.
Além das reclamações dos usuários, a prefeitura chegou a fazer um “pente fino” principais linhas para identificar as reclamações. “A demora de alguns circulares e a lotação em algumas linhas foram as principais reclamações. Eu mesmo peguei as rotas, como todo usuário, e falei com a população”, diz Garcia.
A Jundiá presta serviços na cidade há um ano e oito meses. Na licitação, entre as várias ordens de contrato, a empresa tem de colocar em circulação até 30 ônibus sem alterar o valor de R$ 2,10 cobrado pela passagem. ela não pode alterar esse valor com menos ônibus do que o combinado em contrato.
Hoje, circulam 22 ônibus em 16 linhas. Com a criação da linha Sales - Theodoro, passam a ser 17.
Se a empresa não cumprir com o programado, ela receberá multa de 1% sobre o valor da licitação — cerca de R$ 2,5 milhões (a multa seria aproximadamente R$ 20 mil)


Fonte: Rede Bom Dia
READ MORE - Usuários pressionam e Catanduva ganha 12 novos ônibus

Metrô Rio investe para melhorar ar-condicionado nas linhas 1 e 2

Esse sufoco, segundo a concessionária Metrô Rio, pode estar perto do fim. Até o início de novembro, todos os aparelhos de ar-condicionado da frota terão sido reformados.

Na linha 2, onde os passageiros mais sofrem com o calor, a promessa é de que a temperatura fique até 10 graus abaixo da exterior. Segundo a concessionária, a medida é emergencial para enquanto os novos trens, importados da China, não chegam. Já foram investidos no projeto R$17 milhões.

Na reforma foram trocados 364 condensadores de ar-condicionado. A peça é responsável por resfriar o ar quente da atmosfera, para que ele seja jogado dentro do trem resfriado. De acordo com o coordenador de Material Rodante da empresa, Everton Gonçalves, agora, a potência é maior.

— No verão passado, a temperatura na brita chegou a 72 graus. Nossos condensadores só suportavam até 60 graus. Acima disso, desarmavam. Esse foi o problema. Agora, mesmo com temperaturas altas desse jeito, o ar-condicionado não vai parar de funcionar — explicou.

Os novos trens encomendados da China estão previstos para chegar ao Rio no fim de 2011. Segundo a concessionária, as composições não terão problemas com o ar-condicionado por que os aparelhos são colocados na parte superior do vagão, diferentemente dos trens atuais, em que o equipamento fica próximo ao chão e, consequentemente, do calor. Além disso, a potência de cada aparelho será 33% maior do que a dos atuais.

PROJETO DA COPPE-UFRJ
Os passageiros da linha 2 do metrô foram os que mais sofreram com o calor, no verão passado, já que as composições circulam por cima da terra e sofrem a ação direta do sol. Para esses trens, a Coppe-UFRJ desenvolveu uma espécie de ventilador que vai ajudar a resfriar o condensador do aparelho de ar-condicionado.

— Vai funcionar como a ventuinha do radiador de um carro — explicou o coordenador de Material Rodante da empresa, Everton Gonçalves.

O trabalho na oficina da Metrô Rio começou em maio e, por dia, dois vagões são reformados. De acordo com a gerente de Relações Institucionais da concessionária, Rosa Cassar, por causa dos problemas ocorridos no verão passado, uma equipe de 45 pessoas foi contratada para atuar na área.

— Chamamos profissionais para integrar uma equipe permanente dedicada somente à manutenção de ar-condicionado, além dos 75 funcionários que trabalham na reforma. Também já temos estoques de peças para repor imediatamente no caso de problemas durante o verão — garantiu Rosa.

READ MORE - Metrô Rio investe para melhorar ar-condicionado nas linhas 1 e 2

Metrô de SP recebe mais um trem com ar-condicionado

O governador de São Paulo, Alberto Goldman, entregou hoje o 16º novo trem da Linha 2-Verde do Metrô (Vila Prudente - Vila Madalena). A nova composição segue o mesmo padrão dos novos trens já em operação, com ar-condicionado, câmeras de segurança internas e externas e portas mais largas para facilitarem o embarque e o desembarque.
Os novos trens fazem parte da expansão e modernização da rede metro-ferroviária. O objetivo é quadruplicar a rede com qualidade de metrô, passando de 60 quilômetros (2007) para 240 quilômetros. Desse total, 162 quilômetros são linhas da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos.

Fonte: Estadão
READ MORE - Metrô de SP recebe mais um trem com ar-condicionado

Novas estações do metrô invadem ruas de SP

Hoje, em um dia de sol, é impossível circular pela avenida Vital Brasil (zona oeste de SP) e ficar imune ao brilho cegante de uma enorme estrutura revestida em aço inox construída ali.
Não fosse o totem indicando que aquele edifício é a nova estação Butantã, da linha 4-amarela do metrô, o local poderia muito bem ser confundido com um centro comercial. Quatro de seus oito pavimentos são aparentes.
Projetadas para serem marcos na paisagem urbana, as novas estações das linhas verde e amarela projetam-se de forma ostensiva para fora do subterrâneo e causam forte impacto visual.
Também privilegiam a iluminação natural. As amplas cúpulas em estrutura metálica e vidro levam, em alguns casos, a luz do sol até a plataforma de embarque.
"Antes, as salas técnicas e operacionais ficavam enterradas. Os funcionários reclamavam de insalubridade, por isso projetamos para fora, com luz e ventilação naturais", afirma o chefe do departamento de projetos do Metrô, Ilvio Artioli.
Junto a isso, veio a redução de custos. Segundo o Metrô, o consumo de eletricidade já caiu 10%. Com economia de energia proveniente da iluminação natural e das novas escadas rolantes que diminuem sua velocidade quando não há usuários, o Metrô espera economizar, por ano, cerca de R$ 200 mil por estação.
Na rua Consolação, a estação Paulista, revestida com cerâmica azul e grades alaranjadas na fachada, ergue-se a uma altura de um edifício de quatro andares.

READ MORE - Novas estações do metrô invadem ruas de SP

João Pessoa terá mais ônibus opcionais nas ruas

Para estimular estas pessoas a utilizarem o transporte público, serão ofertados mais ônibus opcionais, com ar condicionado, poltronas confortáveis e sem superlotação. "Vamos fazer um debate com a sociedade. O sistema viário da cidade não comporta mais o número de veículos novos que estão chegando", disse. Está nos planos da STTrans fazer uma reestruturação no sistema de transporte, percorrendo vias que antes não eram atendidas pelos coletivos.

Quanto aos atrasos em algumas linhas, ele disse que é preciso saber a razão. Se for um fato esporádico, por conta de um episódio específico, não haveria necessidade de mudança. Qualquer alteração só será feita se ficar comprovado que o problema acontece diariamente. Em relação ao transporte intermunicipal, o diretor de Transportes do Departamento de Estradas de Rodagem na Paraíba (DER-PB), Rizonaldo Costa, explicou que a fiscalização de problemas relacionados ao transporte público é feita na medida do possível, porque existe uma limitação de efetivo. "Com o advento da Polícia Rodoviária Estadual (PRE) vai ficar mais fácil fiscalizarmos, e as soluções devem começar a aparecer. A expectativa é que isso venha ocorrer a médio prazo. A fiscalização vai melhorar e, por conseguinte, o serviço oferecido ao usuário vai melhorar também", concluiu.
Fonte: O Norte
READ MORE - João Pessoa terá mais ônibus opcionais nas ruas

São Bernardo lança Cartão Legal Criança Cidadã

O prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho, lançou mais uma categoria do Cartão Legal, o Criança Cidadã. O município é o primeiro da região metropolitana de São Paulo a disponibilizar um cartão exclusivo para crianças menores de cinco anos, última categoria com gratuidade a ser cadastrada. A iniciativa poderá beneficiar até 65 mil crianças que irão utilizar o cartão para transpor as catracas com validadores eletrônicos, sem o desconforto de passar por baixo ou por cima delas.

Para fazer o cadastramento, realizado em menos de 30 minutos, os pais ou responsáveis devem levar à Loja do Cartão Legal, RG, certidão de nascimento da criança e comprovante de endereço. Desde o início do cadastramento, no dia 19 de julho, mais de 44 mil pessoas, entre aposentados, pensionistas, pessoas com mais de 60 anos e pessoas com deficiência e acompanhantes já retiraram o Cartão Legal, garantindo com isso cidadania, conforto e segurança.

As próximas categorias a serem comercializadas são o vale-transporte, através das empresas empregadoras, seguida do Cartão Cidadão, que garantirá a qualquer usuário a integração temporal a partir de dezembro. Em janeiro de 2011, está previsto o cadastramento do passe escolar.

A antiga carteira da SBCTrans (concessionária do sistema de transporte coletivo no município), oferecida aos usuários com gratuidade (aposentados, maiores de 60 anos e pessoas com deficiência), só poderá ser usada até o dia 31 de outubro. Após essa data, para ter gratuidade será necessário usar o Cartão Legal para embarcar nos ônibus das linhas municipais.

O cadastro do Cartão Legal pode ser feito com agendamento antecipado na própria loja, que fica na Rua Marechal Deodoro, 769, Centro, pelo telefone 0800-7710191 ou ainda pelo site www.cartaolegal.com. No local também há um pré-atendimento para a verificação de documentos e informações gerais. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e aos sábados, das 8h às 12h.

Validadores
O Cartão Legal, o Bilhete Único de São Bernardo, já está em funcionamento na cidade. Desde o dia 25 de setembro, dos 377 ônibus da SBCTrans (concessionária de transporte coletivo) com validadores eletrônicos instalados, 330 já estão funcionando com o sistema, que entrará em operação gradativamente em toda frota.

Os passageiros cadastrados com isenção tarifária podem utilizar o cartão para passar pelas catracas com validadores eletrônicos. A expectativa é que o sistema esteja totalmente preparado até o final deste ano. Os ônibus contam com equipamentos para identificação digital dos usuários e moedeiros eletrônicos, que facilitam o pagamento em dinheiro, agilizando o embarque de passageiros. O investimento da concessionária foi de R$ 12 milhões.

O uso do Cartão Legal será necessário para o sistema de integração tarifária na cidade, prevista para o final deste ano, o que possibilitará a utilização de mais de uma linha pagando uma única tarifa em um intervalo de 1h30, garantindo ao usuário conforto, economia e agilidade nas viagens. A Administração tem como projeto a construção de três terminais nas regiões do Rudge Ramos, Alves Dias e Riacho Grande.

Fonte: Reporter Diário
READ MORE - São Bernardo lança Cartão Legal Criança Cidadã

Santo André está perto de abrigar estação do VLT

A disputa entre Santo André e Mauá para sediar a estação de linha de transporte coletivo ligando o Grande ABC à Guarulhos já tem uma favorita. Santo André tomou iniciativa e apresentou projeto paralelo ao governo do Estado para destacar as vantagens técnicas e econômicas oferecidas pelo município, enquanto a concorrente vinha apenas participando das discussões formais.
O governo Aidan Ravin (PTB) propôs a revitalização da estação desativada Pirelli para sediar o transporte. O local possui grande área ociosa, com condições para estrutura de interligação com a CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) e transporte municipal. O modelo VLT (Veiculo Leve sobre Trilhos) é o escolhido. A administração também previu ampliar o percurso do Expresso Guarara, corredor tronco de ônibus que liga a região da represa ao Centro pelo Avenida Capitão Mario de Toledo, até a parada Pirelli. O Estado finaliza os estudos funcionais em fevereiro.
"Quando apresentamos a proposta aos técnicos da empresa contratada pelo Estado que faz o estudo, eles entenderam ser o trajeto mais viável. Inclusive, colheram diversos dados técnicos. A questão não foi política, mas sim técnica", explicou o secretário de Habitação Frederico Muraro Filho.
O VLT sairia da Avenida do Estado até a Avenida André Ramalho, em seguida pelas Avenidas Jorge Bereta, das Nações e então pela Rua do Oratório na divisa com a Capital. A STM (Secretaria dos Transportes Metropolitanos) prevê a ligação entre as linhas 10 (Turquesa), 11 (Coral) e 12 (Safira), da CPTM. Também é prevista conexão com a Linha 3 (Vermelha), com o futuro prolongamento da Linha 2 (Verde), ambas do Metrô, e com o corredor de ônibus São Matheus - Jabaquara, da EMTU/SP, além da integração com os sistemas coletivos municipais. A linha fará ligação direta ao Aeroporto Internacional de Guarulhos.
A relação do governo Estadual com Aidan rendeu o Poupatempo da Saúde, promessa de campanha, concretizada com a construção de um AME (Ambulatório Médico de Especialidades). Em contrapartida, Oswaldo Dias (PT), tem contabilizado investimento estadual quase zero.
O secretário de Transportes de Mauá Renato Moreira foi informado pelo Diário sobre a predileção de Santo André e estranhou o fato. Para ele, o município mauaense tem excelentes condições de abrigar a parada Grande ABC. A recém-inaugurada extensão da Jacu-Pêssego é vista como rota ideal e mais econômica por Moreira.
O Estado ainda não oficializou a decisão. No entanto, o diretor de Desenvolvimento e Projetos da Secretaria de Transportes, Ayrton Cardoso, arrisca prever que cinco anos são necessários para a finalização do projeto andreense.
NO PAPEL - A instalação do VLT é mais uma das ações que potencializam o projeto Cidade Pirelli idealizado pelo ex-prefeito Celso Daniel (morto em 2002). No local serão construídas nove torres mistas no bairro, além de um shopping center. A incorporadora estuda parceria com governo para revitalizar a parada Pirelli.Esse é o segundo projeto de VLT na região. Em 2009, os prefeitos de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), e São Caetano, José Auricchio Júnior (PTB), projetaram a construção de uma linha entre as duas cidades e a estação da CPTM Tamanduateí. Não há propostas de interligação entre os projetos.
READ MORE - Santo André está perto de abrigar estação do VLT

Ônibus híbrido começa a circular nesta segunda em São Paulo

domingo, 24 de outubro de 2010

Um protótipo de ônibus híbrido diesel/elétrico vai entrar em operação comercial na segunda-feira, 25, em São Paulo. O veículo, desenvolvido pela Volvo , com apoio da Secretaria Municipal de Transportes e a São Paulo Transporte (SPTrans), começou a ser testado hoje. Ele vai circular na Linha 724A - Butantã/Aclimação.
O novo ônibus, segundo o fabricante, é chamada de "Híbrida em Paralelo", e foi projetada para ser um ônibus com dois motores, um a diesel e outro elétrico, que funcionam em paralelo ou de forma independente. O motor elétrico é utilizado para dar partida no veículo e acelerá-lo até uma velocidade de aproximadamente 20 km/hora, e também como gerador de energia durante as frenagens.
O motor diesel entra em funcionamento em velocidades mais altas. A cada vez que se acionam os freios, a energia de desaceleração é utilizada para carregar as baterias. Quando o veículo está parado, seja no trânsito, em pontos de ônibus ou em semáforos, o motor diesel fica desligado.
Estudos da Volvo demonstram que o tempo que o veículo fica parado pode representar até 50% do período total de operação do ônibus. Durante todo esse tempo, não há emissões de poluentes, pois o motor diesel se apaga completamente. O modelo em teste ficará 15 dias na capital, depois segue para um teste no Rio de Janeiro. Em março de 2011, volta para testes definitivos com equipamentos "onboard".

Nova frota. A Secretaria Municipal dos Transportes afirmou que também vai intensificar a renovação de 140 trólebus, dos 203 veículos elétricos, que percorrem 137 quilômetros de cabos, divididos em 12 linhas, a maioria na zona leste da cidade.
No momento, 11 veículos novos já estão operando. Os novos carros serão distribuídos de acordo com as necessidades identificadas pela concessionária que opera com trólebus. Todos os novos veículos são totalmente acessíveis, com rampa para cadeirantes.


Fonte: Estadão
READ MORE - Ônibus híbrido começa a circular nesta segunda em São Paulo

Cuiabá ganha 1ª linha expressa

A partir de segunda-feira (25) o transporte coletivo de Cuiabá contará com o apoio da primeira linha de ônibus expressa que vai ligar o Terminal do CPA 3 ao Centro. A linha E-1 tem caráter experimental e o objetivo é dar fluidez e agilidade ao transporte de passageiros entre 6h e 9h da manhã.
O diretor de Transporte Coletivo de Cuiabá, Gabriel Müller, explica que serão disponibilizados 9 ônibus para essa linha, sendo que cada um fará 3 viagens. O embarque será feito somente no Terminal do CPA 3. Nos 5 pontos onde o ônibus parar - ao logo das avenidas Rubens de Mendonça e Tenente Coronel Duarte (Prainha) -ocorrerá apenas desembarque, tanto que o veículo nem terá cobrador.
Depois de deixar os passageiros no último ponto, o veículo retornará vazio, direto ao terminal. Nesse sistema, a partir das 9h, os carros são recolhidos e só voltam a circular no dia seguinte.
Para o diretor de transporte, a linha expressa é uma alternativa para quem vai dos bairros direto ao centro cidade, principalmente a trabalho. Como não há embarque, o tempo médio do percurso será de 25 minutos, bem menos dos que os 45 minutos que as linhas "normais" precisam para realizar o mesmo trajeto.
Mesmo com esses benefícios, Gabriel afirma que não existem projetos pilotos para a inclusão de linhas expressas em outras regiões da cidade. "Só poderemos fazer uma avaliação mais precisa depois que a linha estiver funcionando. Mas, a princípio, estamos focando nos estudos do sistema de transporte expresso BRT (Bus Rapid Transit)".
A nova linha será divulgada nos veículos de comunicação e em cartazes fixados no terminal e nos ônibus.
Fonte: O Nortão
READ MORE - Cuiabá ganha 1ª linha expressa

Motivos culturais personalizam a nova frota de ônibus coletivos de Uberaba

A padronização dos ônibus de transporte coletivo foi iniciada em Uberaba. Na manhã de ontem, o sistema recebeu 17 novos ônibus personalizados com imagens que visam valorizar o patrimônio cultural da cidade. Em carreata, os veículos passaram pelas principais vias e depois foram apresentados ao prefeito Anderson Adauto.
De acordo com Claudinei Nunes, diretor de Operações e Fiscalização do Transporte Coletivo, oito carros já estão disponíveis hoje para atender aos usuários. “Temos que instalar a catraca eletrônica e os GPS nos outros nove”, explica.
Ainda segundo Claudinei, são aguardados mais 12 novos carros até o dia 30 e também serão disponibilizados outros dois para atender à linha Peirópolis-Ponte Alta. “Os ônibus que atenderão essa linha possuem uma particularidade, pois a carroceria é alongada, conseguindo assim maior espaço para o transporte de passageiros. Eles também serão adesivados com um layout a ser criado”, afirma.
Claudinei ressaltou que todos os 136 veículos da frota que atendem as 37 linhas passarão, gradativamente, a ter o novo layout. “Dentro de seis meses, a empresa Piracicabana começa a substituir seus ônibus, que também serão personalizados”, afirma. Sobre o aumento na quantidade de linhas, o diretor conta que um estudo é feito para que todos os bairros sejam atendidos.  

Horário. Durante a apresentação dos ônibus personalizados, Robinson do Amaral Camargo, superintendente de Planejamento de Transporte e Trânsito, foi questionado sobre a necessidade de se fixar os horários impressos nos pontos. Segundo ele, um estudo feito em grandes cidades verificou que a colocação do horário para a visualização dos usuários não funciona. “Existe uma constante troca de horários a partir de estudos feitos nas linhas”, explica. Robinson ressaltou que até o dia 31 de dezembro, 100 painéis eletrônicos que indicam o tempo exato para a chegada dos ônibus serão instalados nos principais pontos da cidade.

 
READ MORE - Motivos culturais personalizam a nova frota de ônibus coletivos de Uberaba

Licitação do transporte público em Natal ainda enfrenta “impasses”

A licitação do transporte público tem até o dia 31 de dezembro de 2010 para sair do papel. Mas, para que isso aconteça, ainda faltam alguns entraves para a publicação do edital. De acordo com o secretário municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semopi), Renato Fernandes, a prefeitura aguarda a conclusão do plano de mobilidade urbana de Natal para seguir os outros processos burocráticos.
“Estamos trabalhando em cima da parte jurídica do edital desta licitação. Pela lei temos até o dia 31 de dezembro para publicação e vamos cumprir o prazo. Mas para que possamos dar andamento a esse processo é importante o plano de mobilidade urbana que está sendo feito pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Pelo que fui informado, o projeto está 80% concluído”, explicou.

O secretário informou ainda que cabe ao Gabinete Civil da prefeitura de Natal pressionar a UFRJ para a finalização do projeto que teve inicio no final de 2008. Segundo Renato Fernandes, este plano será fundamental para que o edital seja confeccionado.
Renato Fernandes destacou que tem feito o possível para agilizar o processo e espera a publicação do edital até o dia 30 de novembro. “Este é um prazo que eu quero cumprir. Até lá vamos realizar audiências públicas e ouvir a sociedade que são subsídios para a implantação do edital”.

Bilhetagem Única

Em relação a bilhetagem única, o secretário informou que depende de um consenso entre empresários de transportes coletivos, sociedade e permissionários de transporte opcional. “Já tivemos muitas reuniões com todos os envolvidos, mas precisamos ouvir os usuários sobre a necessidade dessa união. A prefeitura defende a bilhetagem única, mas isso tem que ser feito de forma harmônica”.

Renato Fernandes disse ainda que acredita que para a solução deste impasse, será necessário que os donos de alternativos deverão se unir e se associarem a uma ou duas cooperativas para que as negociações sejam agilizadas. “Será muito mais fácil conversar com representantes de duas ou três cooperativas do que com 177 empresas individuas”.

O secretário lembrou ainda que os empresários ganharam na Justiça o direito a bilhetagem única, ou seja, a não integração, porém a prefeitura também defende a unificação do bilhete para facilitar a vida do natalense. “Agora é bom lembrar que os alternativos são uma segunda opção. Devem ir àqueles lugares aonde os ônibus não chegam”.
Há dois meses, os usuários do transporte alternativo esperam a implantação da bilhetagem única, que permitirá a população utilizar o mesmo cartão de passagem nas vans ou nos ônibus. Por causa da demora, o Sindicato dos Permissionários de Transporte Opcional de Passageiros do Rio Grande do Norte (Sitoparn) tem denunciado o domínio do transporte público em Natal.

"Quem decide as coordenadas hoje são as empresas privadas, com um poder público omisso. O que estamos vendo é algo que deveria ser administrado pelos órgãos públicos, e não é. São justamente os nossos concorrentes que decidem tudo e nós, junto com toda a população, é que pagamos o preço", diz Nivaldo Andrade, diretor do Sitoparn.

A polêmica em torno do sistema de bilhetagem eletrônica começou quando a Prefeitura passou a exigir dos permissionários de opcionais o uso das máquinas, que já estavam instaladas nos ônibus. O objetivo do município era de que, após esta etapa, o usuário pudesse utilizar o cartão de passagem nos dois veículos, porém, mesmo equipados, a bilhetagem única não funciona.
Fonte: Nominuto
READ MORE - Licitação do transporte público em Natal ainda enfrenta “impasses”

Seja Mais Um a Curtir o Blog Meu Transporte

 
 
 

O Brasil está pagando um preço alto pela falta de mobilidade

Hibribus (ônibus híbrido-elétrico) de Curitiba é elogiado por especialistas

Exemplo: Nova York ganhou 450 quilômetros de ciclovias em 04 anos

Brasil tem mais de cinco mil vagões de trem sem uso parados em galpões

Ônibus em corredores exclusivos é tão bom quanto o metrô

Os ônibus elétricos do Recife começaram a circular em junho de 1960